Arquivo da tag: sétimo

Paraíba registra sétimo caso confirmado de coronavírus

A Paraíba registrou na noite desta quinta-feira (26) o sétimo caso confirmado de contaminação pelo novo coronavírurs, segundo informações da Secretaria de Estado da Saúde (SES). O paciente é da cidade de Sousa, no Sertão da Paraíba, segundo o secretário estadual de Saúde, Geraldo Medeiros, que divulgou o caso nesta sexta-feira (27). O resultado foi informado para o paciente e para a família com o objetivo do isolamento social. A SES ainda não confirmou o perfil do paciente.

Acompanhe os sete casos por ordem crescente de confirmação:

– Homem, de 60 anos, que mora em João Pessoa
– Homem, de 60 anos, que mora em Igaracy
– Mulher, de 31 anos que mora em João Pessoa
– Mulher, de 45 anos, que mora em João Pessoa
– Mulher, de 55 anos, que mora em João Pessoa
– Homem, de 34 anos, que mora em João Pessoa
– Homem, idade e moradia não informados

Os três primeiros pacientes que tiveram os testes confirmados para o coronavírus estão recuperados, de acordo com o secretário de estado da saúde, Geraldo Medeiros. Conforme a assessoria da SES, os três já estão fora do período de 14 dias de transmissão da doença, estão bem e em casa.

Até a tarde da quinta-feira, exames haviam descartado mais 34 casos com suspeita de infecção pelo coronavírus. Com isso, a Paraíba tem os seguintes destaques:

– Sete casos confirmados
– 227 casos descartados
– Nenhuma morte

 

portal25horas

 

 

No sétimo dia desaparecido, homem é encontrado com vida em Araruna

Foi encontrado na manhã da sexta-feira (20), o Senhor Mariano Domingos da Silva (Mário Pistola), 68 anos, desaparecido desde o domingo (15), em Araruna, município do interior da Paraíba. Ele foi localizado nas proximidades do loteamento Verde Mares, em Araruna.

Segundo familiares, ele tem problemas mentais e faz uso de medicação controlada, saiu para dar um passeio rotineiro e não retornou.

Mário é  usuário do Centro de Atenção Psicossocial (CAPS) de Araruna.

A equipe do Samu de Araruna e populares retiraram com vida o Senhor Mário do local de difícil acesso.

Segundo a equipe do Samu, Mário foi encontrado bastante debilitado e com desconforto respiratório. Mas, depois das intervenções da equipe de saúde passa bem. Ele foi encaminhado para o hospital Regional de Guarabira para maiores cuidados.

por Mídia PB 

1568990075267

 

Menino de 4 anos morre após cair do sétimo andar de prédio em SP

Um menino de quatro anos morreu depois de cair do sétimo andar de um prédio no bairro Ponte São João, em Jundiaí (SP), na manhã desta sexta-feira (21). De acordo com o tenente do Corpo de Bombeiros Jefferson Carlos, a corporação foi acionada por volta das 7h20 e, ao chegar no local, encontrou o menino caído e ainda com vida, mas com dificuldade para respirar.

Durante o trajeto para o Hospital São Vicente, o bombeiro conta que o menino teve uma parada cardíaca e não resistiu.

A mãe do menino relatou aos bombeiros que deixou ele dormindo e desceu por alguns minutos até a portaria, onde uma van escolar aguardava para pegar seu outro filho. O menino teria acordado e escalado a janela do banheiro, que não possui tela de proteção. O caso será investigado pela Polícia Civil.

Janela de onde criança pulou não tinha rede de proteção (Foto: Reprodução/TV TEM)Janela de onde criança pulou não tinha rede de proteção (Foto: Reprodução/TV TEM)
G1

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

 

Combustíveis sofrem sétimo reajuste nos valores médios na PB; veja novos preços

combustivelA partir do dia 16 deste mês, o preço médio cobrado ao consumidor pelo litro da gasolina, do etanol, e do óleo diesel, além do metro cúbico (m³) do Gás Natural Veicular (GNV) vai sofrer reajustes na Paraíba. Com isso, a gasolina salta de R$ 3,2297 para R$ 3,3411, um aumento de quase 12 centavos a cada litro.

A autorização do reajuste foi dada pelo Conselho Nacional de Política Fazendária (Confaz) e publicada no Diário Oficial da União (DOU) da terça-feira (10).

Com o reajuste, o preço médio do litro do etanol sobe de R$ 2,4017 para R$ 2,4936; o óleo diesel passa de R$ 2,7586 para R$ 2,8560; e o GNV sobe de R$ 2,1897 para R$ 2,3080.

Além da Paraíba, a medida de reajuste dos preços vale também para os estados de Alagoas, Amapá, Bahia, Goiás, Minas Gerais, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Piauí, Paraná, Rio de Janeiro, Rio Grande do Norte, Rondônia, Santa Catarina e São Paulo, além do Distrito Federal.

ACOMPANHE O FOCANDO A NOTÍCIA NAS REDES SOCIAIS:

FACEBOOK                TWITTER                    INSTAGRAM

O Confaz é presidido pelo ministro da Fazenda e formado pelos secretários de Fazenda, Finanças ou Tributação de cada Estado e do Distrito Federal. O objetivo do órgão é adotar medidas para aperfeiçoar a política fiscal dos Estados e torná-la compatível com as leis da Federação.

Esta é a sétima vez que a Paraíba entra na tabela de alterações de valores médios do Confaz só neste ano.

 

 

portalcorreio

Paraíba registra, em 2013, 406 mortes de bebês antes do sétimo dia de vida

Seap
Seap

De acordo com a Secretaria de Estado da Saúde (SES), foram registradas 406 mortes neonatais precoces (de bebês até o sétimo dia de nascimento) na Paraíba no ano passado. Apesar da estatística ter apresentado uma redução de 40,46% em relação ao ano de 2003, que teve 682 mortes, o número significa pelo menos um bebê morto por dia no Estado. Entre as prováveis causas do alto índice de mortes, o déficit de UTIs neonatais (80 em toda a Paraíba, concentradas em 13 hospitais de três cidades), a superlotação e a demora para se chegar a essas maternidades por conta de longos deslocamentos, que prejudicam o atendimento do bebê em seus primeiros (e essenciais) minutos de vida.

CURTA o FOCANDO A NOTÍCIA no Facebook

Outro fato preocupante é que um vírus, que segundo especialistas, é responsável por 5% das mortes de bebês prematuros, não é monitorado nas maternidades do Estado.

As 406 mortes neonatais registradas na Paraíba até novembro de 2013 são consideradas pela pediatra Kátia Laureano, ex-presidente da Sociedade Paraibana de Pediatria, um número alarmante.

 

Jornal Correio da Paraíba/Julio Silva

Diocese de Campina Grande acolhe seu sétimo bispo

A diocese de Campina Grande (PB) acolheu, no último sábado, 29 de setembro, seu sétimo bispo diocesano, dom Manoel Delson Pedreira da Cruz. A grande solenidade de acolhida e a concelebração da posse foi acompanhada por milhares de fiéis. Arcebispos, bispos e padres de várias dioceses do Nordeste estiveram em Campina Grande participando deste importante momento para a Igreja local. Familiares de dom Manoel, vindos da Bahia, também marcaram presença.

O bispo foi recepcionado na entrada da cidade com grande queima de fogos e inúmeras faixas de boas vindas das várias paróquias, pastorais, movimentos e Novas Comunidades. Em grande carreata, dom Manoel foi conduzido até a Praça da Bandeira, no centro da cidade, onde foi acolhido pelas autoridades civis e militares. Houve o hasteamento das Bandeiras e execução dos hinos Nacional e da Cidade. O bispo ainda recebeu, como forma de acolhimento, a chave da cidade.

Após o momento com as autoridades, dom Manoel, acompanhado dos bispos, do Clero e dos fiéis, seguiu em procissão até a Catedral de Nossa da Conceição para a solene de posse. O arcebispo da Paraíba, dom Aldo Pagotto, deu início à celebração e entregou o báculo nas mãos do novo bispo de Campina Grande.

O padre Márcio Henrique, que atuou durante o período de vacância como administrador diocesano, fez os agradecimentos a todos que o ajudaram na missão de estar à frente da Igreja Particular de Campina Grande.

No domingo, dia 1º, dom Manoel presidiu a primeira missa na Catedral após sua posse e, na segunda, dia 2, passou a apresentar o programa “Bom Dia Irmãos”, que vai ao ar de segunda a sábado pela manhã na Rádio Caturité AM 1050.

Dom Manoel é natural de Biritinga, na Bahia, e nasceu no dia 10 de julho de 1954. Estudou Filosofia e o início da Teologia no Seminário São Francisco de Assis em Nova Veneza (SP) e concluiu os estudos teológicos no Instituto de Teologia da Universidade Católica de Salvador, na Bahia. É Mestre em Ciência da Comunicação Social pela Pontifícia Universidade Salesiana de Roma e graduado em Letras pela Universidade Católica de Salvador. Foi ordenado padre, no dia 5 de julho de 1980, na arquidiocese de Feira de Santana (BA) e na mesma arquidiocese, em 24 de setembro de 2006, recebeu sua ordenação episcopal. Foi acolhido na diocese de Caicó (RN), no dia 8 de outubro daquele ano, e permaneceu até a data desta nova nomeação.

Atualmente, no Regional Nordeste 2 da CNBB (Alagoas, Pernambuco, Paraíba e Rio Grande do Norte), dom Manoel atua como vice-presidente e bispo referencial para a Comunicação. Ele também é membro da Comissão Episcopal para a Comunicação Social. Seu lema episcopal é “Ide aos meus irmãos” (Jo 20,17).

CNBB