Arquivo da tag: Rodrigues

Por covid-19, Romero Rodrigues cancela a realização do São João de CG em 2020

Após analisar o cenário e a propagação da pandemia da covid-19, o prefeito de Campina Grande Romero Rodrigues (PSD) decidiu e nunciou nesta sexta-feira (31) o cancelamento do São João da cidade este ano.

Logo no início da pandemia a realização dos festejos juninos havia sido adiada de junho para outubro e estava sendo projetada tomando como base os protocolos de segurança necessários.

Entretanto o prolongamento da pandemia frustrou as expectativas de que o Maior São João do Mundo pudesse ser realizado ainda este ano.

O anúncio do cancelamento foi feito na manhã de hoje, através das redes sociais.

” A curva da doença na cidade tem caído, mas estamos falando de um evento de âmbito nacional e internacional. Com tristeza, a gente anuncia que não será possível realizar o evento este ano. O que a gente pode é desejar toda sorte do mundo para o próximo ano”, informou o prefeito.

PB Agora

 

 

Morre o cantor Jair Rodrigues aos 75 anos

jairMorreu o cantor Jair Rodrigues, aos 75 anos. De acordo com a JRC Produções, o músico estava em casa, em Cotia (SP), e a família aguarda a chegada da perícia. Não foi divulgada a causa da morte.

Jair Rodrigues de Oliveira nasceu em Igarapava (SP), no dia 6 de fevereiro de 1939, informa seu site oficial. Pai dos também cantores Jair de Oliveira e Luciana Mello, ele começou sua carreira nos anos 1960, em programas de calouros.

Em 1962, gravou aquele que é consirado seu registro de estreia, um disco de 78 rotações. Segundo o perfil, duas das músicas, “Brasil sensacional” e “Marechal da vitória”, tinham como tema a Copa do Mundo daquele ano, no Chile, que foi vencida pela seleção brasileira.

 

CURTA o FOCANDO A NOTÍCIA no Facebook

Em 1964, gravou seus Jair Rodrigues gravou seus primeiros LPs, “Vou de samba com você” e “O samba como ele é”. Seu maior sucesso no período foi a música “Deixa isso pra lá”, tida como precursora do rap no Brasil. Marcada pelo movimento característico das mãos de Jair Rodrigues, a faixa foi regravada em 1999 em parceria com o grupo Camorra, diz o perfil.

 

G1

 

 

Vencedora do “Troféu Mulher Imprensa”, Ana Paula Rodrigues comemora sua 1ª premiação

Em sua 9ª edição, o Troféu Mulher Imprensa, idealizado pelo portal e revista IMPRENSA, em parceria com a Maxpress, elegeu neste ano 15 vencedoras em categoria divididas entre telejornalismo, jornalismo impresso, rádiojornalismo, assessoria de imprensa, webjornalismo e fotojornalismo. Os internautas do portal IMPRENSA votaram em suas favoritas entre 15/01 e 15/02.

 

Na categoria “Ãncora de Rádio”, a vencedora foi Ana Paula Rodrigues, na Rádio SulAmérica Trânsito com 34,566% dos votos válidos na mídia Rádio. Ana Paula começou sua carreira em televisão, atuando como pauteira, produtora, editora, repórter e apresentadora, mas foi no rádio que se destacou. Há seis anos na SulAmérica Trânsito, a jornalista contrariou a expectativa da família ao escolher a profissão e conta que o prêmio é um incentivo para crescer ainda mais.

CURTA o FOCANDO A NOTÍCIA no Facebook

Crédito:Divulgação
Ana Paula Rodrigues, da Rádio SulAmérica Trânsito, vencedora do “Troféu Mulher IMPRENSA”
IMPRENSA – Qual importância de ganhar um prêmio como esse?

ANA PAULA RODRIGUES – Para mim é muito importante porque é meu primeiro prêmio, nunca tinha sido nem indicada a nenhum outro antes. Eu sou apresentadora há quase seis anos, é tudo muito novo pra mim. É impulso para trabalhar cada vez mais e melhorar cada vez mais. Encaro como um incentivo não só para o meu crescimento, mas como um incentivo mesmo.

Você começou sua carreira no rádio?

Não, comecei na TV. Eu fiquei quase seis anos na TV Gazeta e vim pro rádio começando na SulAmérica, hoje eu estou na Sulamérica e na BandNews. Ainda na faculdade cheguei a fazer estágio na Rádio Universitária, mas foi muito curto. Na TV eu fui tudo na verdade, fiz pauta, edição, fechamento, reportagem e apresentação.

Quando decidiu ser jornalista e por quê?

Eu decidi quando eu era criança, foi mais uma cisma e fui atrás disso até o fim. Tentei fazer outras coisas antes. Já fui bancária, fiz um curso diplomático… Sabe quando você está no comecinho da faculdade e tenta ir pra outras áreas? Eu tentei outras coisas, mas jornalismo de fato era o que eu queria, porque eu me identifiquei muito com a profissão. Acho que o papel do jornalista é muito importante, sempre gostei muito de assistir telejornais, ouvir rádio, ler jornal e acho que por isso mesmo eu fui me apaixonando pela profissão muito cedo.

Você sempre teve apoio da sua família?

Não, pelo contrário. Minha família nunca quis que eu fosse jornalista e não tem nenhum na família, mas meus pais conhecem famílias que têm e é um mercado muito difícil de conseguir um contrato bom, salário bom, e meus pais sempre foram contra por isso, mas nunca tentaram me impedir e hoje eles se acostumaram com isso.

O que é mais legal do rádio?

O contato com o ouvinte, não tenho dúvida. É uma coisa muito apaixonante, porque principalmente na SulAmérica a gente dá muito espaço para o ouvinte e ele é parte da programação. O imediatismo também é muito bacana, de algo acontecer e você rapidamente conseguir levar ao ar, sem depender de tanta tecnologia, tanta preparação, como a TV exige, por exemplo.

Qual o papel da mulher hoje no jornalismo?

Acho que é o mesmo espaço do homem hoje. Aqui na Band a gente tem muitas redações com mulheres em cargos de chefia, em cargos importantes, então acho que a gente está no mesmo nível dos homens. Não deve ser nem mais observado como algo diferente, está muito nivelado já.

Algum momento sofreu discriminação pelo fato de ser mulher?

Felizmente não. Nunca sofri nenhum tipo de preconceito. Acho que talvez seja mais difícil para mulheres que trabalham em áreas que sempre foram mais dos homens, talvez nas editorias de esporte, política.

Teve alguém que contribuiu para sua carreira ou uma mulher que tenha sido inspiradora?

É difícil dizer, porque eu sempre me inspirei em muitos profissionais que a gente lê, ouve, assiste e por isso eu procuro acompanhar o trabalho de bons jornalistas, não só de fora do meu ambiente de trabalho, porque eu trabalho com muita gente boa e eu procuro observar muito bem para poder absorver e aprender alguma coisa com elas também. Uma delas, desde o começo da faculdade, é o Caco Barcellos. Nunca tive vontade de fazer TV, mas comecei a acompanhar o trabalho dele mais de perto quando eu li o Rota 66, um livro que me marcou bastante. Ele tem uma simplicidade de texto, que é uma coisa que eu gosto bastante.

Qual o foi o destaque da sua carreira em 2012?

Difícil pensar, porque o jornalismo como um todo da SulAmérica me deu muito espaço no ano passado porque teve uma mudança de período: eu apresentava à noite e passei para o horário da manhã, que é o mais importante do rádio e acho que isso me deu bastante destaque. E teve alguns momentos que foram muito importantes. Só pra citar um caso, que até hoje comentam muito, foi o de uma grávida que entrou em contato com a gente na rádio, pedindo auxílio porque ela estava no meio de uma manifestação e precisava chegar no hospital. Repercutiu bastante entre os ouvintes.

O que espera que o prêmio traga pra sua carreira?

Eu espero que traga cada vez mais oportunidades e vontade de continuar fazendo o que eu já faço hoje. Eu sou uma pessoa muito apaixonada pelo meu trabalho, trabalho inclusive o dia inteiro, são dois empregos, 14 horas por dia, e tudo bem porque eu gosto muito do que eu faço, de rádio, de ficar no ar. Espero que o prêmio traga amadurecimento e é isso que eu espero que aconteça sempre: não pare nunca de aprender porque senão a coisa perde a graça.
Camilla Demario

Romero Rodrigues radicaliza contra gestão Veneziano: “Só tinha ladrão”

romerorodriguesO prefeito de Campina Grande, Romero Rodrigues (PSDB) radicalizou nesta segunda-feira (18) contra a gestão passada e disse que na administração do ex-prefeito Veneziano Vital do Rêgo (PMDB) “só tinha ladrão”.

A resposta do tucano veio logo após Romero ser questionado sobre nepotismo na sua administração, pelo fato de ter nomeado parentes na gestão de Campina Grande.

CURTA o FOCANDO A NOTÍCIA no Facebook

De acordo com Romero Rodrigues, a legislação permite nomear parentes, mas, crimes aconteceram na gestão anterior, onde, de acordo com o prefeito, “´só tinha ladrão”, mas que ele está trabalhando para acabar esse tipo de prática.

Roberto Targino 

com informações de Judivan Gomes 

Romero Rodrigues reajusta em 4,76% tarifa de transporte coletivo

Romero Rodgrigues (foto assessoria)O prefeito de Campina Grande, Romero Rodrigues (PSDB) concedeu reajuste do valor da tarifa de transporte público coletivo do município. A partir de amanhã (21), o usuário pagará R$ 2,20. O acréscimo foi de 4,76%.

Ano passado, a sugestão do Conselho Tarifário era a de um aumento maior, fazendo com que a tarifa subisse para R$ 2,25, o então prefeito Veneziano Vital do Rêgo (PMDB) não homologou o aumento.

Segundo a prefeitura o reajuste aplicado no transporte coletivo fica abaixo do índice anual de inflação, que foi de 5,84% e do índice proposto pelo Conselho Tarifário.

Ainda de acordo com a prefeitura, todos os créditos eletrônicos (estudantes, vales transportes e avulsos) que já estiverem em circulação terão validade pelos próximos 30 dias, a contar da entrada em vigor da nova tarifa.

 

 

 

clickpb

Romero Rodrigues comemora vitória e diz que vai honrar compromissos

O prefeito eleito de Campina Grande, deputado federal Romero Rodrigues (PSDB), comemorou a vitória expressiva nas urnas e disse que irá honrar os compromissos assumidos com o povo campinense durante a campanha.

“Vamos honrar os compromissos de forma verdadeira”, assegurou.

Romero foi eleito, nesse domingo (28), após conquistar 59,14% dos votos válidos no segundo turno, o que corresponde a 130.106 mil votos. A concorrente Tatiana Medeiros (PMDB), obteve 89.887 votos, o equivalente a 40,86% dos votos válidos. Brancos e nulos somaram 6,96%.

Em entrevista à imprensa, Romero disse que estava muito honrado com a vitória no segundo turno. Ele agradeceu os campinenses e destacou que vai trabalhar para realizar sua promessas.

O prefeito eleito de Campina Grande, Romero Rodrigues (PSDB) acaba de dar entrevista e disse que está muito feliz e honrado com a vitória conquistada no segundo turno contra a adversária Tatiana Medeiros (PMDB).

No seu discurso, Romero agradeceu e enfatizou que vai trabalhar para cumprir as promessas de campanha para fazer, segundo ele, uma Campina muito melhor.

“Fico honrado e vou trabalhar para fazer de Campina uma cidade  cada vez melhor”, concluiu.

Naira Di Lorenzo

Romero Rodrigues lidera 2° turno em Campina; Tatiana cresce 7 pontos

O deputado federal Romero Rodrigues (PSDB) continua liderando a corrida eleitoral no segundo turno das eleições para à Prefeitura de Campina Grande. De acordo com pesquisa Correio/Consult, divulgada nesta quinta-feira (25) no Jornal Correio da Paraíba, se a eleição fosse hoje, o tucano obteria 54,31% das intenções de votos dos campinenses.

A candidata do PMDB, Tatiana Medeiros obteve 38% das intenções de votos.

Comparando com a primeira rodada da pesquisa, divulgada no último dia 16 de outubro, Romero obteve um crescimento de 0,63%. Já Tatiana Medeiros cresceu 6,92%.

4% dos eleitores declararam que não votariam em nenhum dos candidatos. 3,69% não souberam dizer.

A pesquisa foi registrada no Tribunal Regional Eleitoral da Paraíba sob o número 00151/2012 e registrada no dia 24 deste mês. O grau de confiabilidade é de 95% e a margem de erro é de 3,5 pontos percentuais para mais, ou, para menos. Ao todo a Consult fez 650 entrevistas.

MaisPB

com Jornal Correio da Paraíba

Ibope em CG: Romero Rodrigues 47% – Tatiana Medeiros 39%

O Ibope divulgou, nessa sexta-feira (19), a primeira pesquisa de intenção de voto sobre o segundo turno da disputa pela Prefeitura de Campina Grande neste ano. A pesquisa foi encomendada pela TV Paraíba…

Veja os números do Ibope para a pesquisa estimulada:

Romero Rodrigues – 47% das intenções de voto
Tatiana Medeiros – 39%
Em branco/nulo – 8%
Não sabe – 6%

A pesquisa foi realizada nos dias 17 e 19 de outubro. Foram entrevistadas 602 pessoas na cidade de Campina Grande. A margem de erro é de 4 pontos percentuais, para mais ou para menos.

A pesquisa está registrada no Tribunal Regional Eleitoral (TRE-PB), sob o número PB-00144/2012.

Veja os números do Ibope, considerando os votos válidos:

Romero Rodrigues (PSDB) – 55%
Tatiana Medeiros (PMDB) – 45%

Para calcular esses votos, são excluídos da amostra os votos brancos, os nulos e os eleitores que se declaram indecisos. O procedimento é o mesmo utilizado pela Justiça Eleitoral para divulgar o resultado oficial da eleição.

No primeiro turno, Romero teve 44,94% dos votos válidos, e Tatiana, 30%.

G1PB

Romero Rodrigues defende o uso de trem de passageiros e cargas

 

 

O deputado federal e engenheiro Romero Rodrigues disse que apresentou iniciativa no Congresso Nacional propondo ao Governo Federal a reativação do trem de cargas e passageiros na Paraíba.

Ele destacou que, reivindica em nome da população a reativação do trem, aproveitando-se a malha ferroviária pré-existente atualmente com pouca utilização e sem movimentação, o que diminuirá consideravelmente o fluxo de veículos com riscos de acidentes constantes na BR-230.

São investimentos necessários diante do crescimento da cidade, o que diminuirá consideravelmente o fluxo de veículos com riscos de acidentes constantes na BR-230, principalmente após empreendimento em diversos setores como educação, principalmente ensino superior e serviços de saúde, com o funcionamento de hospitais e várias clínicas médicas, que atraem milhares de pessoas todos os dias da capital e de cidades circunvizinhas e até de outros Estados. Isso significou um aumento no fluxo de veículos na cidade.

Campina Grande, de acordo com o IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), no ano de 2010 sua população era estimada em 385.213 habitantes, possuindo área territorial de 620,628 km². O município é conhecido pela pujança e pela criatividade de seu povo, aliado a isso, Campina Grande polariza uma região composta por mais de um milhão de habitantes e que congrega quase 60 municípios do chamado Compartimento da Borborema, cuja população se utiliza da excelência dos seus serviços, principalmente os oferecidos nas áreas de saúde, educação e cultura.

Salientou que as ferrovias brasileiras estão em plena expansão e a expectativa é de que o crescimento continue. O setor tem uma parcela importante na economia brasileira. Colocar os futuros projetos em prática exige altos investimentos, mesmo que sejam realizados em longo prazo. As obras em andamento já significam que grandes passos estão sendo trilhados no caminho certo.

Romero destaca a importância dessa Ferrovia, não é apenas para a Paraíba, mas também para o Nordeste como um todo. Ela tem por objetivos o encurtamento dos deslocamentos ferroviários e a integração multimodal de transporte de passageiros, que possibilitarão, de modo racional, a ligação de todos os Estados do Nordeste entre si e da Região com o resto do País.

Um País com dimensões continentais como o nosso é de vital importância ser bem servido de ferrovias em especial o Nordeste que vem apresentando grandes perspectivas, gerando mais empregos e impostos consequentemente maiores probabilidade de crescimento.

Diante do exposto, solicitou que seja projetada a reativação do trem de passageiros notadamente entre Campina Grande/PB – João Pessoa/PB e vice-versa, como forma de promover o desenvolvimento o que sugere por importante e urgente, a medida.

Assessoria de Imprensa para o Focando a Notícia

PEC de Romero Rodrigues determina nova eleição para presidente, governadores e prefeitos

 

O deputado federal e engenheiro Romero Rodrigues (PSDB/PB) apresentou na Câmara dos Deputados, em Brasília, Proposta de Emenda à Constituição que dá nova redação ao caput do art. 81 da Constituição Federal. Dessa forma, as Mesas da Câmara dos Deputados e do Senado Federal, nos termos do art. 60 da Constituição Federal, vão promulgar a seguinte emenda ao texto constitucional:

“Art. 1º Esta Emenda Constitucional altera a redação do caput do art. 81 da Constituição Federal. Art. 2º O caput do art. 81 da Constituição Federal passa a vigorar com a seguinte redação: “Art. 81. Vagando os cargos de presidente e vice-presidente da República, por qualquer motivo e independentemente de terem sido estes eleitos em primeiro ou segundo turno, far-se-á eleição noventa dias depois de aberta a última vaga. Art. 3º Esta Emenda Constitucional entra em vigor na data de sua publicação”.

A PEC conta com 195 assinaturas de deputados das várias bancadas na Câmara. Seriam necessárias apenas 171 assinaturas, mas Romero conseguiu quase 200.

Na justificativa, Romero diz que objetiva-se com a proposta de emenda à Constituição explicitar a regra de sucessão do presidente e do vice-presidente da República, no caso de vacância de ambos os cargos. Pelo princípio da simetria, aplica-se o mesmo mecanismo à sucessão dos governadores e vice-governadores e dos prefeitos e vice-prefeitos.

Disse Romero que “essa questão gerou soluções divergentes entre Tribunais Regionais Eleitorais e do Tribunal Superior Eleitoral, em face de casos concretos. Entre as soluções aventadas, criaram-se interpretações distintas para as hipóteses em que os titulares haviam sido eleitos em primeiro turno e para aquelas em que houvera segundo turno, cogitando-se, ora da assunção dos segundos colocados na eleição, ora da convocação de novo pleito, e, ainda, da realização de eleição indireta para o novo titular do cargo”.

Asseverou que “impõe-se, pois, que as regras sejam claras e precisas para todos, esclarecendo-se que não vem ao caso o motivo da vacância, seja por morte, renúncia ou cassação do titular, ou o fato de terem eles sido eleitos em primeiro ou segundo turno. Com a alteração ora proposta, serão evitadas distorções e até injustiças”.

Finalizou que “contamos com o apoio dos nossos Pares para a medida ora alvitrada, na certeza de que contribuirá para o aperfeiçoamento do Texto Magno”.

 

 

Assessoria de Imprensa para o Focando a Notícia