Arquivo da tag: fatura

Flamengo vence o Del Valle e fatura a Recopa Sul-Americana

O Flamengo conquistou mais um título para sua coleção na noite desta quarta-feira, no Maracanã. Diante do Independiente del Valle, na segunda partida da final da Recopa Sul-Americana, a esquadra de Jorge Jesus, mesmo com um a menos desde a metade do primeiro tempo, venceu por 3 a 0 e levantou a taça inédita em sua história.

Gabigol foi o grande destaque do jogo pela movimentação, um gol e a assistência para o segundo. Gerson, no segundo tempo, marcou os outros dois gols da final.

Com renda e público recordes em 2020, o Flamengo deu ao Brasil o 11º título da Recopa e consolidou o país como maior vencedor da competição.

A sequência de jogos do Flamengo continuará neste sábado com a estreia na Taça Rio, segundo turno do Campeonato Carioca, diante da Cabofriense, no Maracanã. Na próxima semana, o Rubro Negro estreia na fase de grupos da Libertadores na Colômbia, diante do Junior Barranquilla.

O Jogo

O Independiente del Valle surpreendeu ao entrar em campo disposto a jogar de igual para igual com o Flamengo no Maracanã. O técnico Miguel Angel Ramírez escalou sua equipe com três atacantes e foi de peito aberto para buscar o título. Sem Bruno Henrique, Jorge Jesus adotou um 4-4-2 com Gabigol e Pedro na frente.

Os equatorianos, muito bem organizados em campo, tentaram segurar o ataque do Fla com uma defesa alta e forçando o impedimento dos atacantes rubro-negros. Mas apesar da organização e do bom toque de bola, faltava qualidade ao Independiente e o Flamengo foi impondo seu jogo.

Aos 17, Gerson recebeu livre na área e, pressionado pelo goleiro Pino, tocou para Gabigol, que tentou a conclusão mas acertou o zagueiro Segovia com o arqueiro batido no lance.

No minuto seguinte, sob pressão do Flamengo na saida de bola, a defesa equatoriana deu um presente ao Rubro-Negro. O mesmo Segovia que salvou o lance anterior, tentou atrasar de cabeça para o goleiro e acertou o travessão. A bola voltou para Gabigol, que dessa vez não perdoou e colocou o Flamengo em vantagem.

O jogo estava à feição da equipe de Jorge Jesus quando aos 21 minutos, Willian Arão tentou tirar a bola de Caicedo e acabou acertando o peito do jogador do Independiente. Com a ajuda do VAR, o árbitro argentino Fernando Rapallini mostrou o cartão vermelho para o volante brasileiro.

Para recompor a equipe, Jorge Jesus chamou Thiago Maia e tirou o atacante Pedro de campo.

Com a desvantagem numérica, o Flamengo mudou sua postura em campo e se fechou na defesa. Com o posicionamento atrás da linha da bola, a equipe carioca fechava os espaços do Independiente e buscava os contra-ataques.

O jogo ficou mais concentrado entre as duas intermediárias no restante da etapa inicial, com cada equipe chegando com perigo apenas uma vez.

O Flamengo obrigou o goleiro Pinos a trabalhar aos 33. Everton Ribeiro lançou Gabigol, que partiu em velocidade, se livrou da marcação e chutou cruzado, mas Pinos fez grande defesa e mandou para fora.

Já o del Valle conseguiu assustar aos 37, quando Sanchéz bate prensado com Filipe Luís e a bola vai pela linha de fundo, mas passou perto.

O segundo tempo começa com o Independiente tentanto pressionar o Flamengo em seu campo. A equipe carioca, entretanto, fazia uma partida impecável defensivamente. Muito focados, os comandados do Míster ocupavam todos os espaços e dificultavam as ações ofensivas dos equatorianos.

Aos 9, porém, Caicedo surpreendeu com um belo toque e deixou Faravelli de frente para Diego Alves. O goleiro rubro-negro salvou o gol com uma defesa com o pé no chute cruzado do meia do del Valle.

No momento de maior ímpeto do Independiente, brilhou mais uma vez a estrela de Gabigol. O artilheiro fez grande jogada pelo lado esquerdo ao cortar um adversário e se mandar em direção à área. A bola sobrou para Gerson, que dominou e chutou cruzado para o fundo da rede: 2 a 0.

A essa altura, perdendo por dois, o técnico Miguel Angel Ramírez foi para o tudo ou nada e colocou mais dois atacantes em campo, sacando um zagueiro e um lateral, além de um meia na vaga de um volante.

Mas de nada adiantou e o Flamengo seguiu muito bem na partida, até que aos 40 minutos, Cabeza fez falta em Léo Pereira e foi expulso. Com a igualdade numérica, o Flamengo voltou a dominar e teve tempo de marcar o terceiro.

Aos 43, em novo contra-ataque, Michael roubou a bola e tocou para Gabigol. O nove lançou Vitinho, que dominou, atraiu a marcação e rolou para Gerson tocar com categoria e fechar a conta do jogo.

FICHA TÉCNICA
FLAMENGO-BRA 3 x 0 INDEPENDIENTE DEL VALLE-EQU

Local: Maracanã, no Rio de Janeiro (RJ)
Data: 26 de fevereiro de 2020, quarta-feira
Horário: 21:30 (de Brasília)
Árbitro: Fernando Rapallini (ARG)
Assistentes: Diego Bonfa (ARG) e Gabriel Chade (ARG)
VAR: Mauro Vigliano (ARG)
Renda: R$ 5.396.997,50
Público: 69.986 (64.504 pagantes)

Cartões amarelos: Gerson, Gustavo Henrique (Fla); Franco (Independiente)
Cartões vermelhos: Willian Arão (Fla); Cabeza (Independiente)
Gols:
FLAMENGO: Gabigol, aos 18min do 1º tempo; Gerson, aos 16 e aos 43 min do 2º tempo

FLAMENGO: Diego Alves; Rafinha, Gustavo Henrique, Léo Pereira e Filipe Luís; Willian Arão, Gerson e Everton Ribeiro (Michael); Gabigol, Arrascaeta (Vitinho) e Pedro (Thiago Maia)
Técnico: Jorge Jesus

INDEPENDIENTE DEL VALLE: Pinos; Preciado, Schunke, Segovia (Cabeza) e Caicedo (Fernando Guerrero); Franco, Faravelli (Nieto) e Pellerano; Sanchez, Murillo e Torres
Técnico: Miguel Angel Ramírez

 

Gazeta Esportiva

 

 

Religação de energia e 2ª via de fatura podem ser solicitadas por aplicativo de mensagens, na PB

A partir desta segunda-feira (9), os paraibanos podem solicitar a religação de energia elétrica e a 2ª via de fatura pelo aplicativo de mensagens, Whatsapp. Segundo a concessionária Energisa, o serviço ficará disponível 24 horas por dia e tem a finalidade de dar mais agilidade às soluções de problemas relacionados ao trabalho oferecido pela companhia.

O atendimento por aplicativo funciona por meio de inteligência artificial, através de uma atendente eletrônica chamada de Gisa. De acordo com a empresa, outras soluções ainda serão lançadas em 2019 para reduzir a necessidade de deslocamento até as agências ou mesmo ligar para a central de atendimento da concessionária.

Até o momento, o usuário também podem acessar contas em aberto ou consultar o histórico de consumo de sua propriedade.

O número para contato por mensagens é (83) 99135-5540. Mesmo com o novo serviço, a concessionária continua atendendo os clientes pelo aplicativo para smartphone “Energisa On”, redes sociais, site da empresa, central de atendimento ou presencialmente em uma das agências localizadas na Paraíba.

Foto: Iara Alves/G1 PB

G1

 

Mega-Sena: aposta única fatura R$ 20 milhões

Uma aposta de Curitiba (PR) levou sozinha o prêmio de R$ 20.024.894,84 no concurso 2.091 da Mega-Sena, realizado na noite desta quinta (25) em Jequié (BA).

Veja as dezenas sorteadas: 10 – 11 – 12 – 37 – 38 – 59.

A quina teve 75 apostas ganhadoras; cada uma levará R$ 25.054,96. A quadra teve 3.855 apostas vencedoras; cada uma receberá R$ 696,35.

Excepcionalmente, serão três concursos nesta semana, como parte da “Mega Semana da Sorte”: o primeiro foi na terça (23); o último será no sábado (27), com prêmio estimado em R$ 2,5 milhões. Normalmente, os sorteios ocorrem às quartas e sábados.

 

G1

Grêmio empata com o Atlético-MG e fatura o quinto título da Copa do Brasil

gremioDepois de 15 anos de espera, o Grêmio volta a soltar o grito de campeão nacional. Nesta quarta-feira (7), em seu estádio, o time gaúcho segurou um empate em 1 a 1 com o Atlético-MG e conquistou pela quinta vez a Copa do Brasil – o primeiro duelo, em Minas, terminou com vitória gremista por 3 a 1.

O título faz com que o Grêmio se torne o maior campeão do torneio, ultrapassando o Cruzeiro: 5 taças a 4. Desde a criação da Copa do Brasil, o time gaúcho venceu em 1989, 1994, 1997 e 2001, a última conquista nacional gremista antes da noite desta quarta-feira.

Grêmio domina o segundo tempo e solta o grito de campeão

Se no primeiro tempo o Atlético-MG chegou a controlar as ações do jogo, o segundo foi todo do Grêmio. Com uma marcação apertada nos pontas do time mineiro, a equipe de Renato Gaúcho não deu chances para que o adversário levasse perigo ao gol de Marcelo Grohe.

Mesmo no final da partida quando o Atlético-MG se lançou completamente ao ataque, o Grêmio não foi pressionado nenhuma vez. Nos últimos minutos, em um contra-ataque, Everton fez bela jogada pela esquerda e cruzou rasteiro para Miller Bolaños empurrar para o fundo das redes e fazer os gaúchos soltarem o grito de campeão.

Atlético-MG fica com o vice, mas faz um golaço

Após o gol do Grêmio, ainda deu tempo para um golaço do Atlético-MG. Nos acréscimos, Cazares aproveitou que Marcelo Grohe estava muito adiantado e arriscou de trás do meio-campo. O goleiro gremista tentou voltar, mas não conseguiu impedir o golaço mineiro.

Atlético-MG se apresenta mais organizado com interino

Em seu primeiro jogo à frente do Atlético-MG, Diogo Giacomini apresentou uma equipe mais organizada do que a de Marcelo Oliveira no jogo de ida. Com três volantes (Rafael Carioca, Leandro Donizete e Júnior Urso) e Luan e Robinho centralizados, o Galo apresentava uma compactação maior e detinha o controle da bola na primeira etapa.

O time mineiro, no entanto, encontrava dificuldades na saída de bola. Abertos quando o Atlético-MG tinha a bola, Leandro Donizete e Júnior Urso sofriam para passar pela marcação gremista e o Galo terminou a primeira etapa sem assustar realmente o goleiro Marcelo Grohe.

Grêmio espera e tem a melhor chance do primeiro tempo

Com uma grande vantagem conquistada na primeira partida, o Grêmio iniciou o duelo em Porto Alegre mais recuado e esperando o Atlético-MG partir para o ataque. Na segunda metade da etapa inicial, o time gaúcho avançou a marcação e teve a grande chance do duelo até então.

Aos 39 minutos, Douglas deu um passe de letra que deixou Everton cara a cara com Victor. O atacante gremista chutou rasteiro, mas o goleiro do Atlético-MG pulou para fazer uma grande defesa e evitar o gol.

Final termina em confusão

O clima de união entre as duas equipes ficou apenas durante a homenagem à Chapecoense. Nos últimos minutos do duelo, jogadores de Atlético-MG e Grêmio iniciaram uma confusão que se estendeu até após o apito final.

A briga começou após Bolaños não deixar o time do Atlético-MG cobrar uma falta. Na sequência, o equatoriano tentou dar um chute na bola, iniciando a confusão. O clima tenso seguiu depois do apito final, mas durou pouco e rapidamente os brigões foram separados e o Grêmio pôde comemorar o título.

Homenagens à Chapecoense silencia um estádio sem caixões vermelhos

Antes de a bola rolar, um momento de emoção tomou conta da Arena do Grêmio. Jogadores das duas equipes e representantes da imprensa se abraçaram no meio do gramado para um minuto de silêncio em homenagem às vítimas do acidente com o avião que levava a Chapecoense para Medellín.

Em um momento poucas vezes visto antes no futebol brasileiro, o estádio ficou praticamente em silêncio durante a solenidade. Durante a homenagem, o goleiro Victor, do Atlético-MG, era um dos mais emocionados e não conseguiu conter o choro. Nas arquibancadas, torcedores também derramavam lágrimas e respeitaram um pedido gremista de não levarem caixões vermelhos ao estádio, em alusão ao possível rebaixamento do Internacional.

FICHA TÉCNICA

GRÊMIO X ATLÉTICO-MG
Torneio:
Copa do Brasil
Data: 07/12/2016
Estádio: Arena do Grêmio, em Porto Alegre (RS)
Público: 55.337 pessoas
Renda: R$ 5.105.964,00
Árbitro: Luiz Flavio de Oliveira (FIFA/SP)
Assistentes: Marcelo Carvalho Van Gasse (FIFA/SP) e Kleber Lucio Gil (FIFA/SC)
Cartões amarelos: Erazo e Fábio Santos, do Atlético-MG

GRÊMIO: Marcelo Grohe; Edílson, Pedro Geromel, Kannemann, Marcelo Oliveira; Walace, Ramiro, Maicon, Douglas; Everton e Luan. Técnico: Renato Gaúcho

ATLÉTICO-MG: Victor; Marcos Rocha, Gabriel, Erazo, Fábio Santos; Rafael Carioca, Leandro Donizete (Cazares), Júnior Urso (Maicosuel); Luan, Lucas Pratto e Robinho. Técnico: Diogo Giacomini

Uol

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

 

Dividido, PMDB aumenta ‘fatura’ para apoiar Dilma

pmdbFaltando apenas dois dias para a convenção nacional do partido, o PMDB deverá confirmar a reedição da aliança com o PT, porém, com uma série de exigências à presidente Dilma Rousseff, num eventual segundo governo em janeiro de 2015. As principais são mais espaço nas decisões do governo e mais ministérios, os que tenham “apelo popular”.

Peemedebistas citam muitos exemplos de como tem sido postos de lado nas discussões de governo. Não são chamados, por exemplo, para reuniões no Alvorada com Lula, Dilma, e o presidente do PT, Rui Falcão, sobre estratégias de campanha. Em maio, sequer foram consultados sobre a edição do decreto que regula participação popular.

CURTA o FOCANDO A NOTÍCIA no Facebook

O presidente da Câmara, deputado Henrique Alves (RN), deu o tom de como o partido irá posicionar. “Em 2015 queremos um espaço mais justo, que enseje maior colaboração do PMDB e maior participação nas políticas públicas. As principais pastas estão nas mãos do PT e são elas também as principais vias para executar políticas públicas. Isso vai constar da discussão do novo governo”, alertou Alves.

Sob o comando do PMDB estão atualmente cinco ministérios. Mas o partido quer mais. Saúde, Educação e Cidades, esta última dominada pelo PP, estão entre as mais cobiçadas na conta a ser entregue à presidente em caso de vitória.

A provável reedição da chapa Dilma-Michel Temer deve contar, segundo contas de dirigentes peemedebistas ouvidos pelo Estadão, com ao menos 10% de vantagem na convenção. A previsão de placar apertado se deve à instabilidade da ala rebelde, que defende a implosão da aliança devido a conflitos regionais. Uma surpresa não está descartada.

O cenário, porém, já foi pior e exigiu uma operação encabeçada por Lula e Temer para acalmar os dissidentes. O alvo principal foi o líder da bancada na Câmara, Eduardo Cunha (RJ), que ao longo do mandato de Dilma liderou insurreições na Câmara contra o governo. De algumas semanas para cá, porém, o embate foi sendo amenizado.

Ainda assim, Temer defendeu a manutenção da aliança. “Disse a todos: para onde vamos? Um partido do tamanho do PMDB não ter posição no cenário político nacional? Muitos dizem que em 2018 precisamos ter um candidato nacional. Eu estou de acordo. Mas agora temos que nos manter como um partido líder no processo de desenvolvimento do Brasil”, afirmou.

Brasil 247

 

Aldo fatura prêmio de luta da noite, e Pezão é dono do melhor nocaute

Os brasileiros José Aldo e Antônio Pezão ganharam mais motivos para comemorar. Depois de derrotarem Frankie Edgar e Alistair Overeem, respectivamente, eles receberam do UFC o prêmio de 50 mil dólares (cerca de 100 mil reais). Para a organização, a luta entre o campeão dos penas, Zé Aldo e o ex-campeão dos leves, Frankie Edgar, foi a melhor entre as 11 do evento de Las Vegas. O nocaute de Pezão no gigante holandês Alistair Overeem, por sua vez, foi eleito o mais bonito do evento.

UFC 156 Jose Aldo e Frankie Edgar (Foto: Agência Getty Images)A luta entre José Aldo e Frankie Edgar foi eleita a melhor da noite (Foto: Agência Getty Images)

O prêmio de finalização da noite ficou com o peso-leve Bobby Green, que fez sua estreia no UFC aplicando um bonito mata-leão em Jacob Volkmann.

Outros três brasileiros lutaram no UFC 156. Também no card principal, o meio-pesadoRogério Minotouro derrotou Rashad Evans, enquanto o meio-médio Demian Maia venceu Jon Fitch. No preliminar, Gleison Tibau perdeu para Evan Dunham.

UFC 156 Alistair Overeem  Antonio Pezao Silva (Foto: Agência Getty Images)Nocaute em Overeem rendeu prêmio para Antônio Pezão (Foto: Agência Getty Images)

 

 

 

Sportv

Clientes da Caixa poderão pagar conta telefônica sem fatura

A Caixa Econômica Federal disponibiliza a comodidade de realizar o pagamento de contas telefônicas sem apresentar a fatura em papel. Os consumidores das empresas OI Fixo, Embratel e CTBC, entre outras, deverão informar somente o número do telefone ao atendente lotérico para quitar a fatura.

A arrecadação de valores é feita por meio de transações on-line, em tempo real, com conexão estabelecida entre a Caixa e as empresas, o que simplifica e agiliza o pagamento das faturas. A operação está disponível nas 35 mil unidades, entre lotéricas e correspondentes Caixa Aqui. Caso ocorra a perda ou extravio do documento, não será mais necessário solicitar a segunda via da conta para a operadora.

“Com esta ação, a Caixa proporciona conveniência à população, além de contribuir para a sustentabilidade do meio ambiente, já que haverá economia na impressão de papel”, comenta o diretor executivo de Pessoa Jurídica da Caixa, Roberto Derziê.

Portal Brasil