Tite vê momento decisivo: ‘Hora de separar meninos de homens’

Publicado em segunda-feira, outubro 14, 2013 ·

corintiansO Corinthians terá dez jogos no Campeonato Brasileiro para chegar ao G-4 e conquistar seu principal objetivo no segundo semestre: uma vaga na Taça Libertadores da América. Atualmente longe da parte de cima da tabela de classificação, o Timão está “preso” na zona intermediária. Para o técnico Tite, chegou a hora de separar homens de meninos, uma vez que a equipe viverá seu momento mais decisivo em 2013.

O discurso do comandante alvinegro vem sendo o mesmo desde o início da competição nacional. Por conta do formato em pontos corridos, Tite evitava fazer qualquer projeção sobre como o Corinthians terminaria o torneio, dizendo que apenas nas dez rodadas finais tudo começaria a se desenhar. Nesse contexto, chegou a hora de ver do que o Timão será capaz.

– Mais do que nunca, homens e meninos vão ficar um de cada lado. O grau de responsabilidade vai aumentando. Tudo depende da ótica de cada um. O Campeonato Brasileiro é muito difícil, e todas as equipes estão passando dificuldades – analisou.

Mais do que nunca, homens e meninos vão ficar um de cada lado. O campeonato é muito difícil, e todas as equipes estão passando dificuldades”
Tite

Nos últimos 12 jogos disputados – 11 pelo Brasileirão e um pela Copa do Brasil – o Corinthians acumula cinco derrotas, seis empates e apenas uma vitória. A equipe, aliás, é recordista de igualdades na competição nacional: foram 13 empates, oito delas sem gols. A estatística já foi motivo de revolta da torcida, que reclamou da suposta falta de vontade da equipe após conquistar a Libertadores e o Mundial de Clubes no ano passado.

A diretoria do Timão já deixou claro que a vaga na Taça Libertadores da América é uma obrigação da equipe para o segundo semestre, tendo em vista a montagem do elenco milionário para este ano. Com contrato até o fim da temporada, Tite dá claros sinais de cansaço com a situação alvinegra e a pressão diária por melhores resultados. A expressão do treinador na entrevista coletiva após o empate sem gols com o São Paulo, no último domingo, era de evidente desgaste.

Ciente das deficiências da equipe, o técnico evita rebater críticas ou justificar os resultados recentes pela ausência de jogadores importantes para o elenco, como Paolo Guerrero, que sofreu uma fissura no quinto metatarso do pé esquerdo, e Alexandre Pato, mais uma vez convocado pela seleção brasileira, que disputa amistosos na Ásia. O ataque do Timão é o segundo pior do Brasileirão, com 22 gols marcados.

– Não me chateia. Tudo vai do nível de conhecimento e compreensão. Já passei da idade de fazer com que as pessoas modifiquem suas ideias. Busco competência e discernimento. Tudo isso é do jogo – completou Tite.

O Corinthians volta a campo na próxima quarta-feira, às 21h50m (horário de Brasília), para enfrentar o Grêmio, em Porto Alegre. Além do time gaúcho, o Timão ainda enfrentará Criciúma, Santos, Vitória, Fluminense, Coritiba, Vasco, Flamengo, Internacional e Náutico na sequência da competição nacional. Por conta da punição do STJD (Superior Tribunal de Justiça Desportiva), apenas as partidas contra Fluminense, Vasco e Inter serão no estádio do Pacaembu. As outras duas como mandante são contra Criciúma (em Itu, no dia 19) e Santos (sem local definido, dia 27).

 

Globoesporte.com

Comentários

Tags :

REDES SOCIAIS













ARTICULISTAS
Ramalho Leite
Karlos Thotta
Padre Bosco





INSTAGRAM @focandoanoticia


Focando a Notícia - CNPJ: 11.289.729/0001-46
Proibida reprodução total ou parcial deste site sem aviso prévio
jornalismo@focandoanoticia.com.br
(83) 99301.2627