Arquivo da tag: Shoppings

Comércio fecha e shoppings e ônibus têm esquema especial em Campina e João Pessoa

O comércio de João Pessoa e Campina Grande fecha as portas nesta segunda-feira (21), Dia do Comerciário. De acordo com o Sindicato dos Lojistas do Comércio (Sindilojas), apenas farmácias têm permissão para funcionar. Veja abaixo os esquemas especiais para shoppings e ônibus nas duas maiores cidades do estado.

João Pessoa

Nos shoppings, vão funcionar os bancos, casas lotéricas, academias e agências de serviços. Nos shoppings Manaíra e Mangabeira, os restaurantes só poderão atender no sistema de delivery. Veja abaixo esquemas detalhados dos shoppings para o funcionamento no feriado dos comerciários.

Manaíra Shopping

Praça de Alimentação/restaurantes Espaço Gourmet

  • fechados (exceto delivery das 12h às 22h)

Academia Smart Fit

  • funciona das 6h às 22h

Bancos

  • funcionam das 10h às 14h

Casa Lotérica

  • funciona das 10h às 20h

Mangabeira Shopping 

Praça de Alimentação

  • fechada (exceto delivery das 12h às 20h)

Academia Self it

  • funciona das 06h às 21h

Banco Sicred

  • funciona das 09h às 15h

Sebrae

  • funciona das 14h às 18h

Renavin

  • funciona das 8h às 19h

Mag Shopping

Praça de Alimentação/restaurantes Espaço Gourmet

  • funciona das 10h às 20h (atendimento no local e delivery)

Academia Selfit

  • funciona normalmente

Caixa Econômica e Unicred

  • funcionam normalmente

Tambiá Shopping

  • fecham as lojas e a Praça de Alimentação

Shopping Sul

Praça de Alimentação/restaurantes Espaço Gourmet

  • funciona das 11h às 22h (atendimento no local e delivery)

Casa Lotérica

  • funciona normalmente

Ônibus em João Pessoa

O sistema de transporte coletivo da Capital vai operar com quadro de sábado. A mudança ocorre para garantir uma oferta de acordo com a demanda, que estará reduzida devido ao feriado.

Haverá 54 linhas realizando 1.322 viagens durante todo o dia. Com a redução do número de veículos que normalmente circulam na cidade em dias que o comércio funciona, as viagens nos ônibus urbanos vão ser bem mais rápidas, o que representa ganho de tempo para o usuário.

Do quadro norma de sábado, apenas seis linhas não estarão circulando, sendo elas a 600, 5600, 5310, 101, 123 e 9901. Os itinerários estarão cobertos de forma a evitar prejuízos aos passageiros, como pode ser verificado na relação abaixo:

  • 600 – coberta pela 601
  • 5600 – coberta pela 5603 e circulares
  • 5310 – coberta pela 3510
  • 101 e 123 – cobertas pela 116
  • 9901 – coberta pela 207 e circulares

A Superintendência Executiva de Mobilidade Urbana (Semob-JP) informou que a partir desta segunda-feira (21) a linha 210 terá uma pequena alteração de itinerário. Ela passa a cobrir o Mercado Central, acessando em seguida o Parque da Lagoa.

 

portalcorreio

 

 

Praças de alimentação dos shoppings de João Pessoa voltam a funcionar

As praças de alimentação de todos os shoppings de João Pessoa serão reabertas a partir desta quinta-feira (6). De acordo com o prefeito Luciano Cartaxo (PV), a decisão ocorreu após uma reunião com representantes do Sindicato das Empresas de Hospedagem e Alimentação de João Pessoa.

Segundo o gestor, trata-se de mais um passo na reabertura gradativa da cidade após o fechamento provocado pela pandemia do coronavírus. Os shoppings já estavam abertos desde 13 de julho, mas até então com o funcionamento restrito às lojas.

A Prefeitura tomou ainda uma segunda decisão. A flexibilização do horário de funcionamento das cafeterias e lanchonetes da cidade, que passam a funcionar das 12h às 20h. Desde 27 de julho, elas estavam funcionando apenas nos horários das refeições.

Por fim, o comércio de rua do centro de João Pessoa vai poder funcionar até às 17h. Mas essa decisão vale apenas até domingo, para atender a demanda de Dia dos Pais. Depois disso, o horário de fechamento de 15h volta a valer até segunda ordem.

Para o prefeito, a reabertura será pouco a pouco realizada, “com diálogo, entendimento e muitos protocolos que garantem a segurança”. Para ele, são “passos firmes para o fortalecimento da economia, mas preservando a vida”.

G1

 

Decreto efetiva mudanças na 2ª etapa de flexibilização de Campina Grande; shoppings abrem nesta segunda

O prefeito de Campina Grande, Romero Rodrigues (PSD), assinou o decreto 4.494, que faz mudanças no plano de flexibilização econômica no município e foi foi publicado na noite de domingo (28). As galerias e shoppings devem reabrir nesta segunda-feira (29), mas com cinemas, praças de alimentação e salões de jogos fechados.

Os bares, restaurantes e academias, que deveriam retornar nesta segunda-feira, continuarão fechados e só devem reabrir na última fase do plano de flexibilização.

Segundo o decreto, “as lojas dos shopping centers, galerias e congêneres poderão abrir na fase amarela, ficando vedada a abertura de game station, cinemas e praças de alimentação”. O prefeito Romero Rodrigues informou ao G1 que a prefeitura enquadra o município na bandeira amarela de classificação e não na laranja, como o governo do estado classifica.

Conforme o decreto, as instituições de ensino deverão programar retorno das suas atividades administrativas apenas na fase verde e as demais na edição de outro decreto. Já os eventos festivos permanecerão fechados e sem plano definido de retomada das suas atividades.

A prefeitura decidiu modificar a 2ª Etapa do Plano de reabertura após duas reuniões com representantes do Ministério Público com a gestão municipal. As etapas de flexibilização que deveriam acontecer a cada 14 dias agora acontecerão a cada 20 dias. Segundo o prefeito, o aumento de dias de uma etapa para outra permite uma melhor análise da situação do município.

De acordo com o plano de flexibilização econômica do estado, que divide os municípios por bandeiras de classificação e avaliação que determinam se as cidades podem adotar os parâmetros de fiscalização, Campina Grande tem bandeira laranja.

Nessa classificação devem ser permitidos serviços essenciais como agropecuária; cadeia produtiva e atividades essenciais; bancos, casas lotéricas, correspondentes bancários e seguradoras; empresas de telecomunicação, comunicação e imprensa; distribuidoras e geradoras energia, atividades de extração, produção, siderúrgica e afins; transporte, armazenagem, empresas de logística, correios e manutenção de veículos automotores; supermercados e afins; serviços de saúde; tratamento de água e esgoto e coleta de resíduos; e administração pública.

G1

 

Shoppings e galerias comerciais de Campina Grande reabrem na segunda-feira

Os shoppings e galerias comerciais de Campina Grande reabrirão a partir da próxima segunda-feira (29), com algumas restrições. A novidade foi anunciada pelo prefeito da cidade, Romero Rodrigues, nesta sexta-feira (26).

De acordo com o prefeito, as praças de alimentação e de jogos ainda não terão autorização para funcionar, assim como os cinemas. Os clientes dos shoppings deverão usar máscaras e poderão ser abordados na entrada para verificação de temperatura.

 

(Foto: Walla Santos/ClickPB)

clickpb

 

 

 

Transporte público e profissionais liberais voltam às atividades, mas comércio em shoppings continuam fechados em JP

O prefeito de João Pessoa, Luciano Cartaxo (PV), declarou na manhã desta sexta-feira (26), que o combate à covid-19 na Capital paraibana é o maior desafio do poder público nos últimos 100 anos.

O gestor apresentou a segunda fase do Plano Estratégico de Flexibilização das atividades econômicas da Capital.

Entre as medidas anunciadas, está o retorno do transporte público, testagem em massa nos terminais de integração, liberação das atividades para alguns profissionais liberais, além da abertura das lojas de material de construção para atendimento presencial, à partir de 6 de julho.

“Esse sem dúvida é o maior desafio dos últimos 100 anos. Não são decisões fáceis e simples, mas temos parâmetros que vêm norteando toda nossa ação planejada. Quero deixar claro que a nossa decisão fundamental é salvar vidas humanas, essa é nossa prioridade e tenho essa responsabilidade enquanto prefeito de João Pessoa. Chego hoje com alegria e satisfação pois como eu disse anteriormente esse plano não é uma camisa de forças, poderíamos chegar hoje 15 dias depois mantendo o que já estava, ou retrocedendo ou avançando e vamos avançar. Quero agradecer à população que tem entendido a necessidade de continuar ficando em casa” disse.

O número de óbitos, a diminuição da taxa de ocupação em leitos de Unidade de Terapia Intensiva e da pressão hospitalar, principalmente nas UPAS foram fatores apontados como preponderantes para a retomada.

Confira algumas mudanças:

– Retorno do transporte coletivo
– Retorno das atividades para profissionais liberais (contadores, corretores, advogados)
– Retorno das atividades para atletas profissionais, incluindo os clubes da Capital
– Retorno das lojas de material de construção, saindo de delivery para atendimento presencial respeitando os protocolos de medidas sanitárias.

PB Agora

 

 

Gerente de Marketing garante que shoppings estão prontos para reabrir as portas na Capital

A Gerente de Marketing dos shoppings Manaíra e Mangabeira, em João Pessoa, Roberta Barros, garantiu na tarde desta terça-feira (16) que os dois estabelecimentos comerciais estão prontos para reabrirem as suas portas. “Para que isso aconteça, estamos esperando apenas a liberação por parte do Governo do Estado e da Prefeitura de João Pessoa”, afirmou ao deixar claro que não está nos planos da direção dos shoppings entrar na Justiça para conseguir a liberação.  “Estamos lutando com vidas e isso é mais importante do que qualquer coisa”, disse.

Durante entrevista ao Programa Rede Verdade do Sistema Arapuan de Comunicação,Roberta Barros destacou que várias medidas já foram tomadas para que os dois shoppings voltem a funcionar normalmente. De acordo com ela, na cancela de entrada um funcionário irá verificar a temperatura corporal do cliente. Também foram instalados tapetes químicos na entrada dos estabelecimentos comerciais para higienização dos pés do cliente que terá a sua disposição o álcool gel.

Com relação aos lojistas, ela disse que já foi determinado o espaço que cada cliente pode ficar como forma de garantir as medidas de isolamento social e os caixas das lojas serão separados com um vidro entre ele e o cliente.  Na praça da alimentação, o cliente poderá pedir o seu lanche ou refeição e ir direto para as mesas que também foram separadas. Após comer, uma funcionária da loja fará a higienização do local.

Roberta Barros explicou ainda que enquanto não sai o decreto para que os shoppings voltem a funcionar normalmente, os dois estabelecimentos estão funcionando na forma de delivery e  drive thru. Nesses dois sistemas, o cliente faz o seu pedido pelo site, paga de forma online e decide a maneira de receber o produto. Se for por drive thru, ele poderá ir ao shonping onde o produto estará à sua disposição em um dos guichês instalados no estacionamento e, antes de ser entregue, o produto será higienizado na frente do cliente e esse último procedimento também acontecerá na forma de delivery.

paraiba.com.br

 

 

Azevêdo pondera sobre reabertura do comércio, escolas e shoppings em meio à pandemia: “É uma conta que não fecha”

O governador João Azevêdo  (Cidadania) falou nesta quarta-feira, 29, na TV Cabo Branco, sobre a reabertura de comércios e shoppings da Paraíba mesmo em meio à pandemia do novo coronavírus e reforçou que essa medida é praticamente impossível de ser realizada de imediato, assim como o fim do isolamento social.

O gestor estadual citou o exemplo de Florianópolis que flexibilizou a abertura de shoppings e os casos do covid-19 crescerem exponencialmente após isso.

Azevêdo disse ainda que o estado tem analisado, porém o prazo para que o comércio, escolas e shoppings voltem a funcionar sem restrições não pode ainda ser definido.

“Não vejo com muita possibilidade de retomar esse processo. Vemos que em estados que fizeram isso o número de casos aumentou. Não se tem previsão de se fazer uma abertura geral. Sabemos que é impossível. Florianópolis abriu os shoppings e os números triplicaram. É uma conta que não fecha. O Brasil passou 40 dias para ter mil mortes e hoje temos mil mortes a cada dois dias” pontuou.

Vale lembrar que ainda hoje o governador se reunirá virtualmente com o prefeito de João Pessoa, Luciano Cartaxo, o de Campina Grande, Romero Rodrigues e o presidente da Famup George Coelho para tratar justamente sobre essas medidas restritivas no estado.

PB Agora

 

 

Decreto prorroga fechamento de shoppings, cinemas, academias, salões de beleza, casa de show, bares, restaurantes e lanchonetes em João Pessoa

A Prefeitura de João Pessoa, prorrogou, em publicação divulgada nesta sexta-feira (03), o decreto que assegura o fechamento de shoppings, cinemas, academias, salões de beleza, casas de show, parques de diversões, bares e restaurantes. A medida, válida por mais 15 dias, também prevê a suspensão temporária de congressos e exposições, além do funcionamento de clubes sociais.

A decisão foi tomada depois de reunião do Núcleo Intersetorial de Prevenção ao Coronavírus. As aulas permanecem suspensas até o dia 18/04, data passível de prorrogação.

A prorrogação do decreto segue o que prevê as recomendações da Organização Mundial da Saúde, do Ministério da Saúde, além da experiência de isolamento social adotada por outros países. “Sabemos que os próximos dias serão decisivos para evitar a propagação do vírus. É ainda mais importante ficar em casa e seguir com todas as recomendações de higiene. Ninguém queria adotar medidas tão duras neste momento, mas elas serão decisivas para João Pessoa continuar salvando vidas”, disse o prefeito. O documento aborda, ainda, a prorrogação da suspensão do transporte público, anunciado ontem pelo gestor pelas redes sociais, preservando as linhas para profissionais de saúde.

A Prefeitura de João Pessoa segue adotando medidas sociais e econômicas durante o período de isolamento social. Com o plano de proteção social #SomosMaisFortes, 23 mil pessoas beneficiadas com a distribuição de alimentos em creches e escolas integrais e mais de 3 mil refeições são distribuídas, por dia, nos restaurantes populares e nas cozinha comunitárias. Pessoas em situação de rua receberam kits de higiene e parte das famílias nesta condição estão recebendo auxílio-aluguel. “Suspendemos o pagamento que empresários precisariam fazer ao Banco Cidadão e demos início à distribuição de cestas nutricionais, ação que será intensificada a partir da próxima semana”, explicou o prefeito.

Reforço na rede de saúde – A Prefeitura de João Pessoa também ampliou o número de leitos no Santa Isabel, referência municipal no enfrentamento do vírus para adultos, e no Hospital Infantil do Valentina, voltado para crianças e adolescentes. O encaminhamento de pacientes vem sendo feito por meio da Central de Orientações (3218.9214), com atendimento realizado por médicos em regime de plantão.

 

clickpb

 

 

Cartaxo determina fechamento de shoppings e reduz horário de funcionamento do comércio em JP por conta do Covid-19

Por meio de vídeo nas redes sociais, o prefeito de João Pessoa, Luciano Cartaxo, anunciou, nesta quinta-feira (19), novas medidas de prevenção à disseminação do novo Coronavírus. Durante reunião com o Núcleo Intersetorial, e depois do diálogo com representantes do setor, foi determinado o fechamento de shoppings centers na próxima segunda-feira (23/03), como medida válida por 15 dias, passível de prorrogação.

Em relação ao comércio, o expediente será das 9h às 15h, com diminuição de três horas em relação ao horário comercial, o que irá reduzir ainda mais o fluxo de passageiros no momento de pico. A medida, discutida com representantes da Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL-JP), tem início na sexta-feira (20/03), e também será válida para os shoppings populares administrados pela gestão municipal. A decisão não altera o funcionamento de serviços de abastecimento nem de prevenção, como mercados públicos, mercearias, supermercados, padarias, feiras livres, farmácias e postos de gasolina.

Como ação preventiva, o gestor também determinou a abertura de um edital voltado às instituições de longa permanência que acolhem pessoas idosas. Serão destinados R$ 600 mil para aquisição de equipamentos e insumos que contribuam com a prevenção ao coronavírus.

Responsável por atender mais de 2,3 mil pessoas, os Restaurantes Populares da capital paraibana passarão, a partir da sexta-feira (20), a entregar a refeição em marmitas, com a orientação para serem consumidas em casa. No caso específico de pessoas em situação de rua, a alimentação será ofertada gratuitamente nos restaurantes populares, também em recipientes descartáveis, com maior espaçamento entre mesas e rigor na higienização.

O anúncio das novas medidas acontece um dia depois da confirmação do primeiro caso de Coronavírus na Paraíba. “Como fizemos desde o primeiro momento, seguimos dando sequência a um plano integrado de ação, que busca conter a propagação do vírus. Dialogamos com os setores envolvidos antes de fazer as novas recomendações, que buscam restringir, ainda mais, a concentração de pessoas”, disse o prefeito Luciano Cartaxo, em live nas redes sociais.

O gestor destacou, ainda, o anúncio das ações na área de desenvolvimento social. “Em momentos assim, o poder público precisa agir rápido, com serviços e ações que chegam para proteger a população. Como já acontece nas escolas e creches, os Restaurantes Populares estão aprimorando a forma de atendimento ao público, com a oferta da alimentação em recipientes adequados às medidas de prevenção e gratuidade para as pessoas em situação de rua. O esforço precisa ser permanente e coletivo. Só assim vamos conseguir reduzir a transmissão do vírus”, disse.

Edital e novas ações – A Secretaria de Desenvolvimento Social indicou que o edital de R$ 600 mil, anunciado entre a Prefeitura e organizações da sociedade civil (OSC), destina-se aos serviços de acolhimento de idosos em instituições de longa permanência (ILPs). Os recursos serão voltados às medidas de prevenção ao novo coronavírus. O envio das propostas vai até o dia 13 de abril.

Os serviços de apoio à população de rua como o Centro Pop, Ruartes e Consultório de Rua passam por novas medidas de higienização e de reforço na alimentação. O mesmo ocorre com as Casas de Acolhida (crianças, adolescentes, idosos e famílias), que também vêm recebendo novas medidas de prevenção ao novo coronavírus.

 

Assessoria

 

 

Black Friday: shoppings e lojas de João Pessoa mudam horários e abrem a partir das 6h

Quem enfrenta uma longa jornada de trabalho e não tem tempo para aproveitar as ofertas da Black Friday ou quem não aguenta as longas filas para garantir aquela promoção vai contar esse ano com a abertura de lojas a partir das 6h da manhã, nesta sexta-feira (29).

Quem optar por fazer as compras em shoppings garantirá as compras das 6h da manhã até às 00:20 da madrugada. Esse horário será aplicado no funcionamento de algumas lojas dos Shoppings Manaíra, Mangabeira, Tambiá e Mag Shopping.

No Mag Shopping, algumas lojas como a Americanas antecipará a abertura e abrirá as portas às 6h da manhã, outras ainda não confirmaram essa antecipação. As demais lojas a partir das 10h. O fechamento ficou para às 11h.

O Shopping Tambiá abrirá uma hora antes, a partir das 8h. As lojas âncoras: Americanas, Magazine Luiza e Le Biscuit às 6h. Marisa e Riachuelo às 7h da manhã. O shopping fechará a partir das 20h.

O único shopping que manteve o mesmo horário de expediente foi o Shopping Sul, que abrirá às 10h e fechará às 22h.

Nas lojas de hipermercados, supermercados, Mercado Extra, Mini Extra de todo o Brasil e no e-commerce alimentar (www.clubeextra.com.br), a virada de preços acontece às 20h da quinta-feira, 28/11, e continua durante toda a sexta-feira. Postos de combustíveis e drogarias da rede também participam.

 

clickpb