Arquivo da tag: Festa

Jovem Isaac é recepcionado com festa e homenagens após sofrer tiro no rosto em Solânea

O adolescente Isaac, de 17 anos, recebeu alta nessa segunda-feira (18) após passar por cirurgia no rosto depois de sofrer um tiro na boca durante assalto na última quinta (13), em Solânea.

O fato deixou a população revoltada e ao mesmo tempo esperançosa pela recuperação do jovem. Em suas redes sociais o pai do garoto, Ivalton Robélio sempre atualizou parentes e amigos sobre a recuperação do seu filho. Assim que foi anunciado que o mesmo receberia alta, vários populares preparam uma recepção na chegada da cidade com várias homenagens.

Para os familiares, Isaac é obra de um milagre diante de tudo que aconteceu. “Obrigado Deus, obrigado a todos que mesmo não vieram fazer essa homenagem, mas as orações foram fundamentais. Deus recompense vocês,” comentou Ivalton.

Redação FN

 

 

Polícia encerra festa na cidade de Santa Rita e conduz organizador à delegacia

A Polícia Militar encerrou uma festa particular que estava sendo realizada na noite dessa terça-feira (11), em uma arena de esportes, na cidade de Santa Rita, região metropolitana de João Pessoa. O evento já tinha a presença de aproximadamente 50 pessoas. O organizador, de 27 anos, foi conduzido até a delegacia.

Os policiais do 7º Batalhão descobriram que a festa estava acontecendo através denúncias, informando sobre a realização de um baile funk durante à noite, já com a presença de várias pessoas. A PM foi até lá, constatou o caso e encerrou o evento imediatamente.

O homem que promoveu a festa foi conduzido até a 6ª Delegacia Distrital, em Santa Rita, onde foi feito contra ele um Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO) pelo descumprimento de medida sanitária.

PB Agora

 

Três homens são assassinados durante festa em Santa Rita

Um triplo homicídio foi registrado na noite deste sábado (11), no bairro Marcos Moura, em Santa Rita, região metropolitana de João Pessoa. Os homens foram mortos enquanto participavam de uma festa.

De acordo com as primeiras informações, os suspeitos teriam chegado atirando. As vítimas não resistiram aos ferimentos e morreram ainda no local.

A Polícia foi acionada, isolou a área, mas não repassou mais informações. A autoria e motivação do crime seguem desconhecidas.

 

paraiba.com.br

 

 

Padre de Diocese paraibana critica recepção com festa de prefeito de Uiraúna: “O povo ainda o recebe como um ídolo”

Após a população receber com festa o prefeito de Uiraúna João Bosco Fernandes, depois dele pagar fiança no valor de R$ 522 mil e ser posto em liberdade, o padre Daniel Leite, da Diocese de Patos, utilizou suas redes sociais para criticar a atitude da população.

Na publicação o padre ocultou palavras mas no contexto dá para entender que ele lamentou o fato dos populares não estarem acolhendo com festa a volta de um cientista mas de um político acusado de corrupção e de roubar o dinheiro do povo

Esse vídeo não é de acolhida de algum cientista que tenha descoberto a cura do Covid 19. Não é de recepção a alguém que concluiu o mestrado ou doutorado. Mas, de pessoas que estão recepcionando um co______pto (depois da era da pós verdade tenho até medo de escrever a palavra verdadeira, por isso deixarei subentendido) que ro___ou o próprio povo sendo flagrado recebendo 500 mil reais do dinheiro que saiu do bolso do próprio povo. E o povo ainda o recebe como um ídolo. O filósofo Francis Bancon tinha razåo quando afirmava que os ídolos ofuscam o avanço da racionalidade.

Escreveu o sacerdote.

O prefeito João Bosco Fernandes que havia sido preso após ser flagrado em um vídeo em que recebia dinheiro e o colocava na cueca.

PB Agora

 

Filho de ex-senador paraibano sai em defesa da ex-namorada que promoveu festa em meio à pandemia

O filho do ex-senador paraibano Raimundo Lira, Eduardo Lira, por meio das suas redes socais se manifestou nesta semana, para defender a ex-namorada, Flayleite. Ela foi criticada na internet por ter realizado uma festa para comemorar o aniversário em meio à pandemia.

“Não havia me posicionado, sou contra o isolamento horizontal e a favor do isolamento vertical onde apenas grupos de risco estariam isolados, pelo simples fato de acreditar que a crise econômica sem precedentes causada pela quarentena horizontal irá gerar um maior número de vítimas do que a própria Covid”, iniciou. “Com a diminuição da arrecadação faltará recursos para saúde, educação e segurança aos estados já falidos. O pai de família desempregado não terá condição de alimentar seus filhos. Não podemos esquecer que só em 2017 morreram 47.000 pessoas por arma de fogo”, alegou.

“Nasci em uma família privilegiada fruto do trabalho do meu pai, mas fomos educados por nossa mãe para não sermos alheios aos sofrimentos das pessoas, me solidarizo com o sofrimento que esta pandemia está causando as pessoas e as famílias. Estou há 3 meses sem ver meus pais que estão isolados por serem grupo de risco mas estou procurando trabalhar e produzir dentro das possibilidades. Sou fundador e vice presidente de um fundação onde graças a ajuda de todos da nossa rede de parceiros, amigos e empresas conseguimos arrecadar e atender mais de 2.000 famílias com cestas básicas em apenas dois meses, e estamos dando continuidade ao nosso trabalho”, pontuou.

Ele afirmou que as críticas à ex-namorada são injustas. “Mas o verdadeiro motivo desse post é a defesa que gostaria de fazer para minha amiga e ex namorada Flayleite . Namoramos por sete anos e terminamos a mais de seis meses, depois do fim do relacionamento ela decidiu morar no exterior para fazer um curso, período em que decidimos em comum acordo que seria melhor ela se afastar da revista GPS devido à distância. Gostaria de afirmar que apesar dela não fazer mais parte da revista ela é muito querida por toda a equipe e sempre terá portas abertas”, disse.

“Acredito que as pessoas estão sendo injustas com ela. A comemoração do aniversário dela não foi um deboche as vítimas do covid no Brasil. Eu conheço a Flayleite , convivi por 7 anos, ela não vem de família rica, quando eu a conheci ela ia ao trabalho de ônibus como milhares de brasileiros, ela não esconde suas origens, é uma menina sensível e de bom coração, perdeu seu pai com 8 anos de idade e perdeu seu irmão há 2 anos atrás, ambos de câncer”, disse.

 

pbagora

 

 

Médico é levado à delegacia depois de promover festa em condomínio de Bananeiras

Desde a última sexta-feira, 20, o município de Bananeiras tem sido o foco das atenções dos paraibanos graças à grande movimentação de veículos que chegaram ao local. Mas, neste domingo, 21, o médico Edvan Benevides Júnior, ex-diretor do Hospital de Trauma de João Pessoa, que promovia uma festa animada por um trio de forró no badalado condomínio “Yes, Bananas” chegou a ser conduzido à delegacia para prestar depoimento já que estava estimulando a aglomeração de pessoas, o que não é permitido durante a pandemia de coronavírus.

Ele responderá por descumprimento do artigo 268 do Código Penal, que trata de infringir determinação do poder público, destinada a impedir introdução ou propagação de doença contagiosa. A pena é detenção, de um mês a um ano, e multa. “Soubemos do fato através das redes sociais e mandamos averiguar”, confirmou o prefeito Douglas Lucena.

A promotora de Justiça Ana Maria Pordeus Gadelha informou que depois da condução do médico à delegacia de Polícia, o Ministério Público vai investigar o caso: “Isso muito me entristece porque é uma falta de consciência por parte de pessoas tidas como esclarecidas, de um bom nível cultural, intelectual e financeiro”.

*ParlamentoPB

Polícia interrompe festa com pessoas contaminadas com a Covid-19 na PB

Uma aglomeração de pessoas foi interrompida na noite deste sábado (6), em Campina Grande, pela Polícia Militar. Cerca de 10 pessoas faziam uma festa no Complexo Aloísio Campos, quando as equipes chegaram e constataram que quatro delas estavam com Covid-19. Os contaminados foram conduzidas para a Central de Polícia, em ambulâncias, por se recusarem a sair do local.

Os policiais chegaram ao local através de uma denúncia anônima feita ao Centro Integrado de Operações (Ciop). A queixa falava sobre cerca de 10 pessoas, algumas fazendo uso de bebida alcoólica e outras afirmando que testaram positivo para o novo coronavírus. Ao chegar no local, a Polícia Militar constatou o fato e as pessoas contaminas apresentaram o exame de confirmação da doença.

As pessoas foram orientadas a se isolar. Seis delas obedeceram a ordem, mas as contaminadas se recusaram. Quatro viaturas foram acionadas para apoio e, depois, equipes do Corpo de Bombeiros com ambulâncias, para fazer o transporte seguro dos contaminados até a delegacia, já que, dentro da viatura, poderia ocorrer contaminação. Segundo informações da Polícia Militar, o delito cometido foi crime de desobediência de medidas sanitárias.

Policiais militares do 10º Batalhão da equipe que teve o primeiro contato com o grupo foram isolados por questões de segurança.

Denúncias sobre este tipo de infração podem ser feita pelo 190. Ainda de acordo com a PM, este tipo de queixa tem sido a mais registrada em Campina Grande, em especial, durante os fins de semana.

Campina Grande é a segunda cidade da Paraíba com mais casos confirmados de Covid-19, 2.473, segundo dados deste domingo (8). Já foram registradas 44 mortes pela doença no município.

G1

 

Jovens descumprem decreto, fazem festa e bebedeira acaba com cinco baleados

Cinco jovens ficaram feridos a tiros na madrugada desta segunda-fera (27) no distrito de Campinote, Lagoa Seca, Região metropolitana de Campina Grande. Eles descumpriram o decreto de isolamento social, participaram de uma festa onde aconteceu uma briga.

Durante a discussão, um homem que estava no meio da farra sacou uma arma e atirou várias vezes contra alguns convidados. Três mulheres e dois homens ficaram feridos.

Os jovens tem entre 18 e 22 anos. Todos foram levados para o Hospital de Emergência e Trauma de Campina Grande.

A Polícia Militar foi acionada para tentar apurar informações do suspeito de ter efetuado os tiros, mas, nem as próprias vítimas souberam informar. A autoria do crime continua desconhecida.

 

Márcio Rangel

 

 

Paraibana Gkay é uma das convidadas do aniversário de Neymar e diz que celular era proibido na festa

A paraibana Gkay foi uma das convidadas do aniversário de Neymar. O jogador do Paris Saint-Germain comemorou antecipadamente a chegada de seus 28 anos em Paris neste domingo (2), em festa com tema Noite do Branco.

Usando a #Neymar 28, Gkay causou no seu instagram ao pousar com um vestido branco na varanda do hotel, com vista para a Torre Eiffel.

Na manhã desta segunda-feira (3), a paraibana disse que não teve como publicar stories sobre a festa, já que era proibido o uso de celular no local.

A festa aconteceu na casa noturna Yoyo, que fica no 16° arrondissement de Paris.

De acordo com jornal francês L’Équipe, a casa é um clube moderno, localizado no coração do Palácio de Tóquio, que acolhe regularmente eventos musicais, culturais ou festas particulares em seu espaço modular de 900 m², que pode acomodar até 800 pessoas. A parte musical ficou por conta de Maiara e Maraísa e Rodriguinho.

Além de Gkay, Matheus Mazzafera, Rafael Ucmann, Izabel Goulart, Gabriel Medina, Nakagima e ex-BBB Munik Nunes foram uns dos convidados do craque.

 

clickpb

 

 

Aeroporto lotado, festa, e corredor humano: Botafogo-PB apresenta o lateral Léo Moura

O saguão do Aeroporto Castro Pinto, em João Pessoa, ficou lotado. A festa foi grande para recepcionar Léo Moura no começo da tarde desta sexta-feira. Cantos entoados, batuque e um corredor humano da torcida do Botafogo-PB para o lateral após sair da porta de desembarque. O momento teve direito a muitas selfies e vídeos.

Léo Moura recepcionado pela torcida no aeroporto de João Pessoa — Foto: Josemar Gonçalves/Botafogo-PB

Léo Moura recepcionado pela torcida no aeroporto de João Pessoa — Foto: Josemar Gonçalves/Botafogo-PB

No aeroporto, cerca de 2 mil torcedores, segundo estimativa do marketing do clube (a Polícia Militar da Paraíba informou que não levanta esse dado por ser uma área da Infraero), recepcionaram Léo Moura, que não deu entrevista. Ele seguiu para o CT do Botafogo-PB, onde foi apresentado oficialmente e conversou com a imprensa.

– Nunca passei por um momento desse de ser recebido dessa forma. Fiquei muito feliz e emocionado. Agradecer a todos que foram no aeroporto. Espero que dentro de campo possa fazer o que essa torcida espera. Toda a diretoria que fez esse esforço em me trazer aqui. O primeiro contato foi com Warley (Santos, ex-Selecão, Grêmio e São Paulo, que hoje é gerente de futebol). Obrigado, Warley. Ele foi o cara que começou e depois falou com o presidente, treinador, a diretoria inteira. Fico feliz em acreditarem em mim. Pode ter certeza que vou fazer o máximo para dar alegria a todos vocês.

Lateral na entrevista coletiva no CT ao lado da diretoria do Botafogo-PB — Foto: Lucas Barros/TV Cabo Branco

Lateral na entrevista coletiva no CT ao lado da diretoria do Botafogo-PB — Foto: Lucas Barros/TV Cabo Branco

O lateral-direito de 41 anos, com passagens marcantes por Grêmio e Flamengo, falou sobre em qual posição vai atuar no Botafogo-PB: no setor de origem, onde construiu uma carreira vitoriosa, ou no meio?

– Tanto na lateral, como no meio, vou ajudar de qualquer forma. Vou conversar com o treinador, onde ele prefere que eu coloque meu futebol à disposição. Esperar para que ele decida. Gosto muito de jogar na lateral. Toda minha carreira pude jogar e desfrutar daquilo que eu sei fazer que é jogar futebol. Mas se precisar também de mim no meio também me sinto muito bem em jogar. Agora está nas mãos do treinador. O que ele decidir vou acatar.

Léo Moura distribui brindes para a torcida na apresentação — Foto: Josemar Gonçalves/Botafogo-PB

Léo Moura distribui brindes para a torcida na apresentação — Foto: Josemar Gonçalves/Botafogo-PB

Léo Moura vai vestir no Botafogo-PB a camisa 88 em alusão ao ano que o clube vai completar de história em 2020. Mas também tem outros significados para ele:

– É um número que gosto também, é o ano de nascimento da minha esposa e tive a felicidade de vestir a camisa 88 no Grêmio e conquistar títulos. Acredito que aqui não vai ser diferente, pode ter certeza.

Depois da entrevista coletiva, o jogador foi apresentado no gramado do CT com direito a muitos fogos e saudações da torcida nas arquibancadas. No começo da noite, Léo Moura participa de uma ação dentro de um shopping, no bairro de Mangabeira, com direito a fotos e autógrafos para sócios-torcedores.

Jogador vai vestir a camisa 88 no clube paraibano — Foto: Josemar Gonçalves/Botafogo-PB

Jogador vai vestir a camisa 88 no clube paraibano — Foto: Josemar Gonçalves/Botafogo-PB

 

GE