Arquivo da tag: Menina

Tio suspeito de estuprar e engravidar menina de 10 anos no ES é preso em MG

O tio suspeito de estuprar e engravidar a sobrinha de 10 anos em São Mateus, no Espírito Santo, foi preso por volta das 3h30 desta terça-feira (18) em Betim, em Minas Gerais.

O governador do Espírito Santo, Renato Casagrande (PSB), divulgou a informação em uma rede social na manhã desta terça.

“Que sirva de lição para quem insiste em praticar um crime brutal, cruel e inaceitável dessa natureza. Detalhes da operação serão repassados pela equipe segurança ainda hoje”, disse o governador do ES.

O suspeito de 33 anos será encaminhado ao Complexo Penitenciário de Xuri, em Vila Velha, na Grande Vitória. Ele foi indiciado por estupro de vulnerável e ameaça e estava foragido desde a última semana.

O homem também já tinha passagem criminal por tráfico de drogas e esteve preso entre 2011 e 2018.

A gravidez foi revelada no dia 7 de agosto, quando a menina foi ao hospital em São Mateus se queixando de dores abdominais. A menina relatou que começou a ser estuprada pelo próprio tio desde que tinha 6 anos e que não o denunciou porque era ameaçada.

A criança passou por um procedimento e interrompeu a gestação em Recife (PE) nesta segunda (17). Ela estava na unidade desde domingo (16), quando iniciou o processo. O procedimento foi concluído por volta das 11h e a menina passa bem.

G1

 

Menina de 5 anos morre vítima de tiro acidental, na Paraíba

Na noite dessa segunda-feira (20) uma menina de apenas cinco anos faleceu vítima de um disparo acidental de arma de fogo no sítio Guaribas, ena cidade de Conceição, Sertão paraibano.

Segundo as informações policiais o tiro de espingarda atingiu a cabeça da criança, que morreu na hora.

A espingarda seria do pai da menina que teria chegado em casa após caçar e colocado a arma apoiada na geladeira.

A espingarda teria então escorregado e disparado acidentalmente.

O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi acionado, mas a menina já estava morta.

O pai da criança fugiu e a arma será periciada.

PB Agora

 

 

Menina de 13 anos acusa marido da prima de abuso sexual na Grande JP

A menina de 13 anos, residente da cidade de Curral Velho, passava as férias na casa da tia em Bayeux, local onde também mora o suspeito, que é marido da sua prima.

De acordo com o relato da adolescente, ela acordou no meio da noite com o rapaz de 18 anos, que é serralheiro, se esfregando nela.

A menina contou o fato à mãe, que ao avistar uma viatura da Polícia Militar passando na rua, acionou os policiais. Os agentes de segurança foram até o trabalho do suspeito e ao chegar ao local, ele informou que já sabia do que se tratava. De lá, o jovem foi levado para a delegacia da mulher em Bayeux para prestar esclarecimentos. O caso será encaminhado para a delegada Conceição Casado.

A mulher do suspeito também foi avisada pela prima e ao questionar o marido, ele teria negado. Os dois estão juntos há um ano e uma filha dela, de seis anos, mora com eles. A mulher afirmou, a princípio, que acreditava na inocência do marido, por ele nunca ter feito nada com a afilhada, de acordo com ela. Porém, na delegacia, a esposa ficou em dúvida sem saber se acreditava na prima ou no marido.

Marília Domingues / Flávio Fernandes

 

 

Menina de 11 anos tira família de casa de taipa escrevendo livros a mão em Remígio, PB

Rita de Cássia tem apenas 11 anos e uma vontade de gente grande para ajudar a família a ter uma vida melhor na zona rural da cidade de Remígio, a 157 km de João Pessoa. A menina escreve livros com histórias infantis com a própria letra e vendem para conseguir reformar a casa em que moram. A história de Rita de Cássia ficou conhecida após ela gravar um vídeo promovendo suas obras.

A casa onde ela, a mãe e a irmã moravam era feita de taipa e barro. A mãe de Rita de Cássia, Jacimary Carvalho, explicou que o teto era forrado com plástico, um material insuficiente para evitar que molhasse dentro de casa quando chovia. “Eu tinha que ir com um balde, retirar a água do plástico e às vezes dormia até com uma bacia em cima da cama”, comentou.

A menina vendo a mãe em uma situação financeira precária, decidiu montar com os materiais que tinha à disposição histórias em livretos para vender. As folhas de papel e as canetinhas, material necessário para produzir os livros foram doados a Rita de Cássia. Os livros também contam com desenhos feitas pela menina.

A criatividade da estudante fez com que ela escrevesse mais de 80 livrinhos com histórias infantis. No início, a mãe não acreditou muito nas vendas, mas resolveu fazer o vídeo com Rita de Cássia promovendo suas obras.

Livros de Rita de Cássia são feitos com materiais doados por amigos — Foto: Reprodução/TV Paraíba

Livros de Rita de Cássia são feitos com materiais doados por amigos — Foto: Reprodução/TV Paraíba

“Ela sempre escrevia, aí depois que ela viu a situação da gente, ela resolveu que queria ajudar. Chorava, falava que era inútil, que não podia fazer nada. Mas eu falava que não era inútil, era criança e que tinha que estudar. Que ela só poderia ajudar a mãe dela quando crescesse”, relatou a mãe.

Mesmo após a mãe rejeitar a ajuda, Rita e sua irmão começaram a fazer frases de auto-ajuda e vender para vizinhos. “Foi então que, para acalmar o coração delas, decidimos colocar no Facebook”, comentou a mãe. E foi a partir do vídeo em que Rita de Cássia aparece oferecendo os livros escritos a mão que veio a ajuda.

A gravação viralizou nas redes sociais e um grupo formado por cerca de 15 pessoas se reuniram para ajudar a levantar uma nova casa para Rita de Cássia e sua família. Pedro Lima, empresário, foi um dos que se sensibilizaram com o vídeo e doou materiais de construção para a nova casa, que vai ser construída no lugar na casa de taipa, que foi derrubada.

Rita de Cássia escreveu mais de 80 histórias infatins para ajudar a família — Foto: Reprodução/TV Paraíba

Rita de Cássia escreveu mais de 80 histórias infatins para ajudar a família — Foto: Reprodução/TV Paraíba

“Vários doaram cimento, um doou a madeira do telhado, outro doou tijolo, outro a louça do banheiro, outro doou caixa d’água e por aí vai. As doações continuam chegando”, explicou Pedro.

A obra da nova casa ainda está na fase de alicerce, mas a expectativa é de que em cerca de 60 dias uma casa novinha esteja pronta. Enquanto a casa não é construída, Rita de Cássia, sua mãe e irmã seguem morando na casa de uma prima, onde segue produzindo suas histórias, escrevendo seu próprio mundo e transformando a própria realidade.

G1

 

Menina tem perna amputada após ser atingida por carro desgovernado, na PB

Um grave acidente culminou com a amputação da perna de uma menina de apenas 6 anos da cidade de Manaíra, no Sertão paraibano, durante o final de semana.

De acordo com as informações, a menina estava brincando em frente à casa onde mora quando foi atropelada e arrastada por uma caminhonete desgovernada.

A polícia informou que o motorista do veículo teria saído do carro e o deixado em ponto morto. Devido ao declive na rua a caminhonete saiu desgovernada atingindo a criança.

Um homem estava no local e também foi atingido, mas sofreu apenas ferimentos leves.

O condutor do veículo fugiu e poderá responder por lesão corporal gravíssima.

PB Agora

 

 

Jovem é preso suspeito de estuprar menina de 11 anos no Sertão

A Polícia Civil prendeu em flagrante um jovem de 19 anos suspeito de estuprar uma uma criança, no Sertão da Paraíba. Com base em denúncia, a polícia descobriu que o jovem mantinha um relacionamento com uma menina de 11 anos sem o consentimento da família dela.

O abuso aconteceu no município de São Bento e, de acordo com a polícia, o jovem e a menina fugiram de suas casas na madrugada do domingo. Eles só foram localizados após o suspeito usar seu perfil numa rede social para postar uma foto com a menor. Na imagem, eles aparecem deitados numa cama.

À polícia, o suspeito contou que manteve relações sexuais com a garota, mas alegou que tudo aconteceu com o consentimento dela.

Pelo fato de criança ter menos de 14 anos, o acusado foi autuado por estupro de vulnerável e levado à Delegacia de Polícia Civil de São Bento. Ele deverá ser transferido para o presídio de Catolé do Rocha.

Já a menina foi levada para o Núcleo de Medicina e Odontologia (Numol) de Patos, também no Sertão do estado, onde passará por um exame sexológico.

 

PB Agora

 

 

Homem é preso suspeito de invadir casa e tentar estuprar menina de 11 anos, em Picuí, PB

Um homem foi preso após invadir casa e tentar estuprar menina de 11 anos que estava sozinha na residência, na tarde deste domingo (13), na cidade de Picuí, na Paraíba. Segundo o relato da criança, o suspeito, de 29 anos, abriu o portão, pegou ela pela cintura e a levou para o quarto da mãe. Segundo a Polícia Civil, a vítima conseguiu chutar o suspeito, que saiu correndo. A criança foi levada para o hospital, e exames confirmaram que não houve penetração.

Segundo o agente de investigação da Polícia Civil, Gilvan Fernandes, o homem é conhecido da vítima, mas não tem nenhum vínculo de amizade com ela. Ainda de acordo com Gilvan, o suspeito sofre de transtornos mentais.

O suspeito é pernambucano e estava morando em uma casa que foi arrombada por ele. A residência pertence à viúva de um tio dele e, atualmente, o homem não tem nenhum parente em Picuí. O suspeito foi encaminhado para a cadeia pública da cidade, onde aguarda a audiência de custódia.

G1

 

Homem é preso suspeito de estuprar menina de cinco anos em Juazeirinho, na PB

Um homem, de 41 anos, foi preso em flagrante suspeito de estuprar uma menina, de 5 anos, em Juazeirinho, no Seridó paraibano. A prisão aconteceu na terça-feira (1º) e o estupro teria acontecido na última segunda-feira (30).

De acordo o delegado Danilo Orengo, titular da 12ª Delegacia Seccional de Esperança, a Polícia Civil foi acionada pelo Conselho Tutelar, que recebeu uma denúncia feita pela mãe da vítima.

Segundo os conselheiros, a criança estava perto da casa onde mora, quando foi abordada pelo suspeito. Ele teria usado um bombom para atrair a vítima para um local escuro, onde o estupro aconteceu.

“Ela foi levada ao hospital e, ao ser examinada, foi constatada a prática do abuso sexual O suspeito é conhecido da mãe da criança e já responde processo anterior, por ter praticado estupro contra sua própria filha”, acrescentou o delegado.

O homem foi autuado pelo crime de estupro de vulnerável. Ele permanece na cadeia de Juazeirinho, aguardando ser apresentado à Justiça durante uma audiência de custódia.

G1

 

Garoto de 12 anos confessa ter matado menina de 9 em parque

A Polícia Civil confirmou na tarde desta terça-feira, 1, que um garoto de 12 anos confessou ter assassinado a menina Raíssa Eloá Caparelli Dadona, de 9 anos, no último domingo, 29, no Parque Anhanguera (zona norte de SP).

O adolescente morava na mesma rua da vítima e foi apreendido pela polícia após confessar o crime. Segundo o delegado Luiz Eduardo de Aguiar Marturano, titular da 5ª Delegacia da Divisão de Homicídios do Departamento de Homicídios e Proteção a Pessoa (DHPP), o garoto relatou o crime aos pais, que decidiram levá-lo à delegacia.

Raíssa Eloá Caparelli Dadona, de 9 anos, morava no bairro do Morro Doce, na zona norte de São Paulo
Raíssa Eloá Caparelli Dadona, de 9 anos, morava no bairro do Morro Doce, na zona norte de São PauloFoto: Reprodução / Estadão Conteúdo

Aos policiais, ele primeiramente afirmou que apenas acompanhava a menina quando um homem de bicicleta chegou e cometeu o crime. Mais tarde, no entanto, ele voltou a relatar o que afirmara aos pais: que havia assassinado a colega.

“Eles saíram da festa no CEU (Centro Educacional Unificado), caminharam até a área de mata, brincaram um pouco, e o menino então começou a agredi-la com as mãos e com um pedaço de pau”, contou o delegado. Em seguida, o adolescente teria “laçado” a menina com uma corda em uma árvore e a enforcado.

De acordo com Marturano, ainda não é possível saber se a causa da morte foi asfixia ou os múltiplos traumas provocados pelas agressões. A confirmação depende dos laudos do Instituto Médico Legal (IML).

Ele relatou ainda que, como a investigação é muito recente, não descarta nenhuma hipótese, inclusive a de participação de um terceiro no crime.

Agora a polícia pretende analisar mais imagens das câmeras da região e ouvir depoimentos de parentes e vizinhos das duas famílias.

Em depoimento, o menino não falou a motivação do crime. “Ele não demonstrou emoção”, relatou o delegado. O menor teve a internação provisória decretada pela Justiça e deve ser encaminhado para a Fundação Casa.

Marturano disse que a mãe de Raíssa havia deixado a menina com o adolescente na fila do pula-pula enquanto foi buscar um alimento para o filho caçula.

A menina morava no bairro do Morro Doce, próximo ao Parque Anhanguera, e fazia acompanhamento para autismo há um ano. Seu corpo foi enterrado nesta segunda no Cemitério Municipal de Perus, na zona norte.

TERRA

 

 

Menina atropelada por carro desgovernado em Areia, PB, tem morte cerebral

Uma menina de 6 anos que está internada no Hospital de Emergência de Trauma de Campina Grande, teve morte cerebral nesta quinta-feira (26). A criança e outras quatro pessoas foram atingidas por um carro desgovernado em Areia, no Brejo da Paraíba. O acidente aconteceu na noite do último domingo (22).

Segundo as informações da unidade hospitalar, desde o dia em que deu entrada no local, a menina estava em estado grave. Ela passou por uma cirurgia, ficou internada na UTI infantil do hospital e após quatro dias apresentou morte cerebral.

Cinco pessoas foram vítimas do acidente. Todas as elas foram socorridas para o Hospital de Trauma de Campina Grande. Uma mulher e um menino não resistiram aos ferimentos e morreram no hospital. Um homem também passou por uma cirurgia e continua internado no local, o estado de saúde dele é regular. Uma outra criança recebeu alta.

Acidente

De acordo com relatos de testemunhas, o veículo descia uma ladeira conhecida como “Chã”. O motorista perdeu o controle do carro, invadiu uma calçada, colidiu no muro de três casas e atingiu as cinco vítimas que estavam indo para a igreja.

Foram atingidos uma mulher, de 33 anos, um homem, de 28 anos, um menino, de 9 anos, uma garota, de 6 anos e outra menina, de 4 anos.

Motorista

O motorista do veículo e um passageiro que também estava no carro fugiram do local do acidente. Segundo testemunhas, os homens apresentavam sinais de embriaguez.

O delegado Gilson Teles, responsável pelo caso, disse ao G1 que o motorista suspeito de ter provocado o acidente ainda não se apresentou à polícia.

G1