Arquivo da tag: Coreia do Norte

Após promessa de resposta de Obama, Coreia do Norte fica sem internet

entrevistaSe pudermos atribuir os ataques virtuais aos estúdios Sony, que vazaram dezenas de milhares de e-mails, filmes e projetos e da empresa na internet, à Coreia do Norte, podemos falar agora que o feitiço acabou de ser virado contra o feiticeiro. O país liderado por Kim Jong-Un está totalmente sem acesso à rede mundial de computadores desde o começo da tarde desta segunda-feira 22, de acordo com o site do jornal “The New York Times”, após um fim de semana de conexão instável.

CURTA o FOCANDO A NOTÍCIA no Facebook

Não há confirmação das causas, mas o problema acontece três dias após o discurso em que o presidente dos EUA, Barack Obama, prometeu uma “resposta proporcional” aos ataques à Sony, que o governo americano afirma ser de responsabilidade dos norte-coreanos.

“As redes deles estão presas”, disse o diretor da companhia de performance digital Dyn Research, Doug Madory, que afirma que o problema atual é consistente com um ataque DDos em seus roteadores, uma estratégia adotada por hackers no qual os servidores sofrem milhares de acessos em pouco tempo, entrando em colapso por causa da demanda. Segundo ele, a rede norte-coreana ficou instável já noite de sexta-feira 19 e piorou ao longo do fim de semana.

O país tem pouca presença na internet, realizando poucas atividads comerciais ou governamentais. A Coreia do Norte tem oficialmente apenas 1.024 endereços de sites, mas o “NYT” afirma que o número pode ser maior. Os EUA por exemplo têm bilhões de endereços.

Istoé

Estados Unidos posicionam navio de guerra perto da Coreia do Norte

Foto: AP
Foto: AP

Os Estados Unidos ordenaram nesta segunda-feira o deslocamento de um destroyer com capacidade para interceptar e destruir mísseis após as ameaças da Coreia do Norte. Trata-se da embarcação USS Fitzgerald, equipada com um sistema de defesa contra mísseis balísticos, de acordo com fontes da NBC.

A embarcação USS Fitzgerald é um dos 15 destroyers com capacidade para interceptar mísseis que os Estados Unidos usam para controlar as ameaças globais. O navio chegou ao Japão em outubro de 2004 para se juntar à 7ª Frota dos EUA.

 

CURTA o FOCANDO A NOTÍCIA no Facebook

No entanto, as mesmas fontes insistiram que não há nenhum indício de que a Coreia do Norte esteja a ponto de realizar um lançamento de míssil. Mais cedo, a Casa Branca e o Departamento de Estado informaram a mesma coisa.

 

Além disso, de acordo com a rede CNN, os Estados Unidos também iniciaram o deslocamento da plataforma naval SBX-1, que conta com um radar, para vigiar possíveis movimentos militares norte-coreanos.

 

Aviões de combate F-22 também já foram enviados para a Coreia do Sul, onde os dois países realizam manobras militares. Funcionários do Departamento de Defesa dos EUA informaram ao jornal The Wall Street Journal do envio dos aviões, que voaram do Japão até a base aérea de Osam, na Coreia do Sul, para se unir aos exercícios conjuntos que já estavam sendo realizados.

Estes movimentos acontecem em um momento de escalada da tensão entre os Estados Unidos e a Coreia do Norte. O líder norte-coreano, Kim Jong-un, declarou que o país se encontra em “estado de guerra” com o sul.

 

O porta-voz da Casa Branca, Jay Carney, reiterou hoje que os Estados Unidos estão levando muito “a serio” as “provocações” da Coreia do Norte, mas garantiu que Washington ainda não detectou por enquanto “ações que demonstrem a retórica” hostil de Pyongyang.

 

A atual crise política e militar na península coreana se remete ao dia 7 de março, quando a ONU impôs novas sanções à Coreia do Norte, que reagiu com duras ameaças a Seul e Washington.

 

A porta-voz do Departamento de Estado dos EUA, Victoria Nuland, reagiu à declaração de “estado de guerra” e a considerou como “um novo passo retórico”, mas destacou que Washington se mantém “vigilante” para ver como esse discurso se traduz no terreno.

 

Com informações das agências internacionais.

 

Terra