Arquivo da tag: Gastronômico

Seis cidades do Brejo paraibano participam de Festival Gastronômico e Musical

sons-e-saboresA partir desta sexta-feira (30), a cultura e a gastronomia do Brejo paraibano estarão em evidência com o início do Festival Sons e Sabores. O evento será realizado em seis cidades (Pilões, Alagoa Grande, Remígio, Bananeiras, Solânea, Areia), com programações específicas, que envolvem shows musicais, oficinas gastronômicas e apresentação de novos pratos em feirinhas gastronômicas. Em sua terceira edição, a novidade deste ano são as Oficinas Kids, que irão ensinar a arte da culinária e da música para as crianças, além de oferecer Contação de Histórias.

ACOMPANHE O FOCANDO A NOTÍCIA NAS REDES SOCIAIS:

FACEBOOK                TWITTER                    INSTAGRAM

A primeira cidade a sediar o evento é Pilões, a partir das 18h da sexta-feira, com a apresentação do Clube de Chorinho de Areia. Também iniciando às 18h e até às 22h, acontece a Feirinha Gastronômica, com a apresentação de pratos elaborados por 10 estabelecimentos da cidade, como tapiocas coloridas, mini pizza de carne de sol, crepe criativo com massa de tapioca, carne com molho de vinho, sanduíche gourmet real, dentre outros.

No sábado (31), a programação tem início às 14h, com duas oficinas: Manipulação de Alimentos e Receitas Criativas. Neste mesmo horário, começam as Oficinas Kids (Massinha comestível e Flauta com cano de PVC). Às 17h30, haverá a contação de histórias para as crianças. Já a programação cultural começa às 18h, com o Baraúna Cordelista, e às 19h30, o Forró Asa Branca. Das 18h às 22h, acontece novamente a Feirinha Gastronômica.

Tanto as oficinas, como a Feirinha acontecerão em uma grande estrutura montada pela organização do evento na praça da cidade. As inscrições para as oficinas podem ser feitas no próprio local do evento e custam R$ 5,00. Os pratos degustação que serão oferecidos na Feirinha também terão o valor de R$5,00.

“O Festival faz parte de uma estratégia de termos um calendário de eventos anual para o Brejo paraibano, atraindo visitantes e valorizando as potencialidades da região. Vamos promover e mostrar o que há de melhor nesses municípios, capacitando e incentivando os empresários locais”, destacou a gestora de Turismo do Sebrae Paraíba, Regina Amorim.

O Festival Sons e Sabores é uma realização do Sebrae Paraíba em parceria com a PEC Eventos e conta com o apoio da Universidade Federal da Paraíba (UFPB), Instituto Federal da Paraíba (IFPB), Faculdade Internacional da Paraíba (FPB) e prefeituras municipais.

Festival Sons e Sabores do Brejo

Pilões – 30 e 31 outubro

Alagoa Grande – 6 e 7 novembro

Remígio – 13 e 14 novembro

Bananeiras – 20 e 21 novembro

Solânea – 27 e 28 novembro

Areia – 4 e 5 dezembro

Assessoria

Pilões encerra festival cultural e gastronômico do Brejo

 

Festival Sons e Sabores do Brejo acontece neste final de semana em Pilões e vai oferecer uma vasta programação aos visitantes da cidade

 

Foto Cacio MuriloO Festival Sons e Sabores do Brejo chega ao seu último destino com uma vasta programação na cidade de Pilões, a cerca de 100 km de João Pessoa. As atividades da cidade iniciaram nesta sexta-feira (12), e seguem até domingo (14). Durante os três dias, serão promovidas diversas atividades, como apresentações artísticas, oficinas, feiras gastronômicas, auto de natal, trilhas, visitas a estabelecimentos com foco na economia criativa, entre outros.

 

CURTA o FOCANDO A NOTÍCIA no Facebook

A programação de Pilões começa com a abertura da Feira Gastronômica  e Som na Praça, às 17h. Em seguida, têm início apresentações culturais, com a Orquestra Filarmônica de Pilões e o Grupo Carcará de Pilões. A noite será encerrada com uma seresta na Churrascaria Beira Rio, a partir das 21h.

 

No sábado, a partir das 8h, estarão abertos para visitação o Memorial Casa de Farinha e a Pousada das Abelhas Uruçu. No mesmo horário haverá trilha com banho na Cachoeira de Ouricuri, no Sítio Ouricuri, e visita à floricultura com banho na Cachoeira da Manga no Sítio Avarzeado. Às 12h a programação é a Rodada do chapéu na gastronomia musical com forró/humor e vídeo e as Três Marias na Churrascaria Beira Rio.

 

À tarde, a partir das 14h, estão programadas as visitas ao Beco das Belas Artes, ao Centro de Artesanato e delícias da cozinha artesã, ao Memorial Garimpo no Engenho Sítio Olho D’agua e ao Café na Varanda Sítio Olho D’agua. Já por volta das 17h tem início a Feirinha Gastronômica e som na praça, a apresentação do Teatro Padre Mateus e do Auto de Natal das crianças que fazem os programas Sociais do Município, no Largo da Matriz da Igreja Católica Sagrado Coração de Jesus na Praça João Pessoa. A noite será animada pelo grupo As Três Maria e pelo Forró Asa Branca.

 

No domingo a programação continua com a trilha e banho na Cachoeira de Ouricuri no Sítio Ouricuri, visitação à floricultura e banho na Cachoeira da Manga no Sítio Avarzeado, a partir das 8h. Já por volta das 13h, o Grupo Asa Branca vai se apresentar no forró gastronômico, na Churrascaria Beira Rio.

 

O Festival Sons e Sabores do Brejo é uma realização do Fórum do Turismo do Brejo Paraibano, da Prefeitura Municipal de Pilões e do Sebrae Paraíba. Tem a proposta  de criar um calendário de eventos anual para o Brejo paraibano, atraindo visitantes, valorizando a gastronomia, beneficiando toda a cadeia produtiva do turismo e a economia local. Nesta segunda edição, o festival foi realizado em Solânea (21 a 23 de novembro), Areia (29 e 30 de novembro), Alagoa Grande (5 e 6 de dezembro) e agora em Pilões.

 

Sebrae

Projeto pode tornar a cachaça patrimônio cultural e gastronômico da Paraíba

Divulgação/Secom-PB/PBTur
Divulgação/Secom-PB/PBTur

Um movimento liderado pela comunidade acadêmica da Universidade Federal da Paraíba (UFPB) está buscando apoio para tornar a cachaça patrimônio cultural e gastronômico da Paraíba. Na noite da última quinta-feira (4), na abertura oficial do I Simpósio de Tecnologia e Gastronomia da Cachaça, diversas autoridades assinaram um documento que será encaminhado para Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB), solicitando aos parlamentares um Projeto de Lei que legitime a bebida como patrimônio paraibano.

De acordo com a coordenadora do evento e professora do curso de engenharia de Alimentos, Edilma Coutinho, o Estado é um dos principais produtores de cachaça de alambique do país, movimenta a economia e gera emprego e renda em diversos municípios paraibanos, principalmente nas cidades da região do Brejo. “Nossa missão é lançar este movimento popular e buscar apoio para este abaixo-assinado que busca valorizar a bebida”, destacou.

CURTA o FOCANDO A NOTÍCIA no Facebook

Assinado pela reitora da UFPB, Margareth Diniz, pelo deputado federal Efraim Filho, pelo deputado estadual eleito Buba Germano, pelo presidente do Sistema Fecomércio, Marconi Medeiros, pelo diretor técnico do Sebrae Paraíba, João Alberto Miranda, além de membros da comunidade acadêmica da UFPB e representantes de instituições de fomento, o abaixo-assinado deverá ser pauta da ALPB em 2015.

De acordo com dados da Associação Paraibana dos Engenhos de Cana-de-Açúcar, a Paraíba produz oito milhões de litros de cachaça por safra e é o segundo maior produtor de cachaça do país, ficando atrás apenas de Minas Gerais. A produção no país é de 1,6 bilhão de litros e, deste total, apenas 0,4% é exportado.

Realizado pelo Departamento de Engenharia de Alimentos da Universidade Federal da Paraíba, com apoio do Sebrae Paraíba, o Simpósio de Tecnologia e Gastronomia da Cachaça será encerrado neste sábado (6) e está promovendo palestras e minicursos nas áreas de Tecnologia da Produção de Cachaça, Gastronomia e Empreendedorismo. O evento está acontecendo na Escola de Gastronomia e Hotelaria do Senac, em João Pessoa.

 

Portal Correio

5º Festival Gastronômico abre programação dos 20 anos do Picolé de Manga

 

oriel farias (33)Uma profusão de cores e sabores derivados da manga vai dominar os paladares no 5º Festival Gastronômico da Manga que, este ano, será realizado na próxima terça-feira (22), às 19h, no restaurante Mio, no bairro de Miramar, em João Pessoa. O evento é parte da programação de 20 anos do bloco Picolé de Manga que será animado pela cantora internacionalmente conhecida, Daniela Mercury.

 

A ideia é criar um clima de boteco com o toque sofisticado do chef de cozinha Mauricio Ganzarolli, que criou deliciosas receitas tendo a manga como ingrediente básico. A degustação especial da noite será robata de camarão, elaborado com camarão sem casca, pimenta biquinho e manga. Além disso, serão servidos caldinho de camarão spicy com manga, geladinho de manga com coco, chips de mandioquinha e ensopado de caranguejo com perfume de manga.

 

Lucélio Cartaxo, diretor do bloco, ressalta que o festival tem um sabor especial em 2013 pela comemoração de duas décadas da agremiação. “São 20 anos de folia e cidadania e nada melhor do que escolhermos um renomado chef que já trabalha com pratos à base de manga, o que valoriza a nossa gastronomia e vai dar uma configuração especial ao nosso festival”, ressaltou.

 

A programação dos 20 anos do Picolé de Manga ainda inclui, no dia 29 de janeiro, o Dindin de Manga e, no primeiro de fevereiro, a degustação do Maior Picolé do Universo. À noite, haverá a apresentação do bloco Picolé de Manga.

 

 

 

Elisiane Paulino para o Focando a Notícia

Alagoa Grande oferece 21 pratos durante Festival Gastronômico

Torta ‘Chiclete com banana’

Começa nesta sexta-feira (24) mais uma edição do Festival Regional de Gastronomia da cidade Alagoa Grande. O evento faz parte das atividades da Rota Cultural Caminhos do Frio e vai apresentar aos turistas e moradores da cidade 21 pratos especialmente preparados para o roteiro gastronômico. Restaurantes, lanchonetes, padarias e docerias irão oferecer iguarias que levam em suas receitas banana, cachaça, mel de engenho e rapadura.

Na cidade, 21 equipamentos gastronômicos fazem parte do festival. Até o final do Caminhos do Frio, os visitantes podem saborear, entre outras delícias, risole recheado com banana e cachaça, pastel de massa salgada com cachaça e molho agridoce de mel de engenho, e queijo provolone recheado com rapadura e banana.

O chefe de cozinha e consultor do Sebrae Paraíba, Josimar Aurélio, disse que a proposta dos festivais vai além da criação de receitas com ingredientes locais e busca resgatar a autoestima e a história cultural das cidades e dos seus moradores. “Trabalhamos com elementos que fazem parte da cultura de vários municípios e que muitos desconhecem ou associam a algo de pouco valor ou sem utilidade. A cachaça, a rapadura, o mel de engenho e a banana são ingredientes que podem ser muito bem trabalhados em receitas”, ressaltou o consultor.

O cardápio do Festival Regional de Gastronomia Alagoa Grande conta com 12 pratos salgados e nove doces, entre eles, o Filé de frango com o Tem Zé (medalhão de filé com bacon, flambado na cachaça, mel de engenho e purê de banana), Torta chiclete com banana (banana, mel de engenho, parmesão, ricota, leite, ovos e massa de biscoito), Tortilha Sina de Cigana (massa de tortilha com cachaça, recheada de queijo, presunto, tomate e banana caramelada) e Buchada Falso Toureiro (picado de bode marinado na cachaça, banana caramelada no mel de engenho dentro do bucho).

Os circuitos gastronômicos da Rota Cultural Caminhos do Frio são realizados pelo Sebrae Paraíba. Além de Alagoa Grande, a cidade de Alagoa Nova ainda vai promover o evento, que já foi realizado em Areia, Bananeiras e Serraria. A Rota Cultural do Caminhos do Frio começou no dia 23 de julho e segue até o dia 2 de setembro em seis cidades do brejo paraibano – Bananeiras, Serraria, Pilões, Areia, Alagoa Grande e Alagoa Nova.

Assessoria