Arquivo da tag: Wallber

Pesquisa Ibope em João Pessoa: Cícero, 21%; Nilvan, 15%; Ricardo, 10%; Wallber, 10%

Pesquisa Ibope divulgada pela TV Cabo Branco nesta terça-feira (22) aponta os seguintes percentuais de intenção de voto para a Prefeitura de João Pessoa nas Eleições 2020:

  • Cícero Lucena (PP): 21%
  • Nilvan Ferreira (MDB): 15%
  • Ricardo Coutinho (PSB): 10%
  • Wallber Virgolino (PATRIOTA): 10%
  • Ruy Carneiro (PSDB): 9%
  • Edilma Freire (PV): 9%
  • João Almeida (SOLIDARIEDADE): 3%
  • Raoni (DEM): 1%
  • Anísio Maia (PT): 1%
  • Branco/Nulo: 13%
  • Não sabe/Não respondeu: 7%
Eleções 2020: intenção de votos para prefeito de João Pessoa  — Foto: TV Cabo Branco/Reprodução

Eleições 2020: intenção de votos para prefeito de João Pessoa — Foto: TV Cabo Branco/Reprodução

Ítalo Guedes (PSOL) e Rama Dantas (PSTU) tiveram menos de 1%. Camilo Duarte (PCO), Carlos Monteiro (REDE) e Rafael Freire (UP) não foram citados.

Eleições 2020: intenção de votos para prefeito de João Pessoa  — Foto: TV Cabo Branco/Reprodução

Eleições 2020: intenção de votos para prefeito de João Pessoa — Foto: TV Cabo Branco/Reprodução

Eleições 2020: intenção de votos para prefeito de João Pessoa — Foto: TV Cabo Branco/Reprodução

Eleições 2020: intenção de votos para prefeito de João Pessoa — Foto: TV Cabo Branco/Reprodução

Evolução

  • Cícero Lucena foi de 18% para 21%;
  • Nilvan Ferreira se manteve com 15%;
  • Ricardo Coutinho foi de 12% para 10%;
  • Wallber Virgolino se manteve com 10%;
  • Ruy Carneiro foi de 7% para 9%;
  • Edilma Freire foi de 5% para 9%;
  • João Almeida foi de 1% para 3%
  • Raoni foi de 2% para 1%;
  • Anísio Maia se manteve com 1%;
  • Ítalo Guedes (PSOL) não estava na primeira pesquisa e foi para 0%
  • Rama Dantas (PSTU) não foi citada na primeira pesquisa e foi para 0%.
  • Brancos e nulos foram de 20% para 13%;
  • Indecisos foram de 8% para 7%.

Rejeição

A pesquisa também perguntou em quem os eleitores não votariam de jeito nenhum. Os percentuais foram os seguintes:

  • Ricardo Coutinho (PSB): 53%
  • Cícero Lucena (PP): 30%
  • Ruy Carneiro (PSDB): 17%
  • Nilvan Ferreira (MDB): 17%
  • Wallber Virgolino (PATRIOTA): 16%
  • Anísio Maia (PT): 15%
  • Edilma Freire (PV): 13%
  • João Almeida (SOLIDARIEDADE): 13%
  • Raoni (DEM): 12%
  • Rafael Freire (UP): 11%
  • Rama Dantas (PSTU): 11%
  • Carlos Monteiro (REDE): 10%
  • Camilo Duarte (PCO): 8%
  • Ítalo Guedes (PSOL): 8%
  • Poderiam votar em todos: 1%
  • Não sabem ou preferem não opinar: 11%
Rejeição — Foto: TV Cabo Branco/Reprodução

Rejeição — Foto: TV Cabo Branco/Reprodução

Rejeição — Foto: TV Cabo Branco/Reprodução

Rejeição — Foto: TV Cabo Branco/Reprodução

Rejeição — Foto: TV Cabo Branco/Reprodução

Rejeição — Foto: TV Cabo Branco/Reprodução

Rejeição  — Foto: TV Cabo Branco/Reprodução

Rejeição — Foto: TV Cabo Branco/Reprodução

Os entrevistados podiam apontar mais de uma resposta, por isso a soma dos fatores apontados é de mais de 100%.

A pesquisa foi encomendada pela TV Cabo Branco.

Sobre a pesquisa

  • Margem de erro: 4 pontos percentuais para mais ou para menos
  • Quem foi ouvido: 602 eleitores da cidade de João Pessoa
  • Quando a pesquisa foi feita: 20 a 22 de outubro
  • Número de identificação na Justiça Eleitoral: PB-08581/2020.
  • O nível de confiança utilizado é de 95%. Isso quer dizer que há uma probabilidade de 95% de os resultados retratarem o atual momento eleitoral, considerando a margem de erro.

 

G1

 

 

Pesquisa Ibope em João Pessoa: Cícero, 18%; Nilvan, 15%; Ricardo, 12%; Wallber, 10%

Pesquisa Ibope divulgada pela TV Cabo Branco nesta segunda-feira (5) aponta os seguintes percentuais de intenção de voto para a Prefeitura de João Pessoa nas Eleições 2020:

  • Cícero Lucena (PP): 18%
  • Nilvan Ferreira (MDB): 15%
  • Ricardo Coutinho (PSB): 12%
  • Wallber Virgolino (PATRIOTA): 10%
  • Ruy Carneiro (PSDB): 7%
  • Edilma Freire (PV): 5%
  • Raoni (DEM): 2%
  • Anísio Maia (PT): 1%
  • João Almeida (SOLIDARIEDADE): 1%
  • Branco/Nulo: 20%
  • Não sabe/Não respondeu: 8%
Eleições 2020: intenção de voto para prefeito de João Pessoa — Foto: TV Cabo Branco/Reprodução

Eleições 2020: intenção de voto para prefeito de João Pessoa — Foto: TV Cabo Branco/Reprodução

Camilo Duarte (PCO), Carlos Monteiro (REDE), Pablo Honorato Nascimento (PSOL) e Rafael Freire (UP) tiveram menos de 1%. Rama Dantas (PSTU) não foi citada.

Eleições 2020: intenção de voto para prefeito de João Pessoa  — Foto: TV Cabo Branco/Reprodução

Eleições 2020: intenção de voto para prefeito de João Pessoa — Foto: TV Cabo Branco/Reprodução

Rejeição

A pesquisa também perguntou em quem os eleitores não votariam de jeito nenhum. Os percentuais foram os seguintes:

  • Ricardo Coutinho (PSB): 43%
  • Cícero Lucena (PP): 30%
  • Ruy Carneiro (PSDB): 18%
  • Nilvan Ferreira (MDB): 16%
  • Wallber Virgolino (PATRIOTA): 13%
  • Anísio Maia (PT): 11%
  • Edilma Freire (PV): 11%
  • João Almeida (SOLIDARIEDADE): 10%
  • Raoni (DEM): 9%
  • Pablo Honorato Nascimento (PSOL): 8%
  • Rama Dantas (PSTU): 8%
  • Camilo Duarte (PCO): 7%
  • Rafael Freire (UP): 7%
  • Carlos Monteiro (REDE): 6%
  • Poderiam votar em todos: 2%
  • Não sabem ou preferem não opinar: 14%
Rejeição — Foto: TV Cabo Branco/Reprodução

Rejeição — Foto: TV Cabo Branco/Reprodução

Rejeição — Foto: TV Cabo Branco/Reprodução

Rejeição — Foto: TV Cabo Branco/Reprodução

Rejeição — Foto: TV Cabo Branco/Reprodução

Rejeição — Foto: TV Cabo Branco/Reprodução

Os entrevistados podiam apontar mais de uma resposta, por isso a soma dos fatores apontados é de mais de 100%.

A pesquisa foi encomendada pela TV Cabo Branco.

Sobre a pesquisa

  • Margem de erro: 4 pontos percentuais para mais ou para menos
  • Quem foi ouvido: 602 eleitores da cidade de João Pessoa
  • Quando a pesquisa foi feita: 3 e 4 de outubro
  • Número de identificação na Justiça Eleitoral: PB-07812/2020
  • O nível de confiança utilizado é de 95%. Isso quer dizer que há uma probabilidade de 95% de os resultados retratarem o atual momento eleitoral, considerando a margem de erro.

 

G1

 

 

Após acusação de viagem a Noronha sem esposa, João Almeida desafia Wallber a apresentar comprovante de gastos com verba indenizatória

Após trocarem acusações de ‘bebedeira’ na pandemia do novo coronavírus e de viagem a Fernando de Noronha sem companhia da esposa, João Almeida e Wallber Virgolino travaram novo confronto no debate da rádio Arapuan FM, nesta segunda-feira (28). João se comprometeu a mostrar e desafiou Wallber a apresentar comprovantes de gastos da Verba Indenizatória de Apoio Parlamentar (VIAP), recurso ao qual os parlamentares têm direito.

João Almeida havia acusado Wallber Virgolino de passar a pandemia “tomando cachaça” em Bananeiras durante o período de maior rigor do isolamento social. Em contrapartida, Wallber disse que estava em João Pessoa distribuindo cestas básicas aos mais carentes e que João Almeida estava em um avião viajando para Fernando de Noronha, acompanhado, embora a companhia não fosse a esposa.

Os dois chegaram a protagonizar momentos de tensão. João Almeida teria se exaltado enquanto Wallber o acusava e o mediador Luís Torres teve que intervir para que o debate fosse realinhado aos temas.

No final do debate, ambos tiveram direito de resposta e negaram as acusações feitas um ao outro, alegando que estavam com suas respectivas famílias. Além disso, eles voltaram a acusar o outro de corrupto. João Almeida, então, fez o desafio para exposição dos gastos com a VIAP.

clickpb

 

‘Quando eu brigar vai ser na bala’, diz Wallber ao negar confusão em bloco do Folia de Rua, em JP

O deputado estadual Wallber Virgolino (Patriotas) negou, neste sábado (15), ter se envolvido em uma confusão na dispersão de um bloco que desfilou nessa sexta-feira (14), dentro do projeto Folia de Rua, na Avenida Epitácio Pessoa, em João Pessoa.

Informações que chegaram à redação apontaram o parlamentar como suposto envolvido na briga entre foliões. Há relatos de que disparos de arma de fogo, inclusive com vítimas atingidas pelos tiros.

Um homem foi atingido com um tiro no braço e costas, enquanto que uma mulher teve o braço ferido com estilhaços. Os dois foram socorridos para hospitais, onde receberam atendimento médico.

Em contato com o Paraíba.com.br, Wallber explicou que a briga não foi com ele, apenas aconteceu perto de onde estava. “A briga não era comigo, tentei apaziguar. Agora no dia que eu brigar, não vai ser na tapa, não, vai ser na bala”, disse o parlamentar, se mostrando indignado com a situação.

 

 (Foto: Kawê Barreto)
Paraíba.com.br