Arquivo da tag: mortais

Remígio: Restos mortais e caixões de defunto são jogados em via pública

 

Como se não bastasse o problema da falta de lugares para sepultar seus entes queridos em virtude da superpopulação do cemitério público, os moradores de Remígio, a 137 km de João Pessoa enfrentam outro descaso por parte da administração municipal.

Constantemente são efetuadas denúncias nas emissoras de rádio da região em relação ao lixo retirado do cemitério e jogado em via pública. São caixões de defunto, grades de sepulturas e restos mortais que trazem mau cheiro e incomodo aos moradores das ruas Monte Santo e Gibão. Nas ruas, o que mais se comenta é a quantidade assustadora de lixo que invade a cidade, enquanto a assessoria de comunicação da prefeitura afirma que o problema será solucionado em breve. Cães consumindo os ossos e restos humanos dividem o espaço com crianças que inocentemente brincam com o macabro material, um pano de fundo que mais parece filme de terror.

Confiram as fotos do blog “buchofuradoremigio”:

caixão

caixão1

caixão2

caixão3

caixão4

 

Sandra Souto/Ascom para o Focando a Notícia

Restos mortais de pai de vice-prefeito somem de túmulo

Cemitério São João Batista, em Sousa (Fonte: Folha do Sertão)

Como se não bastasse o roubo de adornos em bronze dos túmulos pelos cemitérios da Paraíba, um fato mais grave vem angustiando a família do vice-prefeito de Vierópolis, Zé de Miro, e do ex-vice-prefeito de Sousa, Chiquinho do PT: o furto dos restos mortais de seu patriarca, Valdomiro Gomes Machado.

A surpresa desagradável se deu quando a filha do falecido foi visitar seu túmulo. Lá estando, percebeu que o jazigo havia sido violado. Em seu interior, onde deveria estar a ossada de Valdomiro Gomes, nada restava.

Ciente do ocorrido, a família procurou a direção do cemitério procurando explicações, mas os responsáveis alegaram que não sabiam explicar como tinha acontecido, muito menos conheciam o autor.

Decidido a encontrar as relíquias de seu parente, o vereador Tibúrcio Gomes Machado Neto foi até a delegacia prestar queixa, cobrando investigação. Segundo o parlamentar, não é a primeira vez que o túmulo é depredado, dessa vez, com uma perda irreparável.

MaisPB