Arquivo da tag: DER

DER conclui renovação da rodovia que liga Sapé à Guarabira

O Governo do Estado estará concluindo em 20 dias o rejuvenescimento e sinalização da PB-073, trecho ligando Sapé a Guarabira, com 42 km de extensão, com investimento R$ 3.177.202,42. Mais da metade da obra já foi concluída.

O rejuvenescimento da PB-073, principal rodovia do Brejo Paraibano, faz parte do programa rodoviário Caminhos da Paraíba, posto em prática pelo Governo visando não somente pavimentar, mas também restaurar as rodovias que se encontram danificadas.

Nesta sexta-feira (21) ao inspecionar as obras da PB-073, o superintendente do Departamento de Estradas de Rodagem da Paraíba, Carlos Pereira de Carvalho e Silva, disse que o rejuvenescimento, um dos mais modernos processo de recuperação de rodovias, é feito em duas etapas: a primeira ocorre com o tapa-buracos de todo o trecho e a segunda com a aplicação de duas camadas de microconcreto asfáltico com adição de polímeros. Uma camada com 7 e outra com 8 milímetros.

Concluída esta etapa e após ser feita uma revisão no sistema de drenagem com limpeza de sarjetas e desobstrução de drenos, será procedida a sinalização de todo o trecho. Para o dirigente do DER, bem conservado, o pavimento rejuvenescido terá vida útil em torno de 10 anos.

Após o serviço de tapa-buraco, o rejuvenescimento é aplicado a uma velocidade média de 3 km por dia, nas duas faixas. A liberação para o tráfego de veículos acontece com até 40 minutos após a aplicação.

Além da PB-073, o governo estadual está fazendo rejuvenescimento da PB-032 – entroncamento da BR-101/Pedras de Fogo, com 22 km e investimento de R$ 1.664.248,89; na PB-071 – entroncamento da BR-101/Jacaraú, com 25 km e investimento de R$ 1.891.191,92; na PB-233 – Santa Luzia/Cárzea/Divisa da Paraíba com o Rio Grande do Norte.

Já foram concluídos os rejuvenescimentos das PB-250 – entroncamento da BR-412/Prata/Ouro Velho/Divisa da Paraíba com Pernambuco e da PB-008 (Av. Hilton Souto Maior/Muçumago).

Com Ascom

Governo do Estado entrega equipamentos pesados ao DER nesta segunda-feira

Um lote de equipamentos pesados destinados às atividades de construção e manutenção da malha viária estadual será entregue pelo Governo do Estado nesta segunda-feira (7), às 10h, em frente do Palácio da Redenção, em João Pessoa, ao Departamento de Estradas de Rodagem (DER). Serão entregues pelo governador Ricardo Coutinho oito motoniveladoras, oito retroescavadeiras, quatro tratores de pneus equipados com roçadeiras articuladas, 16 caminhões basculantes, cinco veículos destinados à fiscalização do transporte e do trânsito na área de jurisdição rodoviária estadual e quatro veículos para trabalho de apoio técnico dos servidores do DER.

O Governo do Estado investiu R$ 9.522.244,00 na aquisição dos equipamentos por concorrência pública internacional, realizada no ano passado. Na concorrência, foi priorizada a manutenção preventiva e corretiva de todo o equipamento, objetivando uma redução significativa de custos e, na ocorrência de alguma pane, proporcionar maior rapidez na recuperação.

Todas as máquinas e caminhões terão um ano de garantia. O DER, no entanto, está mantendo entendimentos com os fabricantes para ampliar a garantia para três anos.

O edital também exigiu a realização de cursos de capacitação e treinamento, teórico e prático, para engenheiros mecânicos, mecânicos, operadores de máquinas pesadas e motoristas de caminhões. O curso começa nesta segunda-feira e vai até dia 19 deste mês, em João Pessoa e Campina Grande.

As motoniveladoras e os demais equipamentos pesados terão como principais tarefas o melhoramento das rodovias não pavimentadas, que hoje representam 2.500 quilômetros da malha estadual. Cada Residência Rodoviária do DER receberá parte do equipamento para a realização de suas tarefas diárias. As novas máquinas se juntarão à frota já existente, que tem em média 25 anos de uso.

Da Secom-PB

Abandono: população de Remígio denuncia descaso do DER


Os Moradores do município de Remígio, a 137 km de João Pessoa, estão denunciando o descaso do Departamento de Estradas e Rodagens –D.E.R. com o trevo da entrada da cidade, rodovia PB-105, onde praticamente não existe mais asfalto e vários buracos dificultam a passagem dos veículos que utilizam esta via de acesso, principal meio de ligação entre o brejo e curimataú a Campina Grande, maior centro econômico da região.

A prefeitura da cidade já enviou um ofício à chefia regional de Solânea desde o dia 04 de abril do corrente ano, mas até o presente momento nenhuma providencia foi tomada. São constantes as reclamações dos motoristas nas emissoras de rádio da região devido ao grande fluxo de carros e motos que passam diariamente pelo local, sendo que muitos deles estouram pneus e amortecedores além dos constantes acidentes registrados, inclusive com vítimas fatais. Este é um verdadeiro desrespeito aos proprietários que pagam altas taxas quando na hora de regularizar seus carros e motos.

De acordo com Edenize Matheus, chefe de gabinete de Remígio, até o Poder Judiciário tem cobrado da prefeitura que peça ao DER uma solução para o problema. Curiosamente a cerca de um mês o DER fez uma operação “tapa buraco” na PB-079, trecho que liga Remígio a Areia, mas deixou o trecho mais crítico, o trevo, abandonado. Edenize complementou afirmando que este é o momento correto para a execução da obra, visto que o período junino na região é sempre marcado por chuvas e a mais de um ano aguardasse uma providencia, mas até agora nada. “Estamos pagando um preço muito caro, a Praça Joaquim Cavacanti de Moraes, ao lado do trevo, foi praticamente destruída, as pessoas culpam o executivo municipal e não o D.E.R.”, disse a chefe de gabinete.

Contactada pela reportagem do remigioemnoticia.blogspot.com.br na manhã de hoje, a direção estadual do D.E.R. através do Departamento de manutenção disse que o diretor Antonio Fleming Martins Cabral estava em viagem oficial acompanhando o governador Ricardo Coutinho e quem atendeu a solicitação foi o  Divisão de Conservação e Melhoramento – DCM Josenaldo Belmont, ele informou que não há previsão para início das obras já que o governo está preparando o processo de licitação para uma nova operação “tapa buracos”.

 

Crédito das Fotos: Secretaria de Comunicação

SECOMEV REMÍGIO

População de Remígio denuncia descaso do DER; trevo na entrada da cidade está caótico

 

Os Moradores do município de Remígio, a 137 km de João Pessoa, estão denunciando o descaso do Departamento de Estradas e Rodagens –D.E.R. com o trevo da entrada da cidade, rodovia PB-105, onde praticamente não existe mais asfalto e vários buracos dificultam a passagem dos veículos que utilizam esta via de acesso, principal meio de ligação entre o brejo e curimataú a Campina Grande, maior centro econômico da região.

A prefeitura da cidade já enviou um ofício à chefia regional de Solânea desde o dia 04 de abril do corrente ano, mas até o presente momento nenhuma providencia foi tomada. São constantes as reclamações dos motoristas nas emissoras de rádio da região devido ao grande fluxo de carros e motos que passam diariamente pelo local, sendo que muitos deles estouram pneus e amortecedores além dos constantes acidentes registrados, inclusive com vítimas fatais.

De acordo com Edenize Matheus, chefe de gabinete de Remígio, até o Poder Judiciário tem cobrado da prefeitura que peça ao DER uma solução para o problema. Curiosamente a cerca de um mês o DER fez uma operação “tapa buraco” na PB-079, trecho que liga Remígio a Areia, mas deixou o trecho mais critico, no caso o do trevo abandonado.

Fotos:Secom – Remígio


Secom de Remígio para o Focando a Notícia