Arquivo da tag: online

MEC oferece cursos online e gratuitos para capacitação de professores

Para professores que tiverem interesse em se capacitar para aprender a elaborar videoaulas e as técnicas de ensino à distância, o Ministério da Educação (MEC) está oferecendo aulas online e gratuitas.

Atualmente estão disponíveis três capacitações: “Como Preparar Videoaulas”, “Mediação em Ensino à Distancia” e “Desenho Didático para Ensino Online”. Para fevereiro de 2021 serão ofertados mais dois cursos: “Multimeios em Educação” e “Psicologia na Educação”.

A ideia destes cursos que o MEC está oferecendo é preparar os atuais e futuros professores da educação básica a utilizarem as ferramentas online em sala de aula e dentro de novos ambientes virtuais de ensino e aprendizagem.

Os participantes vão aprender a produzir seus próprios materiais audiovisuais e a aperfeiçoar as práticas profissionais de maneira presencial ou à distância.

Para participar do curso basta se inscrever no site eskadauema.com. As inscrições vão até o dia 13 de novembro.

 

Agência Brasil

 

 

Congresso da LBV online discute “O impacto da Covid-19 e o futuro da Assistência Social” 

Nos dias 9, 10 e 11 de novembro, a Legião da Boa Vontade (LBV) promove a edição on-line de seu 25º Congresso Internacional de Assistência Social, que discutirá “O impacto da Covid-19 e o futuro da Assistência Social”. A expectativa é reunir profissionais atuantes nas áreas da Assistência Social e dos Direitos Humanos, representantes da sociedade civil e de movimentos sociais, educadores sociais, estudantes e pessoas interessadas no tema.

O evento tem como objetivo discutir os desdobramentos da pandemia na Assistência Social, na promoção da cidadania planetária, propondo caminhos aos desafios gerados pela instabilidade econômica, que resultará no aumento das demandas sociais.

Durante os três dias, o congresso reunirá palestrantes do Programa Mundial de Alimentos das Nações Unidas (PMA), PUC-SP, UFRJ, Conade, UNB e da LBV, que apresentarão importantes contribuições sobre os desdobramentos da pandemia na Assistência Social, na promoção da cidadania planetária.

O evento é gratuito e com certificado de participação, para fazer a inscrição pode acessar: www.lbv.org/congressosocial

Compartilhe também com os amigos e faça parte deste importante encontro!

Assessoria

 

 

Eleitor pode denunciar disparo em massa e fake news por meio de formulário online disponibilizado pelo TSE

Nas eleições dessa ano, o eleitor pode denunciar disparos em massa e fake news por meio de um formulário de denúncia disponibilizado pelo Tribunal Superior Eleitoral. A medida faz parte de uma série de protocolos anunciados nesta semana para combater os crimes relacionado às eleições na internet, em especial nas redes sociais.

Segundo informações obtidas pelo ClickPB, em entrevista dada pelo presidente do TSE, Luís Roberto Barroso à imprensa, essa é a primeira vez, que o disparo de mensagens em massa foi proibido pela Lei. Para Barroso essas ações “muitas vezes provenientes de verdadeiras milícias digitais, organizadas hierarquicamente, com financiamento privado e atuação concertada para a difusão de mentiras e ataques às instituições”.

O disparo em massa costuma ser dado por meio de robôs e contas falsas que promovem artificialmente campanhas de ódio contra candidatos e instituições. Além disso disseminam conteúdo difamatório e falso.

O grupo WhatsApp já tinha desativado o disparo em massa e se comprometeu, junto ao TSE, a investigar as denúncias e inativar contas suspeitas, encaminhando as informações pertinentes às autoridades.

 

Emmanuela Leite

 

 

Assembleia aprova projeto que permite renovação online da CNH na Paraíba

A Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB) aprovou nesta quarta-feira (30) o Projeto de Lei 1.365/2019, do presidente Adriano Galdino, permitindo a renovação de forma online da Carteira Nacional de Habilitação (CNH) na Paraíba. A matéria foi apreciada durante sessão extraordinária realizada de forma remota.

De acordo com o texto, o Departamento de Trânsito da Paraíba (Detran-PB) deverá disponibilizar em seu site oficial a opção de Renovação Simplificada da CNH para categorias A, B e AB, dispensando, desta forma, a presença física do condutor em um de seus postos. Para o presidente Adriano Galdino, a proposta busca modernizar o processo de renovação e reduzir a demanda presencial. “A renovação da CNH para essas categorias poderá ser realizada de forma online, sem a necessidade da presença do cidadão que deseje renovar sua carteira”, resumiu Galdino.

A renovação online é uma opção para os condutores que optarem pelo atendimento remoto. O Detran-PB deve manter o atendimento presencial para os casos que não se enquadram e para que o cidadão que preferir ter o atendimento presencial. Esta nova modalidade de renovação só estará disponível para o motorista que tiver a CNH vencida ou a vencer no máximo 30 dias, com foto e demais dados biométricos cadastrados. Quem tiver a carteira suspensa e em situação fora dos pré-requisitos terá de efetuar a renovação presencial.

A Casa de Epitácio Pessoa também aprovou a proibição do reajuste de planos de saúde durante o período de Estado de Calamidade Pública no Estado em consequência da pandemia do novo coronavírus (covid-19). O PL 1.893/2020, do deputado Chió, suspende o aumento no valor dos planos seja por faixa etária ou por data de aniversário do plano. A matéria ressalta ainda que também está proibida a cobrança retroativa ou com juros ao final do período de calamidade. “Essa pandemia tem trazido sérias consequências para a população, não somente no que concerne à saúde, devido a sua disseminação e letalidade, mas também econômicas. Qualquer reajuste nesse período obrigará muitas pessoas a suspenderem seus planos, justamente num momento de grande risco de contaminação”, justificou Chió.

 

agenciaalpb

 

 

Indicadores da infidelidade online a serem observados

A tecnologia desempenha um grande papel na infidelidade

Relacionamentos românticos podem ser complicados. Ninguém quer acreditar que seu parceiro os trairia, no entanto, isso acontece com frequência.

Um estudo recente revelou que 90% das pessoas foram traídas e que a maioria das pessoas descobre a infidelidade de seus parceiros por meio de pelo menos uma forma de tecnologia.

Os indicadores mais fáceis de infidelidade relacionados à tecnologia:

·         Histórico de mensagens de texto

·         Histórico de chamadas

A tecnologia desempenha um grande papel na infidelidade

A confiança é importante em qualquer relacionamento. Descobrir a infidelidade não pela boca do parceiro, mas pelo telefone / computador pode diminuir qualquer senso de confiança que seu relacionamento já teve.

Se você sente que não pode confiar em seu parceiro, precisa se perguntar se acredita que eles são capazes de infidelidade. O casamento é especial e esses sentimentos não devem ser tomados de ânimo leve.

Se você acha que seu parceiro está traindo com base no comportamento e nas circunstâncias, a indicação mais clara de sua infidelidade seria seus telefones e computadores.

Aqui estão as maneiras mais comuns pelas quais as pessoas usam a tecnologia para enganar o parceiro – e como você pode usar essas técnicas para determinar se seu parceiro está sendo infiel ou não.

1. Histórico de mensagens de texto

O estudo descobriu que 36% das pessoas descobriram que seu parceiro estava traindo, verificando seu histórico de mensagens de texto verificado.

Se o seu parceiro estiver mandando mensagens o tempo todo e ocultando o telefone de você, pode ser um sinal de que está mandando mensagens para alguém com quem está envolvido romanticamente.

Enviar mensagens de texto se tornou a maneira mais fácil para as pessoas se conectarem com seus parceiros de duvido que renuncie ao book Privado negócios. É fácil entrar em conversas longas e íntimas com alguém que não seja seu parceiro durante o envio de mensagens de texto.

As mensagens de texto permitem que os parceiros de caso se comuniquem de maneiras que não poderiam fazer pessoalmente.

As mensagens de texto dão aos parceiros de negócios a oportunidade de enviar fotos atrevidas, dizer coisas que talvez não tenham coragem de dizer pessoalmente e conversar um com o outro com mais frequência, para que a intimidade possa se desenvolver rápida e facilmente.

Como pegar seu parceiro traindo através de mensagens de texto

Com aplicativos que espionam mensagens de texto, a recuperação de mensagens de texto excluídas, sites de busca reversa por telefone e textos noturnos que você pode ver enquanto seu parceiro está dormindo, ver as mensagens de texto de seu parceiro é uma maneira fácil de determinar se elas estão traindo.

Use uma ou mais das técnicas acima para verificar se você pode determinar se seu parceiro está sendo infiel.

2. Histórico de chamadas

O estudo descobriu que 34% das pessoas descobriram que seu parceiro estava traindo, verificando o histórico de chamadas verificadas no celular.

Muitos infiéis se asseguram que não vão ser abandonados pelos seus parceiros por conta do suporte financeiro que oferecem: “mesmo que ela/ele descubra, ”, mas será que isso é justo?

 

Aparecida Gomes lança plataforma online para coleta de ideias e sugestões da população para Areia

A pré-candidata à Prefeitura de Areia, Aparecida Gomes (PDT), lançou nesta quarta-feira (12) a plataforma “Pensando Areia Juntos” com o objetivo de ouvir a população da cidade.

De acordo com Aparecida, seu plano de governo será montado com a colaboração do povo. Através da plataforma, os areienses poderão contribuir sugerindo ações, apresentando propostas e avaliando os serviços disponibilizados atualmente pela gestão municipal.

“Queremos a participação da população no nosso plano de Governo e será através das avaliações e sugestões apresentadas nesta plataforma que iremos focar nosso trabalho e ações. Vamos pensar juntos um futuro melhor e próspero para nossa cidade, trazendo o povo para o centro do debate”, garantiu a pré-candidata a prefeita, Aparecida.

A consulta popular através da plataforma ficará no ar pelos próximos 12 dias coletando as informações.

Participe através do site:

www.pensandoareiajuntos.com.br

 

portaldolitoralpb

 

 

RINDO EM CASA: 1º Festival de Humor ao vivo e online do Brasil

Humoristas se reinventam em época de pandemia e levam show de humor para dentro de casa

Saudades de assistir aos shows de stand-up Comedy com vários humoristas se revezando no palco, não é mesmo? O Rindo em Casa surgiu exatamente para suprir estas vontades, e com um plus a mais: para assistir no conforto do sofá. O primeiro festival de humor acontece nos dias 15, 16, 22, 23 e 29 de Agosto, com shows transmitidos ao vivo e online pela plataforma do Youtube.

Devido à pandemia que o mundo todo enfrenta, os humoristas se reinventaram e encontraram um jeito de levar humor para dentro de casa, assim nasceu o projeto Rindo em Casa. Este é o primeiro festival de humor com transmissão ao vivo e online do Brasil, e as transmissões acontecem em São Paulo, no Teatro Gazeta, e em Curitiba, no Curitiba Comedy Club. O elenco reúne 35 humoristas renomados no cenário do Stand-up Brasileiro, entre eles Marco Zenni, Rogério Morgado, Ariana Nutt, Michel Mattos, Rodrigo Capella, Rogério Vilela e outros.

Marco Zenni, criador e curador do Festival, teve a ideia de fazer este modelo de festival logo após estrear em Curitiba o espetáculo Farol, transmitido também neste formato, ao vivo e online. “Logo após o espetáculo vários amigos me perguntaram: Não vai ter seu show de Stand-up para a gente assistir? Acabei fazendo uma primeira experiência no dia 25/07 no Teatro Gazeta com alguns amigos humoristas e deu muito certo. Para a nossa surpresa vendemos mais de 300 ingressos para única sessão. Esse foi o impulso para a criação do festival.”, complementa Marco.

Seguindo as normas de segurança, durante os shows estarão no teatro apenas o elenco e equipe técnica, é proibido acompanhante e público. “Todas as precauções para evitar o contato entre o elenco e a equipe técnica do teatro estão sendo preparadas. Durante as apresentações os humoristas só retiram a máscara quando começa a apresentação individual. Logo após a sua parte no show, o microfone é trocado e higienizado pela equipe do teatro que disponibiliza um novo equipamento para o próximo humorista. Álcool Gel e tapetes sanitizantes estarão distribuídos pelos locais de acesso ao palco. Tudo para realizar este evento com a maior segurança possível”, afirma Marco Zenni.

Programação

Dia 15/08 (Sábado) às 21 horas

MAURICIO DOLLENZ, ROGÉRIO MORGADO, MARCO ZENNI, BRUNO ROMANO, GIL LISBOA, ARIANA NUTT, MICHEL MATTOS e LUCAS MOLL.

Dia 16/08 (Domingo) às 20 horas

RODRIGO CAPELLA, GUTO ANDRADE, PATRICK MAIA, MARCO ZENNI, PRI CASTELLO BRANCO, EDINHO DUAVY, EVANDRO RODRIGUES e RENATO TORTORELLI.

Dia 22/08 (Sábado) às 21 horas

ROGÉRIO VILELA, DINHO MACHADO, RODRIGO CÁCERES, GUI PRETO, LUCA MENDES, DANIEL PINHEIRO, FABIO GUERÉ e TIAGO CARVALHO.

Dia 23/08 (Domingo) às 20 horas

JOÃO VALIO, JANSEN SERRA, MARCO ZENNI, KEDNY SILVA, CATITO MIO, JULIANO GASPAR, LEA MARIA e BEN LUDMER.

Dia 29/08 (Sábado) às 20 horas

EMERSON CEARÁ, MARCO ZENNI, EDUARDO JERICÓ, SEGUNDINHO, RAPHAEL BULK, ANDERSON FURLAN e CLAUDINHO CASTRO.

Serviço

Local: Evento Online transmitido do Teatro Gazeta (dias 15,16,22 e 23/08) e Curitiba Comedy Clube (dia 29/08)

Ingressos: a partir de R$ 25,00 – A venda no Sympla, Sampa Ingressos e no site do Teatro Gazeta – No dia do show será enviado um email com o acesso ao show.

Horário das transmissões ao vivo:

Dia 15/08 (Sábado) às 21 horas

Dia 16/08 (Domingo) às 20 horas

Dia 22/08 (Sábado) às 21 horas

Dia 23/08 (Domingo) às 20 horas

Dia 29/08 (Sábado) às 20 horas

 

www.florezcom.com

 

 

4 tendências para se adaptar e ensinar melhor online

Especialista esclarece estratégias para melhorar a experiência de lecionar no ambiente virtual

A necessidade de manter o isolamento social a fim de evitar o contágio pelo novo Coronavírus impôs o desafio a milhares de professores de migrar suas aulas presenciais para o ambiente online. Apesar de ser uma alternativa viável e segura, ensinar de forma virtual tem uma série de especificidades e exige um treinamento específico que, na última hora, nem sempre está sendo aplicado aos profissionais.

Há mais de cinco anos realizando treinamentos para professores de inglês em vários países para o ensino exclusivo em plataformas online, a professora Joanna Palmowska, gerente de Treinamento de Professores da English Live, maior escola de inglês online do mundo,  tem uma visão positiva sobre o ensino à distância. Segundo ela, apesar dos desafios e gaps existentes, o ambiente online também pode oferecer recursos interessantes que não estão disponíveis em uma aula presencial tradicional.  A especialista também alerta sobre a necessidade de avaliar os recursos disponíveis para os alunos em condições vulneráveis, um dos principais desafios quando se fala em educação à distância.

Joanna listou as principais dicas e orientações para profissionais da educação que querem aproveitar da melhor forma as aulas no ambiente virtual:

1- Escolha e conheça a plataforma disponível:

A verdade é que nem sempre os profissionais participam do processo de escolha da plataforma na qual irão trabalhar. Independentemente disso, é importante que o professor conheça a fundo suas funcionalidades. “Explorar esses recursos é fundamental para uma melhor experiência. Existem programas com opções de quadro interativo, formação de grupos, por exemplo. O professor precisa conhecer essas ferramentas para enriquecer a experiência dos alunos”, orientou.

2- Alinhe as expectativas: 

A especialista explica que no ambiente online existe o desafio da linguagem corporal, que é responsável por 80% da comunicação. “Ligar a câmera, usar gestos, entonação, ajuda a quebrar essa barreira. O profissional precisa ter isso em mente”, ressalta. Por esse motivo também é preciso alinhar as expectativas antes de começar qualquer atividade. Como o retorno nem sempre é imediato, existe uma necessidade de acordar constantemente o que se propõe com aquela atividade, o que ela espera dos alunos, dar feedbacks, exemplos,  etc.

Segundo ela, mais do que ensinar alguma matéria, o professor está ali também para ensinar a aprender de forma remota. Isso significa que ele precisa considerar que apenas escutar de forma passiva não é aprender imediatamente.

3- Aprenda a lidar com problemas técnicos:

Problemas técnicos são de longe a principal dificuldade revelada pela educação à distância, segundo Joanna. Isso inclui problemas de conexão, de aparelhos, barulhos externos, eletricidade. São muitas as barreiras  envolvidas para garantir um ensino de qualidade. Nem sempre é possível sanar todos, mas levando em consideração esse quesito é absolutamente possível trabalhar para reduzir os problemas. “É preciso testar, desenvolver conteúdo, usar as ferramentas disponíveis para explorar a interação ao máximo, por isso  o profissional precisa estar preparado”, completou. Prever o que pode dar errado e já se adaptar é uma boa saída  para evitar problemas durante as aulas.

4- Conheça seu público e se adapte:

O maior desafio da educação a distância seguramente está na vulnerabilidade na realidade estudantil. “Como pensar em desenvolver um bom conteúdo online se existem alunos sem acesso à internet ou mesmo computador próprio? Muitos alunos precisam dividir seus equipamentos com familiares ou sequer possuem um”, analisa.  A especialista conta que países como a Austrália estão enviando materiais como fitas e livros para estudantes em áreas remotas, por exemplo. A possibilidade de gravar um conteúdo para que ele seja assistido posteriormente é uma forma de fazer a educação funcionar.

“Quanto maior a preparação, melhor a experiência”, destacou a gerente, reforçando a capacidade de adaptação como a principal habilidade a ser desenvolvida no contexto de constante mudanças.

 

Sobre a English Live

Com mais de 20 anos de história, a EF English Live é a maior escola de inglês online do mundo. Fundada em 1996, tem sido pioneira na utilização da tecnologia para ministrar cursos de inglês online, oferecendo ensino de alta qualidade por meio do acesso a professores de inglês de todo o mundo. A escola tem aulas individuais e em grupo disponíveis 24 horas por dia, 7 dias por semana, com professores qualificados. Pertencente ao grupo EF Education First, líder mundial em educação internacional, possui um legado de 50 anos de excelência acadêmica e mais de 20 milhões de alunos atendidos. No Brasil,são mais de 100 mil clientes ativos e mais de 1 milhão de alunos atendidos nas últimas décadas. 

 

Em Bananeiras, UFPB abre inscrições para mil vagas em cursinho online de preparação para o Enem

Estão abertas até o dia 21 de junho as inscrições para mil vagas em um cursinho online com o objetivo de preparar estudantes que querem prestar vestibular, principalmente o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). A iniciativa é de um projeto da Universidade Federal da Paraíba (UFPB), no Centro de Ciências Humanas, Sociais e Agrárias (CCHSA), no campus III, em Bananeiras, no Brejo paraibano.

As inscrições devem ser realizadas pelo Sistema Integrado de Gestão de Eventos (SIGEventos). Podem se inscrever estudantes, professores, técnico-administrativos e colaboradores da UFPB e alunos sem vínculo com a instituição.

O curso, previsto para iniciar em 22 de junho, é uma iniciativa do projeto “Inclusão social de alunos da rede pública: educação, cultura e direitos humanos”, coordenado pelo professor do Departamento de Agricultura, Marcos Barros. As atividades devem ocorrer até 30 de abril de 2021.

As mil vagas terão vigência de oferta até dezembro deste ano, período em que acontecerá a etapa preparatória para o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), ainda sem data definida. Entre janeiro e abril, serão realizadas outras atividades, como acompanhamento e monitoramento dos resultados no Enem e no Sistema de Seleção Unificada (Sisu).

“Queremos promover a inclusão social de jovens provenientes das camadas populares, ampliando as possibilidades do ingresso dos estudantes de escolas públicas do Brejo paraibano em cursos de graduação das universidades públicas do estado da Paraíba. Assim, contribuiremos para a educação, formação sociocultural e o exercício pleno da cidadania deles”, reforçou o professor.

O professor Marcos Barros destaca a experiência de ofertar um curso 100% online. “É um desafio interessante, motivador, pois temos aproveitado nossos atributos de domínio de conteúdo e adaptando às ferramentas multimídias. É um caminho sem volta para o país esse novo normal da educação”.

Ele observa ainda que um curso online tem alcance muito maior, atingindo pessoas e lugares cada vez mais distantes. “No ano passado, dependíamos dos ônibus das prefeituras para trazer os alunos até o campus universitário. A adoção das ferramentas virtuais de aprendizagem remete a uma maior eficiência e eficácia da transmissão do conhecimento teórico e prático e a uma preparação pré-universitária massificada”.

Para isso, foram pensados recursos didáticos para permitir a realização do curso, tais como material didático digitalizado; apresentações em multimídia; vídeos, web-conferências e web-aulas; fórum para debate e tiração de dúvidas; ferramentas Moodle Classes (UFPB) e Google Meet; rede social Instagram; Whatsapp e outros aplicativos de comunicação.

Mais informações podem ser obtidas por meio dos números de telefones (83) 99132-6812/3367-5566, pelo e-mail cursinhoproenem.cchsaufpb@gmail.com e pelo perfil do projeto no Instagram.

portaldobrejo

 

Começam aulas online para alunos da rede estadual de ensino

Começaram nesta segunda-feira (27), na Paraíba, as atividades escolares do Regime Especial de Ensino para os alunos da rede estadual de educação. A medida foi tomada em virtude da suspensão de aulas presenciais como forma de combater o contágio pelo novo coronavírus.

O Regime Especial de Ensino foi publicado no Diário Oficial do Estado do último dia 18 e as estratégias de ensino foram apresentadas pelo secretário de Estado da Educação e da Ciência e Tecnologia (SEECT), Cláudio Furtado, em transmissão ao vivo nas redes sociais no dia 20.

O regime vai vigorar por todo o período em que as aulas presenciais estiverem suspensas. O calendário do ano letivo será estabelecido com o retorno das aulas presenciais.

Por meio de edital, 100 tutores foram selecionados e treinados no mês de abril para serem responsáveis pela formação dos demais professores na utilização das tecnologias educacionais para planejamento pedagógico e organização das aulas.

A iniciativa tem por objetivo desenvolver ações que garantam a aprendizagem durante o período do distanciamento social, considerando os diferentes perfis e contextos socioeconômicos existentes no estado da Paraíba. De acordo com portaria do Estado, durante este período serão implementadas atividades complementares, que deverão ser elaboradas pelos docentes em consonância com os documentos expedidos pela SEECT.

Ferramentas utilizadas

A secretaria disponibilizou a plataforma online ‘Paraíba Educa’, que reúne todas as informações sobre Regime Especial de Ensino, assim como os recursos educacionais, documentos legais e pedagógicos norteadores, além de promover o contato direto entre estudantes, professores, gestores e a SEECT.

Além da plataforma, também serão utilizados os seguintes recursos:

Google Classroom: Trata-se de uma plataforma virtual para aulas online, que serão organizadas pelas próprias escolas. Esta ferramenta será incorporada pelas turmas devidamente matriculadas na Plataforma SABER da SEECT.

Aplicativo Paraíba Educa: Permitirá o acesso dos estudantes e professores ao Google Classroom e à Plataforma SABER. Este recurso estará disponível em breve.

Vídeo-aulas: A SEECT vai disponibilizar uma grade de programação para todas as etapas de ensino a ser exibida em canal aberto em diferentes regiões do estado. Este recurso estará disponível em breve.

Redes sociais: Serão ferramenta de interação entre equipes escolares, estudantes e famílias em grupos oficiais das turmas criados por cada escola. Também serão utilizadas para o envio de roteiros de atividades estruturadas para as famílias e estudantes.

Acessibilidade

Para os estudantes com surdez, que fazem uso da Língua Brasileira de Sinais (Libras), será disponibilizada a presença de um intérprete nas salas virtuais, este articulado pela equipe gestora da escola e respectiva Gerência Regional de Ensino, e material pedagógico acessível. Para os estudantes com Deficiência Visual, os materiais serão disponibilizados em modo textual e deverão estar em formato PDF, para que ele possa acessá-lo utilizando as tecnologias de leitura de tela.

Estratégias para quem não tem acesso a recursos

O material será distribuído em formato impresso nos casos em que a gestão da escola constatar a impossibilidade do estudante acessar as plataformas ou redes sociais disponíveis. A logística da distribuição será definida por cada escola, de acordo com sua realidade, em diálogo com a Gerência Regional e a SEECT.

 

portalcorreio