Arquivo da tag: esboço

Jornal publica esboço de ordem feito por promotor para prender Cristina Kirchner

cristina-kirchnerUma nova denúncia tumultua ainda mais a já complicada investigação da morte do procurador Alberto Nisman, responsável por apurar o caso do ataque terrorista à associação judaica AMIA, em 1994.

O jornal “Clarín” afirmou no domingo (1º) que no apartamento de Nisman foram encontrados no lixo rascunhos de uma ordem de prisão contra a presidente Cristina Kirchner. A promotora encarregada da causa da morte Nisman, Viviana Fein, negou a existência desse material em um comunicado divulgado pelo Ministério Público. O chefe de gabinete da presidência, Jorge Capitanich, foi ainda mais longe e, além de desmentir a reportagem do “Clarín” rasgou páginas do jornal numa coletiva de imprensa nesta segunda-feira, classificando a notícia como “lixo”.

CURTA o FOCANDO A NOTÍCIA no Facebook

Então, nesta terça, o “Clarín” publicou fotocópias do rascunho do pedido de prisão, desmentindo Capitanich e Fein. A procuradora reconheceu que houve “um erro”, admitindo que esses papéis existem e que eles são parte de sua investigação. Ela também declarou que não recebe pressão do poder Executivo durante a apuração. “Foi um erro de interpretação”, justificou. Fein alegou que ditou a nota desmentindo o “Clarín” por telefone à sua assessoria de imprensa e que houve um “erro de terminologia, de interpretação”.

Já Capitanich voltou a dizer publicamente que a denúncia do “Clarín” é “lixo puro e sistemático”.

Atentados
Os atentados na Argentina contra a embaixada de Israel – ocorrido em 1992 e que deixou 29 mortos – e a associação judia AMIA – de 1994, com 85 mortos – continuam sem esclarecimento e o caso se complicou com a morte do promotor encarregado, Alberto Nisman.

A morte de Nisman aconteceu no mesmo dia em que ele deveria comparecer ao Congresso para explicar sua denúncia contra a presidente Cristina Kirchner, a quem acusou de acobertar participação do Irã no caso relacionado com a AMIA.

Nesse contexto, o pedido de prisão contra a presidente, achado no lixo, pode ser visto como um indício de que ele estava sob pressão antes de ser assassinado, já que, se realmente entrasse com essa solicitação, deixaria a líder do país vizinho numa situação muito difícil.

O procurador argentino Alberto Nisman, que denunciou a presidente Cristina Kirchner de acobertar o envolvimento de terroristas iranianos em atentado a centro judaico em 1994. (Foto: Reuters/Marcos Brindicci/File)O procurador argentino Alberto Nisman, que denunciou a presidente Cristina Kirchner de acobertar o envolvimento de terroristas iranianos em atentado a centro judaico em 1994. (Foto: Reuters/Marcos Brindicci/File)

G1