Arquivo da tag: morta

Mulher é encontrada morta dentro de casa com filho de um ano ao lado, no Sertão da Paraíba

Uma jovem, identificada como Luana Mariano Xavier, de 19 anos, foi encontrada morta dentro de casa na noite desta quarta-feira (19) na cidade de Patos, no Sertão paraibano. De acordo com informações da Polícia Militar, ela teria sido morta na frente do seu filho, de apenas um ano de idade, que foi encontrado ao lado do corpo da mãe.

De acordo com a família da vítima, ela estaria grávida, o que ainda deve ser confirmado pela perícia. Segundo polícia, a jovem foi atingida por vários golpes de faca.

Ainda conforme a polícia, o suspeito do crime é o ex-companheiro da vítima. Até as 7h40 ele não havia sido localizado ou preso.

G1

 

Laudo confirma que estudante de 16 anos encontrada morta na Paraíba foi estuprada

Um laudo do Instituto de Polícia Científica da Paraíba (IPC) apontou que a adolescente potiguar Karolina Oliveira Gomes, de 16 anos, foi vítima de crime sexual. A jovem, que morava em Goianinha, na Grande Natal, desapareceu de casa em 5 de agosto e foi encontrada morta no dia seguinte no município de Capim, na Paraíba.

De acordo com Polícia Civil da Paraíba, o laudo comprova que ela foi estuprada – o corpo de Karolina foi encontrado despido em um canavial. Segundo a polícia, o material biológico encontrado no corpo da adolescente é compatível com o do principal suspeito do crime, o caminhoneiro Josué Cabral dos Santos, de 34 anos.

Para o delegado Thiago Cavalcanti, da Delegacia de Mamanguape (PB), que investiga o caso, o laudo é mais uma prova material contra o suspeito, que está detido na Penitenciária do Roger, na Região Metropolitana de João Pessoa.

“Essa perícia técnica comprova que de fato a vítima foi estuprada pelo acusado. No material biológico colhido na região vaginal foi detectada a presença de um perfil genético compatível com o do acusado”, disse o delegado.

Durante as investigações, os policiais já haviam encontrado fios de cabelo de Karolina Oliveira no caminhão-baú que pertence a Josué Cabral, além de uma corda, que pode ter sido usada no crime. Outra indicação apontada pela investigação tem relação com o celular da jovem. O homem encontrado com o aparelho disse tê-lo comprado do caminhoneiro.

O suspeito já havia sido denunciado por homicídio triplamente qualificado e também vai responder por crime sexual. “Ele já havia sido denunciado pelo homicídio e agora nós vamos promover um complemento no indiciamento por crime de estupro”, disse Thiago Cavalcanti. O suspeito nega todas as acusações.

O caso

O corpo de Karolina Oliveira, de 16 anos, foi encontrado na manhã do dia 6 de agosto, em um canavial no município de Capim, sem roupas. A adolescente estava desaparecida desde a noite anterior, quando saiu de casa para ir a uma lan house, onde ia imprimir um trabalho de matemática. O corpo foi reconhecido pelo pai da adolescente no dia 7 de agosto.

Imagens de segurança mostraram que a jovem foi abordada por um caminhoneiro em um posto de combustíveis em Goianinha no dia 5 de agosto. Segundo a as investigações da polícia, o homem a convenceu a entrar no veículo – foi a última vez que ela foi vista com vida. O corpo da jovem foi encontrado com marcas de facadas no pescoço e no tórax, além de sinais de estrangulamento.

No final de agosto, Josué e outro suspeito foram presos por policiais civis e rodoviários federais em um posto de combustíveis na BR-232 na cidade de Custódia, em Pernambuco.

 

paraiba.com.br

 

 

Mulher é encontrada morta a tiros em escola abandonada, em João Pessoa

Uma mulher, ainda não identificada, foi encontrada morta a tiros, dentro de uma escola abandonada no bairro das Trincheiras, em João Pessoa, neste sábado (4). A polícia acredita que o crime tenha acontecido durante a madrugada.

As informações são de que o prédio da escola é ocupado por diversas famílias sem teto, mas ainda não há confirmação de que a mulher morava no local.

A polícia está investigando o caso e trabalha com a hipótese de que o crime esteja relacionado ao tráfico de drogas.

 

clickpb

 

 

Mulher é morta a tiros e ex-marido é preso suspeito de feminicídio

O Natal terminou trágico para uma família na Zona Rural de Cajazeiras, no Sertão do estado. Uma mulher de 48 anos foi assassinada a tiros na manhã desta quarta-feira (25) e o suspeito do crime é o ex-companheiro da vítima, de 69 anos. Ele foi preso em flagrante logo após os disparos.

De acordo com informações da Polícia Militar, o casal estava em processo de divórcio. Eles teriam passado a noite em uma festa, onde o suspeito estaria a todo momento incomodando a vítima.

Segundo a delegada Yvna Cordeiro, a mulher teria ido de carona para casa com outro homem que também estava na festa. Quando ela chegou em casa, o suspeito já estava no local e atirou contra a ex-companheira, após dizer que estava sendo traído por ela.

O suspeito, que estava bêbado, ainda apontou a arma para o homem que deu carona para a vítima, mas foi desarmado por ele. O suspeito foi rendido por esse homem até a chegada da Polícia Militar.

A vítima morreu no local. O suspeito foi preso em flagrante e encaminhado para a Delegacia de Polícia Civil, onde foi ouvido pela delegada responsável pelo caso. O corpo da mulher foi encaminhado para o Numol de Patos.

* Katiana Ramos, do Jornal CORREIO

 

 

Acidente deixa uma pessoa morta e duas feridas em rodovia da Paraíba

Um acidente deixou uma pessoa morta e duas feridas, na noite desta sexta-feira (13), nas imediações da ponte Quicé, na rodovia BR-104, que liga os municípios de Lagoa Seca e São Sebastião de Lagoa de Roça, no Alto Sertão do estado da Paraíba. Gilsomar Alves era morador da cidade de São Sebastião de Lagoa de Roça.

No acidente, um homem e uma mulher ficaram feridos.

Segundo testemunhas, o condutor do veículo teria perdido o controle, o que ocasionou o acidente. Ainda segundo as testemunhas, o trecho da rodovia é perigoso e que outros acidentes aconteceram no mesmo local.

As causas do acidente serão investigadas.

 

clickpb

 

 

Acidente de moto deixa uma pessoa morta na curva do Eucalipto, em Araçagi

O irmão de um ex-vereador morreu na noite desta sexta-feira (20) em um acidente de moto na curva do eucalipto, na Rodovia PB-057, entre os municípios de Guarabira e Araçagi, na Paraíba.

Gelson Gonçalo Xavier, de 39 anos era natural de Guarabira e irmão do ex-vereador Beto de Paulino da cidade de Araçagi. Segundo a polícia civil, o motociclista teria perdido o controle da moto e sobrado na curva.

Uma equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) foi acionada e ao chegar ao local o médico confirmou o óbito. Uma perícia foi realizada para investigar o acidente.

Há relatos que houve uma colisão entre a moto e um carro, mas a polícia civil não confirmou e disse que o laudo ficará pronto em até 30 dias. O corpo foi encaminhado ao Núcleo de Medicina e Odonto-Legal (Numol) de Guarabira.

Blog do Pedro Júnior

 

 

Adolescente é morta com tiro de espingarda dentro de casa, em Sousa, PB; companheiro é suspeito

Uma adolescente de 17 anos foi morta com um tiro de espingarda calibre 12 na tarde desta terça-feira (3), na cidade de Sousa, no Sertão paraibano. Segundo a Polícia Civil, o feminicídio ocorreu dentro da casa onde a vítima morava com o companheiro. Ele é o principal suspeito do crime e fugiu do local.

De acordo com as informações da Polícia Civil, em Sousa, o crime ocorreu por volta das 14h30, no bairro Alto do Cruzeiro. A vítima foi atingida por um tiro na lateral do tórax. Ela chegou a ser socorrida pelo Samu, mas quando chegou ao Hospital Regional de Sousa já estava morta.

Na residência do casal, a Polícia Civil encontrou a espingarda utilizada no crime. Também foi encontrada uma quantidade de crack em um saco plástico. Ainda segundo a Polícia Civil, familiares da vítima relataram que o casal tinha um histórico de brigas, mas não sabe o que exatamente motivou o crime.

Até as 15h50 desta terça-feira, a Polícia Civil e a Polícia Militar continuavam realizando buscas para tentar localizar o suspeito.

Foto: Beto Silva/TV Paraíba

G1

 

Mulher é morta a facadas na PB e ex-companheiro é suspeito; ‘cena macabra’, diz delegado

Uma mulher foi morta e a filha dela, de 13 anos, foi esfaqueada na madrugada desta quarta-feira (28), em Condado, no Sertão da Paraíba. De acordo com o delegado da Seccional de Patos, Manoel Martins, responsável pelo caso, o principal suspeito do crime é o ex-companheiro da mulher, um homem de 39 anos, que teria arrombado a casa da vítima com uma alavanca e, em seguida, atacado a ex-companheira.

“O que a gente viu foi uma cena macabra. Não dá pra dizer de quem é exatamente o sangue espalhado pela casa, porque a mulher foi esfaqueada, a filha dela, de 13 anos, também e, pelo que vimos, houve luta corporal e ele também deve ter ficado bastante ferido”, contou o delegado Manoel Martins.

O caso aconteceu por volta da 0h30, na rua Sebastião Barbosa dos Santos. Conforme o delegado, a Polícia Militar foi acionada ao local por volta da 1h. Ao chegar na casa, a polícia encontrou a mulher morta, a filha dela gravemente ferida e um menino de 5 anos, que também estava no local e, segundo o delegado, estava transtornado.

“O suspeito arrombou a casa pela porta da sala com uma alavanca. Lá dentro estava a mulher morta cheia de perfurações, a filha de 13 anos esfaqueada e um menino de 5 anos, que a gente ainda não sabe se é filho da vítima ou do suspeito”, relatou o delegado.

Na casa, além da mulher morta, identificada como Juberlúcia Oliveira da Silva, de 30 anos, a polícia encontrou a alavanca utilizada pelo suspeito para entrar na casa e uma faca. De acordo com o delegado, ainda não se sabe se a faca seria do suspeito ou se a vítima teria pego o objeto para se defender.

Polícia encontrou celular e documentos do suspeito

Segundo o delegado, a polícia acredita que o suspeito do crime também ficou ferido. “A polícia encontrou um grande rastro de sangue saindo da casa até um matagal próximo do local. O suspeito fugiu pra dentro dessa mata e lá nós encontramos o celular e todos os documentos dele”, contou.

Conforme o delegado, testemunhas relataram que o suspeito já havia premeditado o crime. “As primeira investigações revelaram que ele estava morando em São Paulo há algum tempo e que vivia ameaçando a ex-companheira de morte e aí ele teria vindo pra cidade só para matar a mulher”, frisou.

Menina de 13 anos em estado grave

Ainda de acordo com o delegado Manoel Martins, a filha da Juberlúcia de Oliveira, uma menina de 13 anos, foi encontrada ferida com diversos golpes de faca. A menina foi socorrida por uma equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e levada para o Hospital Regional de Patos.

“A menina está internada em estado grave na UTI do Hospital Regional de Patos. Só ela vai poder nos relatar o que de fato aconteceu dentro dessa casa. E isso só será possível após a recuperação dela, porque não podemos ouvir o menino de 5 anos, que também estava na casa. A criança também foi encontrada transtornada”, disse o delegado.

Até as 11h desta quarta-feira (28), as informações do delegado eram de que o suspeito do crime continuava foragido. “A gente acredita que ele não vai conseguir ficar muito tempo escondido, porque pela cena do crime, ele ficou muito ferido também. Então logo logo ele vai ter que procurar ajuda médica”, salientou Manoel Martins.

G1

 

Guarabira: jovem foi morta por estrangulamento e polícia quer saber se houve estupro

A polícia continua trabalhando nas investigações para tentar elucidar o assassinato da jovem Deysiane Taynalle, de 23 anos, encontrada morta no começo da tarde desta terça-feira (6), às margens do Canal do Juá, em Guarabira.

No local do crime, peritos contaram que possivelmente a morte foi provocada por estrangulamento, visto que o corpo foi encontrado despido e com um fio envolto no pescoço da vítima. Mas o resultado conclusivo só será divulgado posteriormente pela Polícia Científica.

Os peritos reclamaram da dificuldade que terão devido à alteração da cena do crime que foi feita por curiosos que se aglomeraram, deixando pegadas, amassando a vegetação existente, depois que o corpo foi localizado por crianças que empinavam pipa nas imediações do Canal.

A polícia solicitou que fosse realizado exame de conjunção carnal para saber se ouve estupro contra a vítima. Depois de concluídos os exames, o corpo deverá ser encaminhado ao município de Esperança, terra natal da jovem, onde será sepultado.

O crime

De acordo com as investigações, Deysiane estava na casa da sogra na noite de sábado quando foi para casa, sozinha, do bairro do Nordeste para as proximidades do Canal do Juá, onde residia, tendo que atravessar o local ermo, e teria sido atacada por um ou mais elementos.

Ela estava desaparecida desde o último sábado (3) e foi encontrada somente nesta terça, já em estado de decomposição.

Em entrevista à imprensa, o companheiro da jovem, Rodrigo França, de 22 anos, disse que ela estava com suspeita de gravidez. Ele contou ainda que estava em casa aguardando a companheira chegar.

 

 

portal25horas

 

 

“Ela estava com suspeita de gravidez”, diz esposo de jovem morta em Guarabira

Rodrigo, de 22 anos, disse em entrevista a repórter Pedro Júnior (Rádio Talismã FM 99,3), que quer ajuda da polícia para desvendar a morte da sua esposa, Deysiane Taynelle, de 23 anos, encontrada morta nesta terça-feira (6), na cidade de Guarabira.

Rodrigo afirmou na entrevista que a morte da sua esposa foi uma covardia. “Sem explicação, ela não devia e nem conhecia ninguém”, disse.

Perguntado se estava sofrendo acusação, Rodrigo disse que jamais teria como fazer isso com ela. “Eu amava muito ela”, declarou.

O delegado Norival Portela do NI – Núcleo de Homicídios da 8ª DSPC, também se pronunciou e afirmou que o crime se trata de um – CVLI – Crime Violento Letal Intencional. Os familiares foram ouvidos e diligências internas e externas estão sendo realizadas no intuito de elucidar o fato.

“Estamos trabalhando no caso e o propósito é elucidar o fato e descobrir o responsável, mas dentro de um trabalho com coletas de indícios que realmente possa surtir efeitos”, frisou Portela em entrevista ao repórter Pedro Júnior.

 

portal25horas