Arquivo da tag: Ex-Prefeito

Ex-prefeito e mais três pessoas ficam feridas em capotamento no Brejo da PB

O ex-prefeito de Lagoa Seca, José Tadeu de Araújo, de 50 anos, sofreu um acidente na estrada que liga Remígio a Areia, no Brejo paraibano, na noite desse domingo (20).

O prefeito e outras três pessoas foram socorridas e encaminhadas para o Hospital de Emergência e Trauma de Campina Grande.

De acordo com a assessoria do hospital, o prefeito e Josilene Barros Araújo Barbosa, de 51 anos, já receberam alta. Josicleide Barros Araújo Barbosa, de 48 anos, está em observação na área verde e o estado de saúde é estável a quarta vítima, Ana Lívia Barros de Araújo, de 19 anos, está internada na enfermaria, também estável.

Ainda não há informações a respeito do que teria causado o acidente. Porém, a caminhonete ficou parcialmente destruída com a violência do impacto.

paraiba.com.br

 

 

Luto: aos 85 anos, morre o médico e ex-prefeito de Mulungu, Geraldo Camilo

O único mal irremediável, prescrito por Ariano Suassuna, atingiu o médico Geraldo Camilo, aos 85 anos, nesta quarta-feira (28). A morte silenciou a voz, escondeu o sorriso, aquietou a bravura e amortizou o poço de cultura de Geraldo Camilo. A matéria foi vencida pelo desgaste temporal inerente aos humanos, mas a sua elegância de comportamento o manterá vivo e impregnado por onde passou e exalou sua experiência e sabedoria.

Ao lado dos familiares, como sempre pediu, faleceu em sua casa na capital paraibana. Por vezes expressou: “ninguém merece morrer no gelo de uma UTI, quero morrer em casa ao lado dos meus”. E completava: “nascer e morrer são dois fenômenos naturais. Não tenho medo da morte, tenho medo de não morrer, deve ser horrível. Em determinada altura da vida devemos sair de cena para que outros também brilhem”.

Em 1963, o jovem Geraldo Camilo chegava à Guarabira para colocar em prática o que tinha aprendido na faculdade de medicina. Foi visionário e fundou a Casa de Saúde e Maternidade Nossa Senhora da Luz, na qual milhares de crianças nasceram ao longo de décadas. Ao encerrar as atividades da Maternidade Senhora da Luz rejeitou a aposentadoria de fato, ao afirmar: “quando jovem planejei aposentar-me, mas quando chegou o tempo, vi que não era o que eu pensava. Devemos nos aposentar somente na carteira de trabalho, na prática, não devemos abandonar nossas atividades, nos prejudica em todos os sentidos”. Com essa visão, passou a cuidar mais da Rádio Cultura de Guarabira – onde detinha 40% das ações, e passou a atender no Centro de Atenção Psicossocial (CAPS) de Guarabira, depois de se especializar em Psiquiatria. Explicava sua repulsa ao comodismo citando o escritor português Fernando Pessoa – a quem chamava de amigo Fernandinho -: “há um tempo em que é preciso abandonar as roupas usadas, que já tem a forma do nosso corpo, e esquecer os nossos caminhos, que nos levam sempre aos mesmos lugares. É o tempo da travessia: e, se não ousarmos fazê-la, teremos ficado, para sempre, à margem de nós mesmos”.

Viciado confesso em livros, Dr Geraldo Camilo era dono de uma oratória invejável. Por sua habilidade, o programa radiofônico mantido por ele na Rádio Cultura, às 11 horas das sextas-feiras, lhe garantia uma legião de ouvintes e admiradores. Por longos anos, o programa foi líder de audiência no horário em Guarabira.

Entre as inúmeras intervenções sociais, dirigiu a UNIMED em Guarabira e foi prefeito de Mulungu (PB). São inúmeros os relatos de sua ação humanitária em favor dos habitantes de Guarabira e região. Gestantes, crianças, idosos, abastados ou desprovidos, foram muitos os socorridos pelas mãos de Geraldo Camilo.

Mas a sua escola foi estendida. Formou uma família de médicos entre filhas, genros e netos. “Minha família é uma verdadeira inflação de médicos”, brincava Dr Geraldo. Um belíssimo capítulo da história de Guarabira está reservado ao seu nome.

O corpo será cremado, conforme desejo dele.

 Rafael San – ManchetePB

 

 

TRF condena e deixa inelegível ex-prefeito de Cacimba de Dentro

O Tribunal Regional Federal da 5ª Região em Recife/PE, condenou o ex-prefeito de Cacimba de Dentro, Edmilson Gomes de Souza e a sua irmã, Mônica Lúcia Gomes de Souza, que à época dos fatos era Secretária Administração, por crime de responsabilidade, por terem aplicado indevidamente verbas públicas federais.

O julgamento do processo 0000487-63.2013.4.05.8204 ocorreu no dia 06 de agosto de 2020 pelo Tribunal Federal, que pela unanimidade dos Desembargadores Federais, julgou improcedente o recurso do ex-gestor e sua irmã, mantendo a condenação imposta pela Justiça Federal de Guarabira, que imputou aos condenados a pena de 03 (três) meses de detenção em regime aberto.

Com condenação o ex-prefeito que lançou sua pré-candidatura à prefeitura de Cacimba de Dentro deve ficar fora do páreo, por inelegibilidade de acordo com a Lei da Ficha Limpa pelo prazo de 08 (oito) anos.

 

Ex-prefeito de Duas Estradas, na Paraíba, é solto depois de colocar tornozeleira eletrônica

O ex-prefeito de Duas Estradas, Roberto Carlos Nunes, foi solto nesta segunda-feira (3), quatro dias depois de ser preso por decisão da Justiça Federal. Isso porque a juíza Flávia Fernanda Aguiar Silvestre, responsável pela execução de cumprimento de pena, decidiu colocá-lo em regime aberto, exigindo no entanto como contrapartida o uso de tornozeleira eletrônica.

O advogado criminalista Diego Cazé, que defende o ex-prefeito, disse que se trata sem dúvida alguma “de uma vitória”, visto que na opinião dele o seu cliente não deveria ter sido preso, mas deixou claro que vai recorrer da obrigatoriedade do uso da tornozeleira. “A acusação de que existiriam quatro assinaturas falsificadas no cumprimento de serviço comunitário precisa antes ser comprovada com transito em julgado, e já na sexta-feira (31) passada a defesa interpôs um recurso de apelação ao Tribunal Regional Federal”, pontuou.

Defesa de ex-prefeito questiona o uso da tornozeleira eletrônica — Foto: Reprodução/RPC

Defesa de ex-prefeito questiona o uso da tornozeleira eletrônica — Foto: Reprodução/RPC

As assinaturas a que se refere o advogado é de uma é de uma folha de registro de ponto. Roberto Carlos tinha sido condenado anteriormente sob a acusação de improbidade administrativa, mas conseguiu reverter sua pena para prestação de serviços comunitários na Escola Maria Dutra.

A pena já foi cumprida, mas o Ministério Público Federal (MPF) alegou que quatro assinaturas do ex-prefeito registrando sua presença no trabalho não foram feitas de próprio punho, o que se configuraria nos crimes de falsidade material de documento e falsidade ideológica.

G1

 

Ex-prefeito de Duas Estradas é preso por “fingir” prestação de serviços

Foi preso na tarde desta quinta-feira (30) o ex-prefeito de Duas Estradas (PB), Roberto Carlos, em cumprimento a mandado de prisão expedido pela 12ª Vara da Justiça Federal, após pedido do Ministério Público Federal (MPF) em Guarabira. A prisão, efetuada por policiais federais, ocorreu em João Pessoa.

O ex-prefeito já cumpria pena restritiva de direitos com prestação de serviços à comunidade, mas falsificou os comprovantes da pena de prestação de serviços, razão pela qual foi denunciado pelo Ministério Público Federal que pediu à Justiça a conversão da pena anterior em privativa de liberdade.

A Justiça Federal deferiu os pedidos do MPF e condenou o ex-prefeito a sete anos, oito meses e 15 dias de reclusão (em regime fechado) e 336 dias-multa, cada um no valor de 1/10 do salário-mínimo vigente ao tempo do fato delituoso, pelos crimes de falsidade material de documento (artigo 297 do Código Penal), falsidade ideológica (artigo 299 do Código Penal).

A Justiça também determinou a conversão da pena anterior em prisão e o respectivo cumprimento em regime fechado.

O ex-prefeito Roberto Carlos já havia sido condenado nos processos criminais: 0008480-05.2011.4.05.0000, 0800549-31.2017.4.05.8204 e 0805482-13.2018.4.05.8204.

Execução Penal n.  000203-50.2016.4.05.8204

Ação Penal nº 0800229-10.2019.4.05.8204

Confira a íntegra das sentenças de condenação e reconversão de pena do ex-prefeito de Duas Estradas.

 

pbagora

 

 

Ex-prefeito de Cacimba de Dentro, Edimilson Gomes sofre AVC

Após sentir fortes dores de cabeça e tontura, o ex-prefeito do município de Cacimba de Dentro, Edimilson Gomes de Souza, precisou fazer um procedimento cirúrgico em João Pessoa.  De acordo com informações, ele teria sofrido um AVC (acidente vascular cerebral). Segundo informações de familiares, o estado de saúde do médico Edimilson Gomes é estável, está consciente, evoluindo bem o seu quadro clínico.

Edimilson Gomes governou Cacimba de Dentro por cinco mandatos. É a maior liderança política do município.

Após saber do problema de saúde do ex-prefeito Edimilson Gomes, a população cacimbense e amigos postam nas redes sociais mensagens de solidariedade desejando boa recuperação.

Fonte: Balbino Silva/MIDIA PARAIBA

 

 

Covid-19 mata o ex-deputado e ex-prefeito de Patos Dinaldo Wanderley

A cidade de Patos amanheceu neste domingo (24) com uma triste notícia.  faleceu por volta das 6h10min , no Hospital Nossa Senhora das Neves, em João Pessoa, o ex-prefeito de Patos Dinaldo Wanderley, de 69 anos. Dinaldo estava internado há vários dias com suspeita de coronavírus.

O ex-prefeito de Patos Dinaldo Wanderley voltou a ser intubado na noite desta sexta-feira (22), no Hospital Nossa Senhora das Neves, em João Pessoa. Dinaldo tinha apresentado uma melhora na última quarta-feira (20) e receberia alta da UTI, porém voltou a ficar cansado.

Além de prefeito de Patos por dois mandatos (de 1997 a 2004), ele também foi deputado estadual. Antes de ser político, era um bem sucedido comerciante e foi jogador de futebol quando jovem, atuando pelo Nacional de Patos.

 

pbagora

 

 

Morre ex-prefeito de Borborema

A cidade de Borborema, no Brejo paraibano está de luto. Morreu na noite dessa sexta-feira (6), o ex-prefeito José Florêncio de Lima. Ele governou o município de Borborema de 1977 a 1983. Em 1988, Zé Lima, como era conhecido pelos borboremenses disputou à prefeitura contra Silva Maria, que venceu à eleição por apenas 45 votos de maioria.

Homem digno e respeitado pela população de Borborema e da região, ele fez uma administração que teve a aprovação dos seus conterrâneos.

O ex-prefeito de Borborema, Zé Lima é pai do vereador Massário e do ex-vereador Mazureik, e sogro do ex-prefeito de Pilões, Félix Cunha ( Coca).

O sepultamento do ex-prefeito de Borborema, Ze Lima, deve ocorrer na tarde deste sábado (7) no cemitério local.

 

midiaparaiba

 

 

Dona Inês/PB: ex-prefeito e vereadores solicitam asfaltamento das principais ruas da cidade

O ex-prefeito da cidade de Dona Inês/PB, Antônio Justino, o vereador Damásio Berto e os presidentes de assentamentos, Ceará do assentamento Sítio, Valdomiro do assentamento Zé Paz II e Toinho do assentamento Várzea Grande discutiram nesta quinta-feira (30) investimentos na infraestrutura e agricultura do município em reunião com o Dep. Efraim Filho (DEM) e o secretário estadual de pesca e agricultura, Efraim Morais.

Durante a reunião, o ex-prefeito Antônio Justino entregou ao Dep. Efraim Filho, aliado do governador, ofício assinado pelos vereadores Edimilson Alves, Edimilson Rocha, Ivonaldo Rodrigues e Damásio Berto solicitando a pavimentação asfáltica das Ruas Major Augusto Bezerra, Manoel Pedro, Presidente João Pessoa e José Hermínio de Araújo, assim como também o asfaltamento da rodovia que liga Dona Inês a Bananeiras. O documento foi entregue ao governador pelo Deputado Efraim Filho (DEM).

Na mesma reunião, o secretário Efraim Morais assegurou aos presidentes dos assentamentos atender as demandas apresentadas por eles em melhorias para suas comunidades. Os presidentes acompanhados do ex prefeito, secretário de estado Efraim Morais e vereador Damásio Berto também foram ao INCRA apresentar outras demandas.

“A rodovia que liga nossa cidade a Bananeiras e as principais ruas asfaltadas iram melhorar   o tráfego e o dia a dia do nosso povo, trazendo também uma maior valorização das propriedades e do comércio. Como líder político e ex prefeito tenho como meta essencial ser um representante da população e ajudar no desenvolvimento da cidade no que estiver ao meu alcance. Confio no esforço do meu amigo Deputado Efraim Filho e na boa vontade do governador, crendo que nosso pedido será atendido”, afirmou Antônio Justino.

O vereador Damásio Berto que também participou da reunião, representando os demais vereadores, disse que “esse pedido sendo atendido será sem dúvidas uma grande melhoria para o bem do nosso povo, trazendo desenvolvimento e prosperidade para todos os munícipes.”.

Assessoria

 

 

Ex-prefeito de Belém se envolve em acidente e motociclista fica ferido

Uma colisão entre uma motocicleta e um carro deixou uma pessoa ferida na manhã dessa terça-feira (03) na rodovia PB 073, trecho que liga as cidades de Belém à Pirpirituba por volta das 11h30.

De acordo com informações do site Portal do Brejo, o motorista do veículo estaria entrando em uma estrada que dá acesso ao sítio Serraria, zona rural do município de Belém, quando a colisão com uma moto que seguia em sentido oposto aconteceu.

Com impacto, o motociclista teve fraturas em uma das pernas e foi socorrido por uma unidade do Serviço de Atendimento Móvel e Urgência (Samu) para o Hospital de Emergência e Trauma, na capital paraibana.

O motorista do veículo, o ex-prefeito de Belém, Roberto Flávio, ficou no local e prestou socorro à vítima, que foi identificado como Tassiliano Carlos Marques.

Em entrevista ao repórter Henrique Filho, Roberto afirmou estar abalado e que se mantém à disposição da família. “ Foi uma fatalidade, não poderia imaginar passar por esta situação e nem fazer um amigo nosso vivenciar uma situação desta. Estou à disposição da família para ajudar no quer for necessário”, disse.

O ex-prefeito chegou a passar mal no local e foi encaminhado para o Hospital Distrital de Belém.

Do Blog do Felipe Silva