Arquivo da tag: instalação

Câmara de Casserengue adquire carro próprio após 23 anos de instalação

A Câmara municipal de Casserengue, através de sua Mesa Diretora, na pessoa do Presidente da Casa, Vereador Francisco Gregório de Araújo – Chiquinho, fez a aquisição de um novo veículo 0km, para uso exclusivo em serviço pela Casa de Leis. A empresa vencedora do processo licitatório, foi a CAVALCANTI PRIMO VEÍCULOS Ltda.

O veículo adquirido foi um Ford KA, para 5 passageiros, 0 km, adquirido com recursos próprios da câmara de vereadores. Segundo o presidente Chiquinho da casa de leis, esta aquisição se fez necessário pois a Câmara em 23 anos de sua instalação nunca teve um veículo próprio, “Foi um grande benefício para o órgão, em meio a um ano difícil de pandemia em que tudo ficou mais caro, nos damos as mãos, se restringimos de fazer muitas coisas, mas no final quem ganhou foi a Câmara de Casserengue”, explicou o presidente.

 

Assessoria

 

 

5G: decreto facilita instalação de infraestrutura de telefonia e internet

O setor das empresas de telecomunicações avaliou positivamente o decreto que regulamentou a Lei das Antenas (Lei 13.116/2015). O texto, publicado na última terça-feira (1) tem o objetivo de ajudar na expansão do fornecimento de internet pelo país, seja facilitando a instalação de antenas como tornando mais simples o posicionamento de cabos para levar a rede de uma cidade a outra.

Um dos pontos do decreto define que obras de infraestrutura, como a construção de rodovias e pontes, precisam obrigatoriamente planejar estruturas para dar suporte para a expansão das telecomunicações.

“Enquanto está construindo uma rodovia, é muito mais fácil você acrescentar um duto para passar fibra ótica do que depois de pronta você ter que arrebentar o asfalto para instalar o duto. Pode não estar atendendo uma necessidade daquele momento, mas, como a estrutura já vai ficar pronta, as demandas que surgirem nos próximos vinte anos serão facilmente atendidas”, explica Eduardo Neger, presidente da Associação Brasileira de Internet (Abranet).

Internet 5G

O decreto foi recebido pelas empresas do setor como uma preparação para o leilão do 5G que deve ser realizado em 2021. Um dos motivos é porque ele define que não será necessária a emissão de qualquer licença ou autorização para que sejam instaladas antenas de pequeno porte, as chamadas “small cells”. Para isso, elas precisam ser instaladas em estruturas já existentes, não podendo aumentar a altura em mais de três metros. Além disso, o volume da antena não pode ser maior do que 30 decímetros cúbicos, tamanho equivalente a um galão e meio de água. Para ter o benefício, os equipamentos visivelmente acoplados à antena de 5G também tem limite de altura de um metro, e de volume, de trezentos decímetros cúbicos – o equivalente a uma caixa d’água de 300 litros.

“Cada antena tem alcance muito pequeno, para se fazer cobertura de áreas grandes, de municípios, vamos precisar instalar uma quantidade grande de antenas. Pra se ter uma ideia, para uma boa cobertura precisa instalar uma antena a cada dois postes na rua. Mas os equipamentos são pequenos – não tem nenhum grande impacto do ponto de vista de estética e do ponto de vista de segurança”, explica o presidente da Abranet.

Mesmo quando a antena for maior do que o limite e precisar de autorização para ser instalada, o processo também será mais fácil. Em uma tentativa de acabar com o acúmulo de pedidos de autorização nos órgãos reguladores, o decreto definiu que o poder público tem 60 dias para analisar o pedido das empresas e para liberar ou não a instalação. Caso o prazo não seja cumprido, a autorização será dada de forma automática, no mecanismo chamado de “silêncio positivo”.

“Esse decreto é um divisor de águas porque no ano que vem temos o leilão do 5G. Vamos precisar nesse leilão de dez vezes mais antenas [do que na instalação do 4G]”, explicou o ministro das Comunicações, Fábio Faria, durante a cerimônia de lançamento do programa Norte Conectado.

O decreto também garante o chamado “direito de passagem”, que é a liberação para que infraestruturas de rede sejam instaladas em via pública. Com a nova regra, as operadoras de telefonia não vão precisar pagar para instalar cabos subterrâneos, por exemplo.

Fonte: Brasil 61

 

 

Desenvolvido por um bananeirense, projeto propõe instalação de painéis solares em prédios públicos

O Prefeito Douglas Lucena realizou uma reunião para a apresentação do projeto que propõe instalação de painéis solares em prédios públicos, desenvolvido, para a nossa alegria, por um bananeirense, o jovem Jerônimo Neto.

O projeto tem o objetivo trazer inovação e economia para o município, preservando o meio ambiente e conscientizando a população sobre utilizar a energia de forma inteligente e sustentável.

“O fato de gerar a própria energia vai acarretar numa economia de aproximadamente 50 mil reais por mês para o município. Outro ponto muito importante, é o ambiental, toneladas de CO2 deixarão de ser emitidas, árvores serão preservadas, o planeta será conservado! Além de desenvolver a conscientização da população, distribuir os sistemas fotovoltaicos sobre os prédios públicos, aproveita o espaço ocioso dos telhados e diminui custos em obras, aprimorando mais ainda o retorno financeiro. ”  detalhou Jerônimo Neto.

Jerônimo é bananeirense, formado em Engenharia Elétrica (UFCG), desenvolveu o projeto juntamente com Luana Mendes, estudante de Engenharia Civil (UEPB).

Ascom – PMB

 

 

Nova instalação de captação de água restabelece fornecimento em Solânea e Bananeiras

Uma nova instalação de captação flutuante na barragem Canafístula II, no Brejo da Paraíba, restabeleceu o fornecimento de água para as cidades de Solânea e Bananeiras. O sistema permite que a Cagepa retire água do manancial na superfície e distribua para a população.

O Canafístula II está com apenas 9,5% do seu volume total, devido à estiagem, segundo dados da Agência Executiva de Gestão das Águas do Estado da Paraíba (Aesa). Segundo a Cagepa, o volume reduzido estava dificultando o processo de tratamento da água, que estava sendo captada da descarga de fundo.

Com a captação de superfície, o tratamento para deixar a água dentro dos padrões de potabilidade para ser distribuída para a população fica mais eficiente. O sistema conta com conjuntos motor-bomba e dois grupos de geradores de energia elétrica.

O sistema entrou em operação neste sábado (15), assegurando a permanência do regime de racionamento que já vinha sendo praticado nos municípios de Bananeiras e Solânea.

Desde o dia 10 de fevereiro, Solânea, Bananeiras, Araruna, Cacimba de Dentro, Dona Inês, Riachão, Damião e Tacima estavam sem água. Araruna e Cacimba de Dentro também serão abastecidas por esta nova instalação, a partir de quinta-feira, mas em esquema de racionamento, recebendo água por três dias a cada 15 dias.

Já as cidades de Dona Inês, Damião, Riachão e Tacima serão abastecidas por carros-pipa, devido o colapso na barragem de Jandaia, também na região do Brejo paraibano.

Foto: Cagepa/Divulgação

G1

 

Deputado Chió reivindica instalação de câmeras de segurança no Brejo, Curimataú e Seridó

O deputado Estadual Chió (REDE) reivindicou a ampliação do Sistema de Monitoramento de Segurança do Estado, com a instalação de câmeras de segurança nas regiões do Brejo, Curimataú e Seridó.

De acordo com o parlamentar, recentemente o governador João Azevedo (PSB) anunciou a instalação de 1.500 câmeras de segurança, através de um Sistema de Monitoramento com Centros Integrados de Comando e Controle (CICC), junto a Polícia Militar, Polícia Civil e Corpo de Bombeiros, nas cidades de João Pessoa, Campina Grande e Patos.

“Através de requerimento, solicitei ao Estado que essas câmeras de segurança chegassem também ao Brejo, Curimataú e Seridó. Que o monitorando eletrônico e todo esse trabalho de inteligência contemplasse de Picuí a Juarez Távora, de Lagoa Seca a Bananeiras, tanto nas entradas, saídas, e dentro dos Municípios”, solicitou Chió.

O deputado destacou ainda, a necessidade de um monitoramento eletrônico na PB 079, PB 105 e BR 104. “O governo anunciou tecnologia de última geração para monitoramento em longo alcance. Esse recurso contra o crime precisa chegar o mais rápido possível a toda Paraíba”, completou o deputado.

Fonte: Ascom Dep. Estadual Chió (REDE)

 

 

Escola anuncia instalação de câmeras após investigação de estupro em banheiro na PB

Após o caso da apreensão dos adolescentes suspeitos de estuprar uma criança dentro do banheiro, a escola particular Geo Tambaú informou que instalou 39 câmeras de segurança para monitorar todas as áreas comuns do prédio. As medidas adotadas pela escola contemplam também uma carta de pedidos feitos por uma comissão de pais e responsáveis de alunos, constituída após o caso ser publicamente revelado.

Ainda de acordo com a nota do Geo, a unidade localizada no bairro dos Bancários, zona sul de João Pessoa, também vai passar a contar com 30 câmeras de monitoramento. A direção da escola afirmou que novos banheiros privativos devem ser construídos até 30 de julho, também serão ampliadas as rondas dos funcionários e promovidas campanhas educativas direcionadas aos pais, responsáveis e alunos.

A comissão de pais, representado por oito pessoas correspondentes a cada um dos estágios, se reúne no início da tarde desta quinta-feira (14) com a direção do Geo Tambaú para discutir as medidas anunciadas pela escola e a carta de exigências redigida pelo pais dos estudantes.

Na carta enviada pela comissão de pais, todas as exigência feitas foram atendidas ao menos parcialmente no comunicado emitido pela escola. Em uma delas, os pais exigem a instalação de câmeras dentro das salas de aula, mas a assessoria da escola informou que as câmeras foram instaladas em todas as áreas comuns, exceto as salas de aula e no interior dos banheiros, embora as entradas dos banheiros estejam monitoradas.

A assessoria do Geo Tambaú, no entanto, informou que as melhorias tinham começado antes da carta, que fazem parte de um projeto de melhorias contínuas que a escola havia implementado.

Estudantes apreendidos

Três adolescentes foram apreendidos na manhã do dia 11 de março em João Pessoa suspeitos de estuprarem uma criança de oito anos dentro da escola particular Geo Tambaú. Segundo informações da Polícia Civil, as apreensões foram em decorrência de mandados judiciais após processo que tramita em segredo de justiça desde maio de 2018. Outras três possíveis vítimas foram identificadas pelo Ministério Público da Paraíba e seguem sob investigação.

Número de vítimas pode ser maior

Duas famílias das quatro possíveis vítimas dos abusos dentro do banheiro de uma escola particular no bairro de Tambaú em João Pessoa ainda não foram notificadas a respeito do caso. A informação foi confirmada pela promotora responsável pelo processo que resultou na apreensão de três dos quatro adolescentes suspeitos na segunda-feira (11), Ivete Arruda.

Ex-funcionário suspeito segue solto

O segundo pedido de prisão, feito pelo Ministério Público da Paraíba (MPPB), do ex-funcionário de uma escola particular, em João Pessoa, suspeito de estuprar crianças no banheiro, foi negado pela Justiça, nesta quarta-feira (13). Ao todo, três adolescentes também suspeitos de praticar os abusos já foram apreendidos e um continua sendo procurado.

G1

 

Dom Aldemiro recebe prefeito de Solânea e impulsiona projeto de instalação da Fazenda da Esperança

Na manhã desta quarta-feira (13), na cúria diocesana, o bispo diocesano de Guarabira, Dom Aldemiro Sena, manteve audiência com o prefeito de Solânea Kayser Rocha, para tratar da possível cessão de um terreno para a instalação da Fazenda da Esperança no território da Diocese de Guarabira. O vereador de Solânea, Jucian Jad, acompanhou o prefeito.

Segundo o prefeito Kayser, espaço pretendido será doado para os devidos fins assim que obtiver a aprovação da equipe técnica da Fazenda da Esperança. Dom Aldemiro, bispo referencial do Regional Nordeste 2 para a Pastoral da Sobriedade, tem como meta a instalação de uma unidade para tratamento e recuperação de dependentes químicos. “Cada um fazendo sua parte, esse projeto será realidade”, conclamou o bispo.

Com 35 anos de experiência na recuperação de dependentes químicos, a Fazenda da Esperança é uma comunidade terapêutica, a maior obra da América Latina, que regenera vidas e famílias. Ao todo, são 130 unidades espalhadas pelo mundo. Desse montante, 86 estão distribuídas pelo Brasil, enquanto as outras estão espalhadas em 22 países do mundo.

O sucesso da Fazenda da Esperança, se deve ao programa de recuperação, o qual se baseia em processos pedagógicos que elevam a autoestima e resgatam a dignidade dos seus acolhidos, que em 2017 assistiu em média três mil jovens e suas famílias. Esse programa de recuperação é baseado em um tripé que consiste basicamente no trabalho, na espiritualidade e na convivência. Tanto que todos os acolhidos vivem numa irmandade que de tão unida é capaz de devolver aos acolhidos o real sentido da vida, do amor a si e ao próximo, bem como da importância da comunhão.

Além disso, a Fazenda da Esperança também trabalha junto à família, pois ela é uma das peças fundamentais para o sucesso da recuperação do jovem acolhido, através do Grupo Esperança Viva (GEV). O objetivo da ação é estruturar a família, mas mesmo quando ela não atende a esse convite – que não tem caráter obrigatório – o tratamento continua e o jovem recuperado tem a oportunidade de amar a sua gente como ela é.

Como resultado, a Fazenda da Esperança é responsável pela recuperação de centenas de milhares de pessoas, que em sua grande maioria se voluntariam para ajudar outros que necessitem de ajuda. A verdade é que a Fazenda da Esperança é maior do que si mesma, tanto que em 2007, durante uma visita a sede em Guaratinguetá-SP, o então Papa Bento XVI destacou a importância e a missão das Fazendas da Esperança – Levar a esperança, que é Jesus Cristo, ao maior número de pessoas possível.

Foto: Eraldo Luis

Pascom – Pastoral da Comunicação

 

 

Deputado quer instalação de UTI para hospital em Solânea

tiao-gomesO deputado estadual Tião Gomes (PSL), enviou requerimento para que seja encaminhado, ao governador da Paraíba, Ricardo Coutinho (PSB), apelo para que seja instalada a Unidade de Terapia Intensiva (UTI) no Hospital do Estado na cidade de Solânea.

De acordo com Tião Gomes, a UTI se faz necessária, haja vista Solânea é um polo de saúde das cidades circunvizinhas que se utilizam da Unidade Mista Hospitalar do referido município.

“Me preocupa a saúde e a assistência hospitalar da população de Solânea e das cidades da região que precisam ser atendidos no Hospital Estadual do município. Com isso, peço sensibilidade ao governador Ricardo Coutinho para que possa agilizar a instalação da UTI naquela unidade hospitalar para que com isso, tenhamos um socorro eficaz e diminuamos o número de óbitos por falta de uma unidade de terapia intensiva” pontuou o parlamentar.

 

paraibaja

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

 

 

 

Banco do Brasil anuncia instalação de 533 cisternas na Paraíba

cisternaA Fundação Banco do Brasil anunciou nesta quarta-feira (22) um novo investimento social para garantir o acesso à água potável no Semiárido brasileiro. Na Paraíba serão 533 cisternas, atendendo cerca de 2 mil pessoas.

Ao todo serão destinados RS 17,3 milhões para a implantação de 3.588 cisternas para captação e armazenamento de água em nove estados: Alagoas, Bahia, Ceará, Minas Gerais, Paraíba, Piauí, Pernambuco, Rio Grande do Norte e Sergipe. A iniciativa, em parceria com o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), beneficiará 14,3 mil pessoas da área rural.

No próximo dia 22 será celebrado o convênio com a Articulação do Semiárido (ASA), rede formada por mais de três mil organizações da sociedade civil, que ficará responsável pela identificação e mobilização dos beneficiados, assim como a construção dos reservatórios e a assessoria técnica. O evento será realizado às 14h, no Edifício banco do Brasil, 14º andar.

As cisternas serão divididas em dois tipos: 3.198 voltados para o consumo básico, conhecido como “Cisterna – Água de Beber”, que serão reaplicadas em Alagoas, Alagoas, Ceará, Minas Gerais, Paraíba, Piauí, Rio Grande do Norte; e 390 relacionadas à produção de alimentos e criação de pequenos animais, a “Cisterna – Água de Produção”, destinadas à Bahia, Pernambuco e Sergipe. Durante o projeto, haverá capacitação de pedreiros da própria comunidade e das famílias, a fim de obterem maior aproveitamento da água potável.

Nos últimos quatro anos, a Fundação BB já implantou na Paraíba 8.116 unidades de consumo básico e 1.200 de produção, em parceria com a ASA. A reaplicação beneficiou cerca de 37 mil pessoas. Estudos sobre os impactos positivos gerados por essa tecnologia social indicaram a redução na incidência de doenças e aumento na frequência escolar entre as crianças e os jovens.
Com a nova etapa a Fundação BB completará a entrega de 95,6 mil unidades, alinhadas à políticas públicas de acesso à água do Governo Federal, correspondendo a investimento de R$ 327 milhões, nos últimos cinco anos, conforme quadro abaixo:

• R$ 191 milhões para a construção de 83,2 mil cisternas de placas – água de beber;

• R$ 136 milhões para a construção de 12,4 mil cisternas calçadão e enxurrada – água de produção, em parceria com o BNDES.

Todas as cisternas são georreferenciadas, o que garante a transparência da implantação.

Tecnologia social

As Cisternas de Placas foram certificadas como tecnologia social em 2001 pela Fundação BB, com a finalidade de captar e armazenar água da chuva. Para o consumo das famílias, o sistema utilizado permite o acúmulo de até 16 mil litros, que atende a necessidade de uma família de cinco pessoas pelo período de até oito meses. O equipamento é composto por encanamento simples para recolher água da chuva nos telhados das casas e reservatório no subsolo revestido com placas.

Já para as atividades produtivas, as cisternas são de dois modelos: Calçadão e Enxurrada. As duas possuem capacidade de até 52 mil litros de água. Elas são construídas próximas as residências das famílias. A diferença é que a Enxurrada é instalada no caminho por onde passa o fluxo pluvial e a Calçadão capta de áreas em declive.

Construídas 2012 – 2016 na Paraíba

  

Água para Todos
Cisternas de Consumo Por UF e Município

UF

MUNICÍPIO

CISTERNAS CONSTRUÍDAS

TOTAL

PARAIBA

Aguiar

123

8.116

PARAIBA

Barra de Santana

658

PARAIBA

Barra de São Miguel

195

PARAIBA

Boqueirão

549

PARAIBA

Brejo dos Santos

349

PARAIBA

Cabaceiras

278

PARAIBA

Catolé do Rocha

1201

PARAIBA

Caturité

212

PARAIBA

Condado

198

PARAIBA

Coremas

449

PARAIBA

Curral velho

61

PARAIBA

Ibiara

365

PARAIBA

Imaculada

289

PARAIBA

Jericó

337

PARAIBA

Olho d’Água

286

PARAIBA

Riachão do Bacamarte

111

PARAIBA

Riacho de Santo Antônio

68

PARAIBA

Riacho dos Cavalos

459

PARAIBA

Santa Cecília de Umbuz

327

PARAIBA

São Domingos do Cariri

139

PARAIBA

São José de Piranhas

709

PARAIBA

São José de Princesa

361

PARAIBA

São José do Brejo do Cruz

9

PARAIBA

Uiraúna

383

 MaisPB com Assessoria 

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

 

 

 

Prefeito de Remígio inaugura instalação de Unidade do Samu na cidade

samu-RemigioMuita emoção e euforia marcaram a inauguração da base do SAMU – Serviço de Atendimento Móvel de Urgência, no município de Remígio, que ocorreu na tarde dessa sexta-feira (13/06). A solenidade contou com a presença do Prefeito Melchior Batista, o vice André, do Deputado Federal Luiz Couto, o Secretário de Estado da Saúde Waldson Dias de Souza, além de Vereadores, secretários e a população remigense.

CURTA o FOCANDO A NOTÍCIA no Facebook

O público presente à solenidade pôde conhecer as instalações do SAMU 192, bem como a unidade de suporte móvel com ambulância avançada. As repartições amplas e acomodações com mobiliário de primeira qualidade agradaram à equipe de profissionais que desfrutará de um ambiente seguro e confortável, o que dará mais qualidade ao atendimento nos plantões, revertendo em benefícios para o usuário final do serviço.inauguração SAMU

O secretário de saúde do município Waldênio Dias lembrou qual foi à primeira recomendação ao assumir a pasta: “Ao assumir a secretaria de Saúde do Município de Remígio, o Prefeito Melchior Batista me chamou e falou: Waldênio, sua missão é melhorar a saúde de Remígio, e para isso, precisamos abrir o SAMU em nosso município”.

Em sua Fala, o chefe do executivo municipal, Melchior Batista, fez questão de frisar o trabalho árduo para vindo do SAMU ao município de Remígio: “Todas as viagens que fui a Brasília, ia até a central de regulação, e pedia o SAMU de nosso município, porque é do povo, é do suor derramado de cada cidadão remigense, é uma conquista, um sonho de todos” – po nderou. Muito aplaudido por todos os presentes o prefeito cortou a fita inaugural e a população entrou para conhecer as instalações do prédio do SAMU.

Sobre o SAMU

equipe samu remigioO Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) tem como finalidade prestar o socorro imediato à população em casos de emergência. O socorro é feito após chamada gratuita, feita para o telefone 192.

 

SECOM