Arquivo da tag: Estelionatários

Políticos são alvos de golpes praticados por estelionatários na Paraíba, alerta TCE

O Tribunal de Contas da Paraíba (TCE-PB) divulgou, nesta sexta-feira (28), nota pública alertando para casos de golpe contra prefeito, vereadores, assessores e gestores públicos no estado.

De acordo com o órgão, os criminosos estariam utilizando o nome da Corte para aplicar os golpes e entrando em contato com as vítimas solicitando o retorno da ligação para o telefone (83) 99359-4396.

Na nota, a presidência da Corte informa que o órgão não faz comunicação com seus jurisdicionados por telefones privados ou particulares e utiliza-se dos meios oficiais para o encaminhamento de correspondências. Os contatos por telefones são feitos pelos números institucionais.

/paraiba.com.br

 

 

Estelionatários são presos quando tentavam sacar dinheiro na agência do Bradesco de Belém-PB

Três criminosos foram presos na tarde desta quarta-feira(7), na cidade de Belém-PB, tentando aplicar golpes em correntistas da agência do banco Bradesco daquela cidade. Sandro dos Santos Nunes, 35 anos, Cristiano Machado Pablo Freire Pereira, 30 anos e José Fernando Guimarães Rodrigo, 50 anos, são da cidade de Campina Grande, e fazem parte de uma quadrilha.

CURTA o FOCANDO A NOTÍCIA no Facebook

De acordo com as informações do tenente PM Andrey, a Guarnição da ROTAM e Rádio Patrulha de Belém foram responsaveis pelas prisões. O trio foi levado para Delegacia da cidade, e lá confessaram que iam sacar 30 mil reais.

Com eles a PM encontrou cerca de 7 mil reais já sacados e documentos falsos. (imagem João Moura)
Com eles a PM encontrou cerca de 7 mil reais já sacados e documentos falsos. (imagem João Moura)
por Michele Marques

Estelionatários cearenses são presos aplicando golpes em agências bancárias na Paraíba

Folha do Sertão
Folha do Sertão

Três homens foram presos, entre eles um idoso, aplicando o golpe do empréstimo consignado em um banco privado da cidade de Cajazeiras, Sertão paraibano. Segundo informações do 6º BPM, os acusados integram uma quadrilha de estelionatários do estado do Ceará. O flagrante ocorreu nesta segunda-feira (15).

De acordo com o capitão José Josélio, do 6º BPM, o serviço de inteligência vinha monitorando a ação da quadrilha após uma denúncia anônima informando sobre a prática de estelionato na cidade.

CURTA o FOCANDO A NOTÍCIA no Facebook

“Há cerca de uma semana começamos a investigar e, nesta segunda (15), ficamos sabendo que três homens estavam na cidade para sacar a quantia de R$ 7.500 de um empréstimo consignado feito com documentos falsos. O gerente da agência desconfiou e acionou a polícia”, revelou o capitão Josélio.

Foram presos em flagrante o aposentado Luciano Oliveira Canito, 70 anos, que realizou o empréstimo com o documento falso em nome de Orlando Alves de Medeiros, o cearense José Eudes dos Santos Fortela Júnior, 33 anos, que já foi preso por estelionato em Fortaleza. No carro de José Eudes os policiais documentos falsificados. Luiz Silva Lima, 40 anos, também integrava o grupo.

“O Luciano Oliveira estava dentro da agência para retirar o dinheiro. Os outros dois ficaram do lado de fora do banco esperando o comparsa realizar o saque. Eles vinham aplicando golpes nos correspondentes bancários em Cajazeiras”, disse o policial militar.

O trio foi encaminhado para a Delegacia Regional de Cajazeiras. Segundo capitão José Josélio, os estelionatários serão transferidos para o presídio da cidade.

 

 

Por Hyldo Pereira

Petista de João Pessoa ataca e chama Rodrigo Soares e Cartaxo de estelionatários

O petista Francisco Linhares, secretário de Turismo de João Pessoa, partiu para o ataque contra o presidente estadual do Partido dos Trabalhadores, Rodrigo Soares, e do pré-candidato a pré-candidato a prefeito da Capital, deputado estadual Luciano cartaxo (PT) na terça-feira (22). Linhares chamou ‘os companheiros’ de mentirosos e afirmou que Cartaxo e Soares praticam um “estelionato político”.
A revolta de Linhares veio após o PT de Patos optar por aliança com o PMDB, que tem como pré-candidata a prefeita na cidade a deputada estadual Francisca Mota (PMDB). “Essa decisão de Patos é mais uma que a direção estadual tem patrcinado, o deputado Luciano Cartaxo, Rodrigo Soares e companhia”, afirmou o petista que defendia uma aliança do PT com a candidatura governista em João pessoa.
“Juravam de pé juntos que iriam lançar uma candidatura própria em João Pesssoa, Campina Grande, Bayeux e Patos”, disse Linhares, afirmando que apenas em João Pessoa o discurso foi posto em prática pelos que defendem a candidatura de Cartaxo.
“Um verdadeiro estelionato político cometido por esses companheiros. Esse tipo de procedimento é tratar a política da pior forma possível. É reforçar a ideia que a política é o jogo dos mais espertos, dos mais sabidos”, disse.
Francisco Linhares disse que nas demais cidades, onde o partido tem optado por aliança, não estão obdecendo as regras partidárias, diferente, segundo ele, do que foi proposto na Capital, guando os defensores de aliança com o PSB seguiram os prazos.
Ele ainda aproveitou para detonar a pré-candidatura de Cartaxo. “Uma candidatura que depois de ganhar as convenções calou-se e ainda não mostrou para que veio”.
Linhares anunciou que esta semana o Diretório Municipal do PT vai se reunir e tentar reverter a decisão por candidatura própria e que aliados do PSB vão procurar o ex-presidente Lula e o governador de Pernambuco, Eduardo Campos, presidente nacional do PSB, para dialogar sobra a aliança dos dois partidos em João Pessoa.

Redação com Mais PB

Estelionatários usam web para aplicar golpes no interior da Paraíba

Eles são conhecidos pela eloquência, charme, boa aparência e capacidade de conquistar sua confiança em poucos minutos de conversa. Somente este ano, vários tipos de golpes praticados por estelionatários vêm sendo investigados pelas polícias Civil e Federal no interior da Paraíba. Pelo menos cinco modalidades são as mais praticadas pelos golpistas.

A facilidade com que conseguem ludibriar suas vítimas torna este tipo de crime de difícil investigação. A oficial de justiça Higina Camilla Lourenço de Oliveira, 27 anos, comprou há dois anos uma câmera digital profissional pela internet. Até hoje, nunca viu o produto, não teve restituição do dinheiro nem houve resolução do crime. “A diferença seria de quase R$ 500 em relação ao comércio. Eles chegaram até a ligar depois que imprimimos o boleto, querendo saber se efetuamos o pagamento. Depois que não recebemos, o site saiu do ar e percebemos o golpe”, disse.

Quase um ano à frente da Delegacia de Defraudações da Polícia Civil de Campina Grande, a delegada Renata Dias afirmou que as compras na internet são o tipo de golpe mais comum registrado.

“As vítimas fazem compras na internet e não recebem os produtos, depois os sites não existem mais e se percebe que foi um golpe”, relatou.

Segundo a delegada, atestados médicos falsos também são alvo de investigação, além de uso de cartões de crédito em nome de terceiros, empréstimos consignados em nome de pessoas que não solicitaram e falsificação de documentos como certidão de nascimento e Registro Geral.

De acordo com o especialista em segurança e pesquisador criminal Jorge Lordello, “a arma do estelionatário é a desatenção das vítimas. Jamais fechar negócios por telefone, procurar saber a idoneidade da empresa com a qual se tenta fechar qualquer tipo de contrato e desconfiar de ‘ofertas’ ou ‘vantagens’ excepcionais, é sempre importante”, afirma o estudioso.

Taiguara Rangel 

Afonte é Notícia