Arquivo da tag: conteúdos

Emissoras de rádio e TV estão proibidas de exibir conteúdos com alusão ou críticas a candidatos

Começou nesta quinta-feira (17) o período para que emissoras de rádio e televisão passem a observar as restrições ao conteúdo que transmitem sobre candidatos, partidos políticos e coligações. A medida, que deverá ser adotada até o dia 29 de novembro, também impede qualquer revelação de posição política de eleitores.

As restrições estão previstas na Lei das Eleições (9.504/1997) e fazem parte do calendário eleitoral 2020. Casos as regras não sejam cumpridas, é possível que haja cassação do registro da candidatura, ou do diploma de eleito, por uso indevido dos meios de comunicação.

Enquanto durar o período eleitoral, as emissoras de rádio e TV vão poder organizar debates políticos ou citar candidatos, partidos ou coligações em programas jornalísticos. No entanto, não é permitida a exibição de qualquer conteúdo que mencione ou favoreça determinado político ou partido, por exemplo.

Até a data do segundo turno das eleições, as emissoras de rádio e televisão não podem mais exibir imagens de realização de pesquisa ou consulta eleitoral em que seja possível identificar o entrevistado, ou que haja algum tipo de manipulação de dados.

Fonte: Brasil 61

 

 

Maternidade nas redes sociais: conteúdos podem gerar comparação e frustração

Em tempos de redes sociais, compartilhar parte da rotina virou algo normal para muitos e até profissão para alguns, que passam a ser reconhecidos como influenciadores. Na infinita gama de assuntos apresentados nas plataformas está a maternidade dita como real. De acordo com a psicóloga do Hospital Edmundo Vasconcelos, Marina Arnoni Balieiro, esta exposição nem sempre é benéfica a quem assiste ao conteúdo.

A especialista explica que apesar de apresentarem a temática como uma realidade, há uma escolha no que compartilhar, e neste recorte, é possível que frustrações sejam despertadas nas mães que assistem a esses conteúdos. “É muito difícil basear sua realidade nas redes sociais. Nestes espaços são compartilhados o que priorizam como importante, e por isso, gera uma comparação entre as mães que consomem esse conteúdo, entendendo que a sua vida é pior”, complementa.

Neste cenário, a diferença de educação e possíveis falhas não devem ser vistas como pontos negativos. Marina ressalta que a relação entre pais e filhos não tem uma fórmula e depende da personalidade e estrutura familiar. “Cada um vai ter uma forma de lidar com os filhos, e nesta relação, assim como qualquer outra, a falha é inerente, e isso não torna a maternidade pior, ou melhor”, reforça.

Assim como a falha, a ausência é outro assunto tratado nas redes, mas que não é totalmente prejudicial no processo de educação. Neste quesito, a psicóloga esclarece que às vezes é na falta que é possível ensinar e aprender. A partir disso a criança é estimulada a ter independência e compreender o espaço dos pais.

“Claro que quando ainda são pequenos dependem mais dos adultos, mas ensinar sobre essa ausência ajuda na rotina pessoal, e compreender que ter tempo pra si é indispensável para a saúde e para a relação com os filhos, pois é possível aproveitar o tempo juntos com mais entrega”, conclui.

HOSPITAL EDMUNDO VASCONCELOS

Localizado ao lado do Parque do Ibirapuera, em São Paulo, o Hospital Edmundo Vasconcelos atua em mais de 50 especialidades e conta com cerca de 1.000 médicos. Realiza aproximadamente 12 mil procedimentos cirúrgicos, 13 mil internações, 230 mil consultas ambulatoriais, 145 mil atendimentos de Pronto-Socorro e 1,45 milhão de exames por ano. Dentre os selos e certificações obtidos pela instituição, destaca-se a Acreditação Hospitalar Nível 3 – Excelência em Gestão, concedida pela Organização Nacional de Acreditação (ONA) e o primeiro lugar no Prêmio Melhores Empresas para Trabalhar na categoria Saúde – Hospitais, conquistado por dois anos consecutivos, 2017 e 2018.

 

 

VW lança novos Gol e Voyage 2017: veja versões, preços e conteúdos

Novo-VW-GolA Volkswagen apresenta a linha 2017 dos modelos Gol e Voyage com uma nova postura de marketing. A marca abandona o slogan “DasAuto”, considerado arrogante, e promete ser mais ágil, emocional e focada no cliente brasileiro. “O consumidor não entendia o que significava nosso slogan e, após saber, era pior ainda. Agora seremos a marca não só do carro, mas sim das pessoas”, explicou Jorge Portugal, Vice-Presidente de Vendas e Marketing.

ACOMPANHE O FOCANDO A NOTÍCIA NAS REDES SOCIAIS:

FACEBOOK                TWITTER                    INSTAGRAM

Esse novo posicionamento surge após o escândalo do Dieselgate (no qual milhares de carros da VW mundo afora foram descobertos como poluidores muito acima da legislação) e será adotado em todo o mundo. Mas, especialmente no Brasil, a marca quer se reconectar aos desejos do cliente, pois assume que ficou distante da realidade do mercado nos últimos anos. Tanto é que, hoje, a marca é apenas a terceira colocada em vendas no país.

Novo VW Gol 2017

A mudança começa justamente pelo Gol, que após 27 anos de liderança foi desbancado em 2014 e desde então só vem caindo no ranking da Fenabrave (briga pela décima colocação atualmente). A ideia com a reestilização e, principalmente, com o novo interior, é reposicionar o compacto no mercado. Primeira novidade: as versões 1.0 (Trendline e Comfortline) recebem o novo motor 3-cilindros e 12 válvulas já usado pelo Fox e up!, que gera 82 cv e 10,4 kgfm de torque, aliado a uma transmissão de relações mais longas para melhorar o consumo de combustível.

Nas versões mais caras (Comfortline e Highline), o Gol mantém o antigo 1.6 8V de 104 cv e 15,6 kgfm de torque, disponível com câmbio manual ou automatizado i-Motion. Já a versão Rallye, única a utilizar o novo motor 1.6 16V de 120 cv e 16,8 kgfm, deixa de ser oferecida. “Era uma versão de volume muito pequeno, já temos o Cross up! e o CrossFox para atender a esse mercado”, diz Henrique Sampaio, Gerente de Produto. Embora sem citar datas (“não é para já”), Sampaio dá a entender que o caminho para as versões superiores do Gol será ganhar o elogiado 1.0 TSI de 105 cv do up!, mas não sabemos se isso acontecerá ainda nesta geração ou somente na próxima, prevista para 2018. “O atual 1.6 ainda tem muita gente que gosta”, despista o executivo.

Novo Gol Highline 2016

Na realidade, a VW espera que o Gol cubra a faixa de base do mercado; quem desejar o 1.6 16V ficará com o Fox. E com o novo 1.0 tricilíndrico e o 1.6 8V, o Gol fica bem representado contra o Chevrolet Onix, atual campeão de vendas, que ainda usa antigos motores 1.0 e 1.4 8V. Nas versões 1.0, o Gol se iguala ao Hyundai HB20 e ao Ford Ka na oferta de um motor 3-cilindros de bom desempenho e economia. Nas 1.6, porém, fica atrás do HB20, que tem um 1.6 16V de 128 cv, e do Ka 1.5 16V, de 111 cv. Todas as modificações do Gol também se aplicam ao Voyage, com a diferença de que o sedã nunca chegou a ter uma versão com o 1.6 16V. Tanto o hatch quanto o sedã estreiam também freios com discos maiores na dianteira, de 256 mm, contra 239 mm do anterior.

Novo Voyage Highline 2016

Na parte externa, hatch e sedã estreiam novos faróis, grade e para-choque. Não parece, mas os para-lamas também são inéditos, por conta do corte lateral dos faróis. O conjunto óptico ganhou o atual conceito da VW, com os blocos de luzes mais bem definidos. É na traseira, no entanto, que o Gol muda mais: as lanternas cresceram e os para-lamas acompanharam o vinco que segue do vidro traseiro, agora com a base reta. Internamente, as lanternas formam o que a VW chama de “assinatura noturna” da marca, já vista no Fox e Golf, por exemplo. No geral, apesar de discretas, as alterações de design reforçaram a esportividade do Gol, justamente seu maior ponto de diferenciação para up! e Fox.

Novo Voyage Highline 2016

O Voyage recebe a mesma frente do Gol, incluindo a parte inferior com traços mais agressivos e novos nichos para os faróis de neblina. Pena que a traseira continue sem graça. É consenso que a primeira traseira do Voyage da atual geração, de 2009, era mais harmônica e esportiva, com as lanternas mais grossas e sem invadir a tampa do porta-malas. Depois que tentou imitar o Jetta, perdeu personalidade e ficou com aparência genérica.

Novo Gol Highline 2016 - Painel com App-connect

O grande salto, tanto do Gol quanto do Voyage, está no novo painel. Claramente inspirado no Golf, ganhou linhas mais retilíneas e saídas de ar retangulares, além de uma faixa que divide o painel nas partes superior e inferior. Na versão Trendline, ele é todo cinza escuro; na Comfortline é cinza claro em cima e escuro embaixo; e na Highline é escuro em cima e claro embaixo, incluindo a forração da cabine. O volante agora é o mesmo do Golf inclusive no Gol de entrada (obviamente sem os comandos agregados), enquanto o inserto central pode ter acabamento imitando aço escovado e até azulado – caso da série especial Connetc que será lançada para marcar o uso da nova central multimídia Discover Media. Já o quadro de instrumentos ganhou relógios maiores e com novo grafismo, novamente na linha do Golf.

Bancos dianteiros do Novo Gol 2016

Se o painel ficou mais refinado, ele fez as laterais de porta, que já eram simples, parecerem ainda mais franciscanas neste modelo reestilizado. Da mesma forma, faltou a VW trocar os bancos dianteiros, que possuem um ajuste de altura muito limitado – muda apenas a inclinação do assento. Outra mancada foi manter os botões dos vidros elétricos traseiros no painel, algo que o Fox sempre teve nas portas. Por fim, os pedais seguem deslocados à direita, mas aí é uma falha de todos os modelos que usam esta plataforma PQ24.

Novo Gol Highline 2016 - Multimídia

Conectividade

Para combater o Onix com seu MyLink, a VW aposta em quatro sistemas de som para a nova linha Gol. São dois rádios com Bluetooth, sendo um com tela LCD de três linhas e um de quatro linhas com CD Player. Na sequência, duas centrais multimídias são oferecidas: a Composition Touch com tela de 5″ e espelhamento Mirrorlink para celular; e a Discover Media de 6,3″ que incorpora navegação por GPS, leitura de SMS e conexão Apple Carplay e Android Auto. Quando equipado com sistema de som (de série a partir do Comfortline), o carro vem também com suporte para celular no painel.

Confira abaixo o conteúdo de cada versão:

VW Gol Trendline 2016

Gol Trendline 1.0/1.6:

Série: alerta sonoro de faróis acesos, antena no teto, banco do motorista com ajuste de altura, colunas centrais externas com aplique preto, limpador, lavador e desembaçador do vidro traseiro, faróis simples com máscara escura, grade dianteira preta, rodas aro 14″ com pneus 175/70 R14 e calotas, tomada 12V no console, travas elétricas, vidros dianteiros elétricos, direção hidráulica.

Opcionais: ar-condicionado, rádio com Bluetooth e suporte para celular no painel ou central multimídia Composition Touch com suporte para celular.

VW Golf Comfortline 2016

Gol Comfortline 1.0/1.6:

Série: Trendline + ar-condicionado, palhetas aerowisher, chave-canivete, computador de bordo, faróis de neblina, iluminação do porta-malas, rodas de aço aro 15″ com pneus 195/55 R15 e calotas, tampa do porta-malas com abertura elétrica e rádio Media Plus com Bluetooth.

Opcionais: acabamento interno escuro com detalhes em azul, sistema de Infotainment ‘Composition Touch’, suporte para celular, volante multifuncional com comando de sistema de som e do “I-System”, I-System com Eco-Comfort”.

Pacote Urban: rodas de liga leve aro 15″ “Marga”, tapetes de carpete, tampa do porta-malas com abertura por controle remoto, travamento elétrico com comando remoto, vidros elétricos dianteiros e traseiros, espelhos retrovisores externos elétricos com função tilt down no lado direito, sensor de estacionamento traseiro, chave tipo “canivete” com comando remoto, Sistema de Infotainment ‘Discover Media’ (NAV) com suporte para celular, volante multifuncional com comando de sistema de som e do “I-System”.

Pacote Connect: sistema de Infotainment ‘Discover Media’ (NAV), volante multifuncional com comando de sistema de som e do “I-System”, rodas de liga leve aro 15″ “Marga”, tampa do porta-malas com abertura por controle remoto, travamento elétrico com comando remoto, vidros elétricos dianteiros e traseiros, espelhos retrovisores externos elétricos com função tilt down no lado direito, sensor de estacionamento traseiro, chave tipo “canivete” com comando remoto, “I-System com Eco-Comfort” – computador de bordo.

Novo Gol Highline 2016

Gol Highline 1.6:

Série: Comfortline + volante com ajuste de altura e profundidade, emblema Highline, retrovisores externos com setas embutidas e função tilt down do lado direito, frisos laterais cromados, grade com insertos cromados, pedaleira esportiva, roda de liga-leve aro 15″, sistema Infotainment ‘Composition Touch’, rede no porta-malas, volante multifuncional com comandos do som e do computador de bordo, suporte para celular.

Opcionais: câmbio automatizado i-Motion com borboletas no volante, Sistema de Infotainment ‘Discover Media’ (NAV) ou pacote “Highline Completo”, que inclui rodas de liga leve aro 16″ “Varvito” com pneus 195/50 R16, bancos revestidos em couro sintético “Native”, apoios de cabeça no banco traseiro com ajuste de altura, revestimento da porta e lateral parcialmente em couro sintético “Native”, encosto do banco traseiro bi-partido, controlador automático de velocidade, coming/leaving home, espelho retrovisor interno eletrocrômico, sensores de chuva e crepuscular, Sistema de Infotainment ‘Discover Media’ (NAV).

Novo Voyage Highline 2016

Voyage segue a mesma lógica de versões e equipamentos:

Trendline 1.0/1.6:

Comfortline 1.0/1.6:

Highline 1.6:

Preços: novos Gol e Voyage 2017 

Gol Trendline 1.0: R$ 34.890
Gol Trendline 1.0 com ar: R$ 37.690
Gol Trendline 1.6: R$ 40.190
Gol Comfortline 1.0: R$ 42.690
Gol Comfortline 1.6: R$ 47.490
Gol Comfortline 1.6 I-Motion: R$ 50.790
Gol Highline 1.6: R$ 51.990
Gol Highline 1.6 I-Motion: R$ 55.290
Voyage Trendline 1.0: R$ 40.990
Voyage Trendline 1.6: R$ 44.590
Voyage Comfortline 1.0: R$ 46.690
Voyage Comfortline 1.6: R$ 49.490
Voyage Comfortline 1.6 I-Motion: R$ 53.090
Voyage Highline 1.6: R$ 55.290
Voyage Highline 1.6 I-Motion: R$ 58.590

Fotos: novos Volkswagen Gol e Voyage 2016

Novo Gol Highline 2016

carplace