Arquivo da tag: constituído

Maioria do eleitorado paraibano é feminino e quase 1/3 é constituído de analfabetos

tituloAs mulheres são maioria no eleitorado paraibano. Dos 2.889,680 eleitores, de acordo as estatísticas sobre o eleitorado do estado foram divulgadas pelo Tribunal Regional Eleitoral (TRE), 1.524,145 são mulheres. O eleitorado feminino supera em 158.610 os de eleitores masculinos.

Ainda de acordo com dados do TR E, a maioria do eleitorado Paraíba é constituída, em sua maioria, por pessoas solteiras. Ao todo, 1.719,000 contra 994.112 casadas, 81.437 divorciadas, 18.607 separados e 414 pessoas não informaram a situação do registro civil.

A estatística aponta ainda que a maioria do eleitorado estadual ou é analfabeta (249.406) ou apenas sabe ler e escrever (554.140). O número total (803.546) corresponde 1/3 do eleitorado.

Os eleitores que não concluíram o 1º grau somam 130.857 eleitores. Os que têm o 2º grau incompleto são 365.020 eleitores. Já os que concluíram o segundo grau são 488.363. O número de eleitores que não concluíram o terceiro grau são 125.752 contra 205.469 de que terminaram o nível superior. Outros 389 eleitores não informaram o grau de escolaridade.

estatisticas

clickpb

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

 

MP cobra medidas para que seja constituído o novo Conselho Estadual do Idoso

As seis instituições de longa permanência de idosos (ILPIs) localizadas em João Pessoa devem se habilitar, até o dia 15 de agosto, para que seja feita a escolha de seus representantes no Conselho Estadual do Idoso para o biênio 2012-2014. O prazo também deverá ser atendido pelas entidades da sociedade civil organizada para que elas indiquem os representantes que integrarão o novo conselho.

A constituição do novo conselho estadual do idoso – órgão criado por lei para deliberar e controlar as políticas e ações voltadas ao idoso em todo o estado – foi discutida em audiência pública realizada na Promotoria de Justiça do Cidadão da Capital, nesta quinta-feira (2), em João Pessoa.

Segundo o promotor de Justiça Valberto Lira, desde o dia 9 de julho deste ano, a política do idoso está comprometida na Paraíba porque o mandato do último conselho estadual foi encerrado. “O novo conselho não foi constituído porque as ILPIs não se habilitaram e porque as entidades que compõem o conselho não indicaram seus representantes. Devido a essa falha, instauramos procedimento administrativo e promovemos a audiência pública”, explicou.

Os nomes escolhidos pelas ILPIs e indicados pelas entidades da sociedade civil organizada serão encaminhados ao governador Ricardo Coutinho para que sejam feitos os atos de nomeação e posse do novo Conselho Estadual do Idoso.

Comissão

Durante a audiência pública promovida pela Promotoria do Cidadão, foi criada uma comissão constituída pela ex-presidente e pela secretária executiva do Conselho Estadual do Idoso, Zuleida Barbosa e Cezarina Gomes, respectivamente, e pela representante do Centro Universitário de João Pessoa (Unipê – entidade da sociedade civil organizada com assento permanente no conselho do idoso), Margarida Maria Gomes.

A comissão ficou responsável por encaminhar ofícios às ILPIs e às entidades para que elas tomem as providências necessárias para criação da equipe que ficará à frente do Conselho Estadual do Idoso nos próximos dois anos.

Participaram da audiência pública o padre Francisco de Assis Azevedo, da Pastoral do Idoso da Arquidiocese da Paraíba; Margarida Gomes, do Unipê; Luzenice Guedes, da Associação Brasileira dos Clubes da Melhor Idade; Francisco Nóbrega, da Federação dos Aposentados; Miriam Trindade, da Sociedade Brasileira de Gerontologia e Geriatria, Yolanda Fernandes Mendes, da Universidade da Terceira Idade; Gabriella Tayanne, coordenadora da Política Pública do Idoso; Mayara Martins, coordenadora da Casa dos Conselhos Estaduais e Cecilie Mendes, assessora jurídica da Secretaria Estadual de Desenvolvimento Humano.

Assessoria