Arquivo da tag: modernização

Interlegis auxilia na modernização da Câmara e na disponibilização de cursos EaD

A Câmara Municipal de Bananeiras (CMB), com convênio firmado com o  Programa Interlegis desde 2011, tem implementado desde 2019 várias mudanças com este suporte.
Em 2013, os vereadores Ramom Moreira (DEM) e Kilson Dantas (PSB) estiveram em Brasília na busca de maiores parcerias, porém a utilização dos recursos disponibilizados pelo Interlegis só estão sendo utilizados em quase sua totalidade agora.
As mudanças foram essenciais quanto ao cumprimento da Lei de Acesso à Informação, questões referentes a transparência e ao Apoio ao Processo Legislativo.
Ainda aproveitando convênio, utilizando o Instituto Legislativo Brasileiro, a Câmara tem disponibilizado cursos EaD, com e sem tutoria, usando o SABERES, importante plataforma do Interlegis.
Ascom-CMB

 

Governo e Prefeitura de Bananeiras avaliam modernização e fortalecimento da gestão pública

reuniãoRepresentantes do Governo do Estado/Instituto de Desenvolvimento Municipal e Estadual da Paraíba (Ideme) e da Prefeitura de Bananeiras estiveram reunidos para avaliar os resultados das ações do convênio de cooperação técnica para a modernização e o fortalecimento da gestão municipal. Na oportunidade, o Ideme apresentou alguns dos produtos finalizados, a exemplo do banco de dados com as informações imobiliárias e atividades econômicas, incluindo a Planta Cadastral da área urbana de Bananeiras.

CURTA o FOCANDO A NOTÍCIA no Facebook

Durante o encontro, o Ideme lembrou que o convênio contempla a elaboração de um dos mais importantes instrumentos de construção e implantação de políticas públicas de desenvolvimento socioeconômico que deve ser adotado por todos os municípios: o Cadastro Técnico Multifinalitário (CTM), que inclui a elaboração de Plantas de Serviços Urbanos, Mapa Cadastral, Mapa de Equipamentos Comunitários e Mapas de Quadras (Overlays). Além disso, o instituto se dispõe a prestar assessoramento técnico aos municípios nos processos de captação de recursos estaduais, federais e até internacionais para ações de desenvolvimento nas áreas de educação, habitação, saúde, segurança e desenvolvimento social.

Modernização – O Cadastro Multifinalitário possibilita principalmente a modernização da gestão administrativa e fiscal. O estudo reúne a base cartográfica e de informações cadastrais dos imóveis e logradouros das áreas urbanas e rurais, evidenciando a propriedade imobiliária, suas características físicas, o seu uso, infraestrutura e serviços existentes que formam um completo banco de dados virtual, que passa a ser atualizado constantemente pela própria Prefeitura. O estudo, além de subsidiar para o planejamento estratégico setorial do município em benefício da sociedade, também alimenta a base de cadastro fiscal para os tributos imobiliários.

Para o prefeito de Bananeiras, Douglas Lucena, a expectativa é a de que esse estudo do Ideme proporcione uma organização maior da própria gestão pública, no que concerne o entendimento do seu espaço, inclusive para o disciplinamento das ocupações futuras. “Bananeiras está crescendo e o município precisa estar preparado com o máximo de informações organizacionais para esse momento, que já chegou”, afirmou Douglas, que participou da reunião de avaliação juntamente com os técnicos do município William Fernandes, Ricardo Lopes e Antônio Alves.

O encontro entre os representantes do Ideme e da Prefeitura de Bananeiras aconteceu no último dia 10, na sede da Secretaria de Saúde de Bananeiras, sob a coordenação do superintendente-adjunto do Ideme, Jakson Amâncio, e o acompanhamento da diretora administrativa e financeira do Ideme, Anna Carmem França e da técnica Janizete Rangel.

Ideme – Vinculado à Secretaria de Estado do Planejamento e Gestão da Paraíba (Seplag), o Ideme tem a missão de contribuir para a construção e a implementação de políticas públicas, via produção de estudos, pesquisas e projetos de natureza global e/ou setorial nas áreas socioeconômicas, focando o desenvolvimento sustentável na Paraíba e seus municípios.

Secom

Hospitais Universitários recebem investimentos para reformas e modernização

Recursos  são destinados para reforma nas instalações e compra de equipamentos 


Vinte e oito hospitais universitários do País receberam recursos do Programa Nacional de Reestruturação dos Hospitais Universitários Federais (Rehuf) para reformas e modernização do parque tecnológico.

MEC Programa permite recuperação física e tecnológica de hospitais

  • Programa permite recuperação física e tecnológica de hospitais

Outras cinco unidades receberam aporte de R$ 11,7 milhões para serviços de ampliação ou finalização de construções em andamento.

Nos hospitais das universidades federais do Amazonas (Ufam), de Juiz de Fora (UFJF), de Uberlândia (UFU), Pelotas (UFPel), do Mato Grosso (UFMT) e do Rio de Janeiro (UFRJ) foi identificada a necessidade de novas construções, devido à precária situação das atuais instalações.

Os hospitais também foram equipados com aparelhos de diagnóstico por imagem e de centro cirúrgico e Unidade de Terapia Intensiva (UTI). Foram adquiridos mais de 2 mil equipamentos, por meio de pregões eletrônicos realizados pelo Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE). Entre os itens adquiridos estão angiógrafos, aparelhos de ressonância magnética e de raios X, tomógrafos e mamógrafos, além de conjuntos de digitalização de imagens.

Além dos equipamentos, medicamentos e insumos também foram comprados através de  compras centralizadas e pregões eletrônicos. O valor alcançado resultou em uma redução de 42,63% em relação ao preço original, o que representa uma economia de R$ 293,9 milhões.

Rehuf

O Rehuf foi criado em 2010, através do decreto nº 7.082, de 27 de janeiro de 2010. Foi desenvolvido e financiado pelos ministérios da Saúde e da Educação. O programa é destinado à reestruturação e à revitalização dos hospitais das universidades federais, integrados no sistema único de saúde. O objetivo é  criar condições materiais e institucionais para que os hospitais universitários federais possam desempenhar plenamente suas funções em relação às dimensões de ensino, pesquisa e extensão e à dimensão da assistência à saúde.

Hospitais universitários

Os hospitais universitários são centros de formação de recursos humanos e de pesquisa para a área de saúde. A prestação de serviços à população possibilita o aprimoramento no atendimento e na elaboração de protocolos técnicos para os diversos tipos doenças. O que garante melhores padrões de eficiência à disposição da rede do Sistema Único de Saúde (SUS). Além disso, os programas de educação continuada oferecem oportunidade de atualização técnica aos profissionais de todo o sistema de saúde.

Portal Brasil

Paraíba receberá R$ 78 milhões em investimentos para modernização da rede de telefone da Oi

A empresa de telefonia Oi pretende investir R$ 78 milhões na Paraíba ao longo deste ano, um montante 40% superior ao de 2011. O anúncio foi feito pelo presidente da companhia, Francisco Valim, durante audiência no Palácio da Redenção na tarde desta quinta-feira (3), com o governador Ricardo Coutinho.

Francisco Valim explicou que o valor será aplicado na modernização de toda a rede de telefonia móvel 2G e na instalação de mais 46 torres de telefonia móvel, tanto 2G quanto 3G em todo o Estado. Ele também incluiu nos investimentos a abertura de duas lojas próprias no Estado em julho, sendo uma em João Pessoa e a outra em Campina Grande, que vão gerar 30 empregos diretos cada.

“O valor supera em mais de 40% os R$ 54,3 milhões que foram investidos pela companhia em 2011. A Paraíba é um dos Estados que mais vem crescendo no Nordeste pelo que observamos no mercado. Achamos que esse crescimento é fruto da energia que o governo tem imprimido para atrair novas empresas e gerar emprego ambiente, que faz com que a nossa companhia invista e participe mais do crescimento desse Estado”, destacou Francisco Valim.

Atualmente, a cobertura de telefonia móvel 2G (telefone e internet) atinge 74% da população paraibana, cobrindo 78 municípios do Estado. Segundo Francisco Valim, a Oi tem mais de 250 sites de telefonia 2G e 3G distribuídas pela capital e o interior. “A Paraíba é um dos estados onde temos a maior penetração, não só pela prestação de um serviço diferenciado como pelos produtos e serviços que são aceitos muito bem pelos clientes”, observou.

O governador Ricardo Coutinho ressaltou a importância dos investimentos e disse que o Estado está aberto a firmar outras parcerias para possibilitar a universalização da internet para os paraibanos. Ele espera que a companhia dê celeridade aos investimentos como as lojas em João Pessoa e Campina Grande.

O secretário da Controladoria Geral do Estado, Luzemar Martins, destacou a importância do direcionamento dos investimentos da empresa para a ampliação dos serviços telefônicos e de internet em vários municípios paraibanos, bem como da abertura da possibilidade de parcerias na prestação de serviços de interesse do Estado como segurança pública e acesso às informações. Ele acrescentou que os investimentos vão gerar empregos, tanto nas lojas que serão abertas, como na área de montagem de redes, antenas e modernização dos equipamentos.

Também participaram da audiência o secretário de Governo, Lindolfo Pires, o  diretor de Relações Governamentais da Oi, Carlos Ademar de Aragão, o diretor regional de Relações Institucionais da Oi, Frederico de Siqueira Filho, o diretor regional de Vendas Corporativo, Magno Vilas Boas Pinto, e o representante institucional da Oi na Paraíba, Francisco Hericsson.

Secom PB