Arquivo da tag: existência

Prestes a completar 63 anos de existência, açude de Boqueirão tem uma das maiores cheias dos últimos 15 anos

Depois de já ter sangrado por 18 vezes e sua história e atravessar secas terríveis, o açude Epitácio Pessoa em Boqueirão, voltou a receber uma significativa recarga no volume de água armazenada e entra 2020 com perspectivas de uma nova sangria. A três dias de completar 63 anos de existência, Boqueirão, vive dias de bonança e os paraibanos já sonham em ver o oásis se formar outra vez no Cariri paraibano.

As chuvas que caíram no Cariri paraibano e encheram os rios Taperoá e Paraíba, principais afluentes do Epitácio Pessoa, elevaram o nível da água do manancial. O açude responsável pelo abastecimento de mais de um milhão de paraibanos distribuídos em Campina Grande e mais 18 municípios do Compartimento da Borborema, recebeu neste final de semana, uma das maiores cheias no período de menos de 24h nos últimos 15 anos. Em menos de uma semana, a lâmina de água subiu um metro e meio, o que corresponde a 16,8 milhões de metros cúbicos de nova água, segundo dados da Agência Executiva de Gestão das Águas (AESA).

Boqueirão amanheceu nesta segunda-feira (13) com 87.956.086 milhões de metros cúbicos, o que corresponde a 18,85% de sua capacidade de armazenamento. No dia primeiro de janeiro, o açude estava com pouco mais de 70 milhões de metros cúbicos de água acumulada, o que correspondia 14% de sua capacidade.

Construído pelo Departamento Nacional de Obras Contra a Seca (DNOCS), o manancial viveu a pior seca de sua história, há dois anos. O nível de água atingiu os 4,8% da capacidade total e o açude chegou na sua reserva técnica, o que provocou um racionamento sem precedentes na história de Campina Grande. Com a chegada das chuvas, e das águas advindas da transposição do Rio São Francisco, o açude recuperou parte de sua recarga e aliviou a vida dos paraibanos que dependem do manancial.

Com capacidade para armazenar 411,686 milhões de metros cúbicos de água, o manancial foi inaugurado em 16 de janeiro de 1957 e logo se transformou na principal fonte de abastecimento de Campina Grande.
Segundo o especialista e recursos hídricos, Isnaldo Luna, que durante 20 anos monitorou o açude como gerente de bacias hidrográficas da Aesa, o açude de Boqueirão divide momentos de sangrias maravilhosas, mas também de secas terríveis.

Desde a inauguração, há quase 63 anos, Boqueirão sangrou 18 vezes, nos anos de 1967, 1968, 1973, 1974, 1975, 1976, 1978, 198, 1984, 1985, 1986 e 1989. Depois ele passou 15 anos sem sangrar.
Em 28 de dezembro de 1999, o manancial atingiu o pior nível de sua história, antes da seca de 2018, chegando ao nível de 14%. Os dias de preocupação acabaram da época cessaram em 1º de fevereiro de 2004 voltou a atingir o nível máximo e transbordou. As outras novas sangrias ocorreram em 2005, 2006, 2008, 2009 e 2011”.

Quando o açude de Boqueirão sangrou pela última vez, em 2011, ele teve a melhor fase de sua história. Segundo os dados da Aesa, ele passou 202 dias transbordando água ininterruptamente. Os paraibanos sonham com uma nova sangria e com o espetáculo que o açude proporciona sempre que transborda.

Severino Lopes
PB Agora

 

 

Pente fino na Cadeia Pública de Solânea revela existência de celulares e até cachaça caseira

cadeia de solaneaA Polícia Militar  realizou um pente fino na Cadeia Pública de Solânea nessa quarta-feira (10) e o resultado foi o encontro de vários celulares, carregadores, simulacro de arma e até cachaça caseira.

Durante a operação foram encontrados os seguintes objetos na Cela 1: 6  aparelhos celulares de várias marcas, 3 baterias de celular, 2 carregadores de celular e 4 espetos.

Na cela 2: um simulacro de arma de fogo; na cela 4: um espeto; na cela 5: um espeto, um carregador de celular, uma garrafa 500ml de cachaça caseira (Maria maluca).

Compareceram ao local as guarnições nas viaturas 6009 e 6932, que constataram a veracidade da denúncia e após realizarem a apreensão dos objetos, os deixaram à disposição da direção da cadeia para serem adotadas as providências que o caso requer.

Focando a Notícia

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

 

Deputado denuncia existência de “pacote de maldades” deixado pela gestão de Ricardo Marcelo na ALPB

bubaAutor do projeto que derrubou o Orçamento Impositivo aprovado no fim de 2014 na Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB), o deputado estadual Buba Germano, do PSB, lamentou que no final da legislatura passada projetos, segundo ele, inconstitucionais tenham sido aprovados. O deputado citou o orçamento impositivo e disse que a oposição aproveitou a oportunidade em ser maioria para aprova-lo. “Na Paraíba foi feito um pacote de maldade no final do exercício da legislatura. Saíram aprovando o que queriam”, afirmou o deputado.

O Plenário ALPB revogou, na última quarta-feira (22), a Lei nº 10.373, de 16 de dezembro de 2014, que tratava sobre o orçamento impositivo. Os deputados aprovaram o PL 56/2015, de propositura do deputado Buba Germa(PSB), que anula a imposição no orçamento.

O orçamento impositivo, em vigor desde dezembro de 2014, tornava todo o orçamento do Governo do Estado impositivo, incluindo um artigo imputando crime de responsabilidade caso o Governador não cumprisse. “Hoje corrigimos, definitivamente, o orçamento da Paraíba para 2015”, disse o deputado.

ACOMPANHE O FOCANDO A NOTÍCIA NAS REDES SOCIAIS:

FACEBOOK                TWITTER                    INSTAGRAM

Com a decisão dos deputados, o governador não estará mais obrigado a executar emendas de parlamentares no orçamento.

PB Agora

Dilma nega existência de ‘tarifaço’ em energia e gasolina para 2015

ROBERTO STUCKERT FILHO/PLANALTO
ROBERTO STUCKERT FILHO/PLANALTO

Em jantar com dez jornalistas, no Palácio da Alvorada, na noite desta terça-feira, a presidente Dilma Rousseff avisou que “não tem tarifaço nenhum” em 2015, rechaçando as notícias de que o governo está represando agora os preços da gasolina e da energia para liberá-los no ano que vem, depois das eleições.

— Não existe lei divina que determine que a gasolina brasileira deve flutuar de acordo com o mercado internacional. O preço do petróleo no Brasil não está ligado ao preço internacional e não tem de estar.

Dilma contestou estudos que existem na Petrobrás que mostrariam que o preço do combustível está defasado.

CURTA o FOCANDO A NOTÍCIA no Facebook

— Gostaria que me mostrasse a conta. Me diz o que está defasado. Está defasado em relação a quê?

 

A presidente defendeu a estatal e ao negar que haja interferência política na empresa.

— Não sou eu que defino o que a Petrobras fará com dinheiro.

Para Dilma, a queda do valor da empresa se deve à crise.

— Toda empresa cai diante da crise.

Dilma lembrou que, em 2003, a empresa valia US$ 15 bilhões e, no ano passado, estava em US$ 98 bilhões. A presidente rechaçou ainda informações de que a Petrobrás não tenha dinheiro para fazer seus investimentos.

— Achar que a Petrobrás não tem dinheiro para explorar é muita ingenuidade. A empresa vai cumprir as metas de produção de petróleo sim e a Graça (Foster) vai lutar por isso.

A presidente destacou o potencial que tem o pré-sal e que a prova disso foi o sucesso do leilão de libra que chegou a ser muito criticado.

— Vocês por acaso acreditam que algum banco internacional não queira investir na Petrobras?

Dilma reiterou sua confiança na presidente da Petrobrás, Graça Fostes, ao avisa que ela é suficientemente competente para levar a empresa adiante. Para rebater as previsões pessimistas em relação à Petrobrás, a presidente Dilma Rousseff anunciou que “quanto mais se aproximar de 2018, mais seremos grandes exportadores de petróleo”.

Energia

A presidente defendeu a redução de preços anunciada nas tarifas de energia elétrica no ano passado e disse que a reivindicação dos investidores que do setor “não é legal nem justa”. Para ela, “não houve precipitação” naquela decisão porque os fornecedores já haviam recebido pela amortização das usinas.

— Portanto, ninguém pode pagar por investimento já pago. Para o investidor é bom cobrar. Acho até compreensível a reivindicação. Mas não é justo nem legal e fazer isso seria cometer um crime e quem do governo aceitar isso não está agindo em defesa do País.

Segundo a presidente, este término de cobrança estava estabelecido em contrato e os contratos têm de ser cumpridos. Ela atribuiu o aumento das tarifas à seca que levou à necessidade de uso de energia térmica, que é mais cara. Dilma classificou ainda como “conto do vigário” alguém vender a ideia que o país pode funcionar somente com usina solar e eólica.

— Elas são importantes. Mas são energias complementares.

Estadão

Encontro de radialistas comunitários em Mari marca os 15 anos de existência da Rádio Araçá FM

 

Dirigentes da Abraço Nacional e nos estados
Dirigentes da Abraço Nacional e nos estados

Como parte das comemorações dos seus 15 anos de existência, a Associação Rádio Comunitária Araçá FM (Mari/PB) realizou nesse sábado (26), na Câmara Municipal, um encontro com radialistas comunitários de vários municípios.

 

Dirigentes da Abraço Nacional (Associação Brasileira de Radiodifusão Comunitária), José Sóter; Paraíba, Moreira Silva; Rio Grande do Norte, Hugo Tavares, e Pernambuco, Flávio Marques; além do presidente da CUT, que também responde pelo Sintricom (Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias da Construção e do Mobiliário de João Pessoa), Paulo Marcelo, estiveram presentes. A vereadora Vânia, da cidade anfitriã, deu total apoio aos participantes.

 

Participantes no plenário
Participantes no plenário

A demora do governo federal na publicação do novo decreto que regulamenta essas emissoras; a urgência de criação do sistema de rádio comunitária; a truculência da Anatel (Agência Nacional de Telecomunicações); e a necessidade de preparação para captação de recursos foram alguns dos assuntos que nortearam as discussões. O lançamento do site da Abraço/PB (www.abracopb.com) foi outro ponto alto do evento.

 

 Ver. Vânia ao lado do coordenador da Abraço/PB - Moreira
Ver. Vânia ao lado do coordenador da Abraço/PB – Moreira

Severino Ramos, presidente da Associação Rádio Comunitária Araçá FM, ressaltou a falta de comunicação entre os que atuam nesse setor. Para ele, essa distância enfraquece o movimento e deixa os radialistas desintegrados. Nesse sentido, apresentou um projeto de interligação entre as emissoras e uma carta proposta, que em breve deverá ser encaminhada à presidenta Dilma.

 

 Integrantes da Araçá FM
Integrantes da Araçá FM

 

 

 

Redação/Focando a Notícia

Mari (PB): Rádio Araçá reúne emissoras comunitárias neste sábado para comemorar seus 15 anos de existência

A Associação Rádio Comunitária Araçá FM está completando 15 anos de existência e este é um motivo de muita alegria e comemoração para toda a comunidade mariense, em particular e para o movimento de Rádios Comunitárias da Paraíba, em geral. Isto porque a Araçá FM é pioneira, não só pela concessão e outorga feita pelo Ministério das comunicações em 1998, mas, principalmente, pelo trabalho prestado a comunidade, servindo de referência, inclusive, para outras Rádios Comunitárias do Estado e do Brasil. De modo que será de grande relevância para os que fazem a Associação Araçá Comunitária FM, a realização de um evento que reúna as Rádios Comunitárias para, além de comemorar o aniversário da emissora, também discutir a organização e o fortalecimento das Rádios Comunitárias em todo o estado da Paraíba.
Diante da magnitude do momento, temos a honra de convidar a V.S.ª para fazer parte do nosso ENCONTRO e, ao mesmo tempo, solicitar a vossa contribuição com o debate, como forma de contribuir no fortalecimento do Serviço de Rádio Difusão Comunitária e, consequentemente, na construção de uma comunicação democrática, popular, inclusiva e cidadã.
O evento estar sendo realizado em parceria com a Associação Brasileira de Rádio Comunitária – ABRAÇO Paraíba e contará com a presença de várias autoridades, inclusive, do presidente da ABRAÇO Nacional, o senhor José Sóter.
A Associação Rádio Comunitária Araçá FM irá fornecer o almoço para os participantes, e para garantir uma melhor organização do evento, pedimos a gentileza de proceder à confirmação da vossa participação.
Contatos:
E-mail: ramosvinculus@hotmail.com – fones: 9997.4159 / 8897.3036 / 9168.0600
Local: Auditório da Câmara Municipal
Data: 26 de janeiro de 2013
Horário: das 09:00 às 16:00
Mari, 03 de janeiro de 2013.
Atenciosamente,
COORDENAÇÃO
radiozumbijp

Luiz Couto diz que depoimento na CPI reforça existência do tráfico de pessoas na Paraíba

 

O deputado Luiz Couto (PT-PB) ouviu nessa terça-feira (9), em audiência da CPI do Tráfico de Pessoas, da Câmara Federal, o professor adjunto do Centro de Ciências Jurídicas da Universidade Federal da Paraíba (UFPB), Sven Peterker, autor de um estudo sobre o tráfico de pessoas no estado.

Segundo Couto, o professor afirmou que travestis são aliciados no interior da Paraíba e obrigados a fazer cirurgias de forma artesanal e insegura para depois viajarem para a Itália. “Ele registrou 15 vítimas nessa situação e uma morte em decorrência desse procedimento cirúrgico”, acrescentou.

O parlamentar ressaltou que, no que diz respeito aos programas feitos pelos travestis, o docente informou que um travesti faz em média 15 programas por noite, movimentando aproximadamente 1.500 euros diariamente, e que se trabalhar 300 dias por ano totaliza cerca de 250 mil euros. “Peterker explicou que como já são 15 vítimas identificadas, o valor ultrapassaria 6 milhões de euros ano”, completou, salientando que o professor disse acreditar que mais de 30 pessoas já foram levadas à Europa.

Luiz Couto narrou que, no diagnóstico, Peterker constatou que a exploração sexual de crianças e adolescentes, os trabalhos escravo nas fazendas e domésticos são crimes evidentes no estado e que têm relação com o comércio de pessoas, “sendo que a exploração sexual de menores aparece em maior número”.

“No depoimento, o educador destacou que na Justiça da Paraíba não há condenação de processados por tráfico internacional de pessoas, enquanto que no vizinho Estado do Rio Grande do Norte existem, sim, casos de sentença condenatória”, relatou Luiz Couto.

De acordo com o deputado, Peterker aprofundou-se na temática do tráfico de pessoas depois de averiguar que na Paraíba não existia nenhum estudo sobre o assunto. “Ele começou a reunir dados divulgados de reportagens entre 2005 e 2011, sistematizando as formas do tráfico de pessoas, perfil das vitimas e aliciadores e o comportamento da justiça diante dos crimes”.

Após acentuar que o depoimento reforça a existência dessa prática na Paraíba, Luiz Couto, que é vice-presidente da CPI, lamentou o fato de membros da família não perguntam de onde vem o dinheiro. “Muitos não querem nem saber o que seus familiares foram fazer em outros países”.

O parlamentar certificou que fará um requerimento para convidar o promotor de justiça Marinho Mendes, da Paraíba, para prestar depoimento acerca das denúncias de Sven Peterker.

Ascom Dep. Luiz Couto

Foto: Leonardo Prado

FOCANDO A NOTÍCIA chega aos três anos de existência com quase quatro mil acessos por dia

 

O FOCANDO A NOTÍCIA está completando neste sábado (26) três anos de fundação. É uma criança que tem caminhado com passos de adulto. São aproximadamente quatro mil acessos por dia. A sua linha editorial permanece sendo a da imparcialidade. A cor partidária, a da informação com qualidade. Está consolidado entre os mais visitados da Paraíba, batendo inclusive portais e blogs importantes da Capital e de Campina Grande. Com origem em Solânea, seu alcance já ultrapassou até mesmo as fronteiras do estado.

O www.focandoanoticia.com.br foi idealizado pelo jornalista Antônio Balbino, os radialistas Luís Carlos e Edjário Kennedy. Este último, embora não esteja mais na equipe, nos honra por fazer parte da história. Helvis Santos Lima, com a sua formidável inteligência, fez com que o sonho saísse do imaginário e se tornasse realidade. Tanto é que continua sendo o nosso grande webdesigner. Não é à toa que o layout do site recebe constantes elogios.

Numero de visitas na semana

Somos gratos aos patrocinadores que têm colaborado. Estes entenderam que “quem não é visto, não é lembrado”. Infelizmente, muitos ainda não compreenderam que “a propaganda é a alma do negócio” e que, a exemplo do rádio e da TV, o jornalismo online sobrevive de publicidade. Fazer com que as pessoas e seus empreendimentos sejam vistos não só localmente, mas mundialmente é o grande feito da internet.

Obrigado também aos freelancers, esses colaboradores que, de acordo com o Dicionário de Comunicação, presta serviço por conta própria, sem vínculo empregatício, para um ou vários órgãos da imprensa. A todos eles – Luiz Almeida, Fernando Lúcio, Moreira Silva, Nice Almeida, Jandro Gomes, Nelson Almeida e outros que não estão inscritos no Expediente, mas enviam ao FN informações de todos os recantos da Paraíba – nossos sinceros agradecimentos.

Click no link – http://www.otaviosaleitao.com.br/tavinho2/#alexa e confira a posição do FN no ranking dos mais acessados.

Direção do Focando a Notícia

Vital diz que vai investigar existência de fantasmas em seu gabinete no Senado

O senador Vital do Rêgo (PMDB), presidente da CPI do Cachoeira e corregedor do Senado, disse ontem que fará uma investigação no próprio gabinete sobre Maria Eduarda Lucena dos Santos, a funcionária-fantasma do senador que se diz coautora do hit “Ai se Eu te Pego”, cantado por Michel Teló.

Como a Folha revelou, o pai dela diz que usa o cargo da filha para dividir o dinheiro com outros dois colegas jornalistas que fazem assessoria de imprensa de Vital.

Ontem o senador disse que pediu uma sindicância interna no seu gabinete para apurar a frequência de Maria Eduarda, que está lotada no escritório do senador na Paraíba e não bate ponto.

“Eu tomei a providência cabível, abri uma sindicância interna, liguei para o meu gabinete, pedi as providências. Fui informado de que a funcionária presta o serviço regular, e eles estão tomando as providências na Paraíba.”

Segundo ele, em “três ou quatro dias terá o retrato sobre a presença dela. Por enquanto, está tudo absolutamente regular”, disse o senador e corregedor do Senado.

Ontem, integrantes da CPI desistiram de cobrar explicações do presidente da comissão para evitar constrangê-lo no dia do depoimento do empresário Carlos Augusto Ramos, o Carlinhos Cachoeira.

Mas prometem, na reunião de amanhã, pedir que Vital do Rêgo explique a contratação da funcionária.

O senador Randolfe Rodrigues (PSOL-AP) disse que a CPI não podia “demonstrar fragilidade diante do chefe da organização contraventora” e por isso não fez questionamentos ao presidente da CPI.

“É uma questão que precisa de rápida, urgente e inevitável explicação”, disse.

Para o líder do PSDB no Senado, Alvaro Dias (PR), a CPI tem que ouvir as explicações de Vital do Rêgo, mas cabe ao setor administrativo do Senado cobrar providências sobre os funcionários-fantasmas.

  O presidente da Casa, José Sarney (PMDB-AP), disse por meio da assessoria que “cada senador é uma instituição e responde pelos seus atos”.

À Folha Maria Eduarda disse que quem poderia responder sobre suas funções no gabinete era seu pai, Adelson Barbosa. Segundo ele, o senador sugeriu colocar uma pessoa em seu gabinete para receber o dinheiro e dividir com dois colegas jornalistas.

Ontem, o senador disse que “acha que ele [Adelson] informou equivocadamente”.

Da Redação com Folha