Arquivo da tag: irmão

Criança de dois anos que passou mal após ficar presa em carro exposto ao sol recebe alta; irmão morreu

A criança de dois anos que foi socorrida depois de ficar presa dentro de um carro exposto ao sol, em Aliança do Tocantins, foi liberada do hospital na manhã sábado (10). Segundo a Secretaria Estadual de Saúde (SES), o menino estava internado no Hospital Regional de Gurupi. O irmão dele, Luiz Miguel dos Santos de 4 anos, também estava no veículo e não resistiu.

De acordo com o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), durante a tarde de quinta-feira (8), quando o caso foi registado, a temperatura em Aliança do Tocantins chegou a 39ºC. O carro em que os meninos foram encontrados desacordados foi apreendido e levado para a delegacia.

Nesta sexta-feira (9), a Secretaria de Segurança Pública (SSP) disse que um inquérito foi aberto pela Polícia Civil. As informações preliminares relatam que a mãe chegou em casa com os filhos depois de um passeio e foi dormir.

Enquanto ela dormia, as duas crianças teriam entrado no veículo para brincar. A suspeita é que as portas do carro tenham travado, o que teria impossibilitado as crianças de saírem. O registro da ocorrência afirma ainda que testemunhas viram a situação e foram acordar a mãe.

As duas crianças foram levadas ao hospital, e a polícia foi chamada à unidade por uma enfermeira. O menino de dois anos foi reanimado, mas a criança de quatro anos não resistiu.

A mãe das vítimas chegou a ser presa em flagrante, mas foi liberada para responder em liberdade após pagar fiança.

Ela deve responder pelo crime de homicídio culposo, quando não há intenção de matar, porque a polícia não constatou que ela quis prender as crianças no carro.

G1

 

Após criança ser baleada pelo irmão em Santa Rita, PM prende foragido da Justiça e apreende arsenal de armas e 635 munições

A Polícia Militar prendeu um foragido da Justiça após descobrir um arsenal de armas, munições, coletes e drogas em uma casa no bairro de Tibiri, em Santa Rita, na região metropolitana de João Pessoa. A descoberta ocorreu após uma menina de oito anos ser baleada na perna acidentalmente pelo irmão, também menor de idade, dentro dessa residência, neste sábado (8).

Enquanto uma equipe policial foi até o hospital verificar o estado da criança, outra dirigiu-se até a casa onde o fato teria ocorrido. Os policiais encontraram, sobre uma cama, a arma de onde supostamente teria saído o disparo que atingiu a vítima.

Na casa estava uma segunda criança, o irmão da menina ferida, e uma senhora que se apresentou como tia, mas que demonstrou atitude suspeita na presença da PM. Foi feita uma varredura no local, com o apoio da Companhia de Policiamento com Cães (CPCães) do Batalhão de Operações Especiais, que resultou na apreensão de dois coletes balísticos e três armas de fogo, sendo um revólver calibre 357, uma pistola 9 milímetros e uma pistola calibre 40.

Também foram encontrados sete carregadores e 635 munições de calibres diversos, entre elas 407 unidades de fuzil 556. No local, ainda foram encontrados quatro quilos e meio de substância análoga a maconha e um alicate.

Todo material foi levado para a Central de Flagrantes. Também foram conduzidos os pais das crianças e a tia.

Na Central de Polícia foi dito que tudo pertencia ao companheiro da tia das crianças. Ele se apresentou voluntariamente na delegacia e assumiu a propriedade de todo o material. Contra o jovem de 25 anos foi constatado um mandado de prisão em aberto, expedido pela Vara de Execuções Penais de João Pessoa, pelos crimes de roubo e porte ilegal de armas de fogo.

A criança baleada foi socorrida e não corre risco. O Conselho Tutelar foi acionado e tomará providências quanto aos cuidados e procedimentos relativos às duas crianças.

 

clickpb

 

 

Criança morre em acidente com carro dirigido por irmão menor de idade no interior de SP

Uma menina de cinco anos morreu em um acidente de carro na rodovia SP-107, em Amparo (127 km de SP), na noite deste sábado (1º). De acordo com a SSP (Secretaria de Segurança Pública), o irmão da garota, de 15, dirigia o veículo e bateu de frente com outro carro.

Uma equipe da PM Rodoviária foi acionada para atender a ocorrência. No local, os policiais foram informados que o adolescente conduzia um Fiat Palio, de cor branca, com seu pai, de 31 anos, sua mãe, de 36 anos, e sua irmã, de cinco.

De acordo com a pasta, o jovem perdeu o controle do veículo e bateu em um Volkswagen Gol. A mãe e a irmã, que estavam no veículo, ficaram feridas e foram socorridas à Santa Casa de Amparo, mas a criança não resistiu aos ferimentos e morreu. Não há informação sobre o estado de saúde dos passageiros do outro veículo.

O pai do adolescente também foi detido. O caso foi registrado pela delegacia de Serra Negra como ato infracional de lesão corporal culposa na direção de veículo automotor, dirigir sem permissão ou habilitação, permitir direção de veículo automotor a pessoa não habilitada e, posteriormente, comunicação de óbito.

 

FOLHAPRESS

 

 

Homem mata companheira com foice e é morto a tiros pelo irmão, no Sertão da Paraíba, diz polícia

Um homem de 48 anos é suspeito de ter assassinado a companheira de 45 anos com golpes de foice, na tarde desta terça-feira (21), em Cachoeira dos Índios, município do Sertão da Paraíba. Segundo informações da Polícia Civil, após cometer o crime, ele teria sido morto a tidos pelo próprio irmão.

Ainda conforme a polícia, o homem suspeito de matar a companheira tinha problemas mentais. Após assassinar a vítima, ele teria ido até a casa da mãe para cometer novos crimes. O irmão teria atirado contra ele para proteger a família.

O homem que atirou contra o irmão fugiu do local em que o crime aconteceu. Ele ainda não foi detido. Uma perícia foi realizada nos locais em que os crimes aconteceram. O corpo das vítimas foi encaminhado para o Núcleo de Medicina e Odontologia Legal (Numol) de Cajazeiras, também no Sertão do estado.

G1

 

Vídeo: enfermeira paraibana faz alerta após perder irmão para a Covid-19: “Vírus é real e fatal”

A enfermeira Maria Helena, moradora de Santa Rita, fez um apelo através das redes sociais para que a população cumpra o isolamento social que evita a disseminação do novo Coronavírus. Ela perdeu o irmão para a Covid-19 e também foi contaminada.

Segundo Maria Helena, toda a sua família foi acometida pela doença. Seu pai, mãe e esposo conseguiram a cura, mas o seu irmão faleceu ontem (20).

“Cumpram o isolamento social, isso é muito importante, o vírus está na cidade e ele não pode mais ser replicado, ele é real e fatal. a nossa família foi acometida pelo covid-19. Nós graças a Deus sobrevivemos, estamos curados, eu, meu esposo e meus pais. Mas meu irmão, ele faleceu ontem pela manhã e nós não tivemos nem como nos despedir”, disse a jovem.

Romério Costa tinha 40 anos e era aluno da graduação em Biblioteconomia da Universidade Federal da Paraíba (UFPB). Segundo nota do centro em que ele estudava, Romério estava próximo de se formar.

Veja:

Portal WSCOM

 

Cunhado de prefeita da PB mata irmão dela e depois se suicida

O irmão da prefeita de Riachão do Poço, Cilinha Dias (Democratas), foi assassinado no início da tarde desta quarta-feira (15), em frente à casa da irmã. Conforme informações divulgadas pela TV Correio, a motivação para o crime teria sido uma dívida acumulada pela vítima com o cunhado da prefeita, que, de acordo com informações da Polícia Militar, tirou a própria vida após cometer o crime.

A reportagem da TV Correio ouviu o major Sidney, que coordenou a ação da PM no local. Ele relatou que foi um crime familiar, no qual o cunhado da prefeita, identificado como Nelson, teria ido ao encontro do irmão dela, chamado Rafael, para recuperar uma quantia em dinheiro que tinha emprestado.

Os sobrenomes dos envolvidos na ocorrência não haviam sido informados pela polícia até o fechamento desta matéria.

Suposta dívida

Segundo a polícia, Rafael tinha uma dívida com Nelson, que, após não conseguir reaver seu dinheiro, acertou dois disparos na vítima. Logo após o crime, ele saiu da casa da prefeita, recarregou o revólver e tirou a própria vida a poucos metros do local.

“Já estamos em contato com a família, pois havia uma dívida de Nelson para com Rafael. Chegamos aqui ao local e as informações são de que Nelson realizou disparos contra Rafael, depois recarregou o revólver e tirou a própria vida. Porém, ainda são informações preliminares, pois não houve a perícia. O que temos para dizer é que foi um crime de proximidade, um crime de família”, disse o major Sidney à TV Correio.

 

portalcorreio

 

 

Homem encontra corpo de irmão desaparecido boiando em açude da Paraíba

Um homem encontrou o corpo do irmão desaparecido boiando, na manhã desta terça-feira (4), em um açude no Sítio Floriano, na cidade de Lagoa Seca, na Paraíba. A vítima, conhecida como Pirão teria ido tomar banho no reservatório quando desapareceu.

O corpo dele foi encontrado pelo irmão quando realizava buscas nas proximidades. A família identificou a roupa que ele usava quando foi visto pela última vez.

Uma perícia será realizada para saber se o homem morreu afogado ou se passou mal. O corpo foi encaminhado para o IML.

 

clickpb

 

 

Homem é morto a facadas pelo irmão após discussão por uma xícara de café, diz polícia, na PB

Um homem foi morto a facadas na manhã desta sexta-feira (18), em Campina Grande. De acordo com o comandante do 10º Batalhão da Polícia Militar, tenente-coronel Francimar Vieira, o suspeito do crime é o irmão da vítima, que teria esfaqueado o irmão após uma discussão entre eles por causa de uma xícara de café. O suspeito, que também ficou ferido, foi socorrido e levado para o Hospital de Emergência e Trauma da cidade.

O caso aconteceu por volta das 9h, no bairro Monte Castelo. Conforme o comandante da PM, a vítima, que é vendedor ambulante, teria chegado na casa do irmão para pegar uma garrafas que iria vender na cidade. Ao entrar no local, a vítima teria entrado em uma discussão com o irmão por causa de uma xícara de café.

“Tudo hoje é cercado de intolerância. Infelizmente, o irmão matou o outro por causa de uma besteira, uma xícara de café. Eles entraram em luta corporal, a vítima foi atingida com três facadas na região do pescoço e morreu ainda no local. O suspeito do crime foi levado para o hospital, mas já recebeu alta e está sendo levado para a Central de Polícia Civil”, informou Francimar Vieira.

O corpo da vítima foi encaminhado ao Núcleo de Medicina e Odontologia Legal (Numol) de Campina Grande. Conforme a polícia, o suspeito, identificado como Davi, já tem passagem pela polícia. Até as 11h desta sexta-feira, o homem já havia recebido alta médica e havia sido conduzido à Central de Polícia para esclarecimentos do caso.

G1

 

Menino baleado na cabeça por irmão sai da UTI e vai para enfermaria de hospital, na PB

O menino de 12 anos baleado pelo irmão de 14 anos, em Catolé do Rocha, no Sertão da Paraíba, saiu da Unidade de Tratamento Intensivo Infantil do Hospital de Emergência e Trauma de Campina Grande, onde estava internado, para a enfermaria da instituição, nesta quinta-feira (26).

De acordo com a assessoria de imprensa da unidade, o garoto está consciente e tem um estado de saúde considerado estável. Ele já havia passado por neurocirurgia e está internado desde o dia 19 deste mês, quando sofreu fratura e afundamento do crânio, após ser baleado. Na terça-feira (24), o hospital informou que o quadro clínico do paciente seguia evoluindo de forma satisfatória.

O menino foi internado após ser atingido por um tiro disparado acidentalmente pelo irmão dele, um adolescente de 14 anos. Segundo a polícia, os irmãos estavam brincando com a arma do pai quando um disparo acertou a cabeça da criança.

Raio-x do crânio da vítima com fragmentos de bala na testa — Foto: Divulgação/Polícia Civil

Raio-x do crânio da vítima com fragmentos de bala na testa — Foto: Divulgação/Polícia Civil

Pai dos meninos tinha arma irregular há 25 anos

O pai dos meninos tinha a arma irregular há 25 anos e deixava o equipamento no guarda-roupa, conforme relatou o delegado Seccional Sylvio Rabello, que acompanha o caso. Segundo o delegado, o homem vai responder por posse ilegal de arma de fogo, e o adolescente de 14 anos, que atirou no irmão mais novo, vai responder por ato infracional análogo ao crime de lesão corporal culposa, quando não há intenção.

Conforme o delegado, o adolescente de 14 anos provavelmente já sabia onde a arma do pai estava guardada. “Por ter ido apanhar aquela arma, ele já sabia o local certo onde estava a arma e o pior: a arma estava municiada, que foi justamente essa munição que veio a atingir o irmão dele de 12 anos de idade”, disse o delegado em outra ocasião.

Adolescente atirou acidentalmente na cabeça do irmão

O adolescente de 14 anos atirou acidentalmente na cabeça do irmão com a arma do pai, na noite da última quinta-feira (19). De acordo com a Polícia Civil, os irmãos estavam brincando com o revólver do pai quando a arma disparou acidentalmente no mais novo. Ele foi atingido na nuca, teve o crânio fraturado e fragmentos de bala saíram pela testa.

G1

 

Vereador é morto entre suspeitos de assalto em PE ao tentar resgatar irmão

O confronto entre as polícias de Pernambuco e da Paraíba com os suspeitos de um assalto realizado nesta segunda-feira (1º), no município de Santa Cruz do Capibaribe-PE, resultou na morte de oito pessoas, seis homens e duas mulheres. Entre os mortos estaria um vereador do município de Betânia, no Sertão de Pernambuco.

O confronto aconteceu nas cidades de Barra de São Miguel e Riacho de Santo Antônio, no Cariri da Paraíba. Após a ação criminosa em Pernambuco, o bando  fugiu em direção à Paraíba, onde foram localizados nesta terça-feira (2).

De acordo com a Polícia Civil de Pernambuco, o vereador Andson Berigue de Lima (PP), de 29 anos, mais conhecido como Nanaca, também foi morto. Ele teria ido resgatar o irmão, apontado como líder do bando, que conta ainda com a participação de um primo deles.

A Polícia Militar de Pernambuco afirma que os quatro suspeitos do assalto estavam escondidos no Sítio Boi Brabo, no limite entre os municípios de Riacho de Santo Antônio e Barra de São Miguel, na Paraíba. Eles foram localizados graças ao Serviço de Inteligência, que teve conhecimento de que eles seriam resgatados por outras quatro pessoas.

Por volta das 3h30 da manhã, os quatro envolvidos no assalto receberam o apoio do vereador e outras três pessoas em dois carros. Antes que fossem resgatados, teve início o confronto com a polícia, que os classificou como fortemente armados e perigosos.

O CRIME

O grupo teria tentado assaltar uma agência correspondente da Caixa Econômica Federal quando foi surpreendida por uma viatura da Polícia Militar. Houve troca de tiros, um policial morreu e outro ficou ferido.

 

PB Agora