Arquivo da tag: carros

Infraero explica motivo de secretário paraibano usar carros da empresa

Em nota emitida nesta sexta-feira (26), a Infraero deu explicações em relação a um vídeo que circula pelas redes sociais mostrando um secretário da Paraíba utilizando um dos veículos da empresa para se transportar. Confira texto na íntegra:

Com relação ao vídeo em questão, a Infraero esclarece que recebeu solicitação da Administração do Hangar do Estado da Paraíba para realizar o deslocamento do secretário Adjunto de Planejamento do Estado da Paraíba, Sr. Fábio Maia, do Pátio de Aviação Regular para o Hangar do Estado. Por motivo de segurança operacional, o deslocamento do secretário foi realizado por meio de veículo da Infraero.

Atenciosamente

 

assessoria

 

 

Deputado quer carros como “domicílio” para autorizar porte de arma

Um projeto de lei do deputado federal Bibo Nunes (PSL-RS), protocolado na Câmara na semana passada, propõe liberar o porte de armas “em veículos de passeio ou comerciais”. A autorização seria dada àqueles que já têm armas legalmente registradas, com direito à posse dentro de casa.

Na justificativa do texto, o parlamentar pede que os carros sejam considerados domicílio, já que automóveis também seriam “locais em que o proprietário poderá estar sujeito a agressões atuais ou potenciais e que poderão exigir defesa com o emprego de arma de fogo”.

“Muitas pessoas passam horas e horas dentro do carro. E o carro é um bem visível e de alto interesse para os assaltantes. Então nada mais justo do que o cidadão também estar com a arma no seu carro, onde poderá se defender. O uso seria restrito dentro do carro”, disse o parlamentar ao Congresso em Foco. A ideia desta proposta, segundo Bibo Nunes, partiu de um delegado da Polícia Federal (PF).

Assinado pelo presidente Bolsonaro em janeiro, o decreto das armas eliminou restrições para compra e posse (manutenção dentro de casa), mas não flexibilizou o porte, que é a autorização para carregar a arma consigo.

Deputados da frente da segurança pública, a chamada bancada da bala, têm a intenção de afrouxar também as regras do porte, mas a pauta ainda não caminhou este ano no Congresso. Se aprovado, o projeto de Bibo Nunes seria uma extensão do benefício aos que atualmente só podem manter armas na residência.

O congressista, que fez carreira como apresentador de TV em Porto Alegre, foi eleito no ano passado com 91 mil votos para seu primeiro mandato. No final de fevereiro, Nunes fez um pronunciamento acusando o ex-ministro da Secretaria-geral da Presidência, Gustavo Bebianno, de tê-lo ameaçado de expulsão do PSL durante as eleições do ano passado. O discurso ocorreu um dia após Bebianno ter sido exonerado do governo Bolsonaro.

“Eu liguei para ele [Bebianno] denunciando que a presidente [do PSL] no estado do Rio Grande do Sul estava se portando de maneira indigna, que Não era dentro das regras do PSL. Ele me disse o seguinte: que se eu não parasse de criticar a presidente do PSL, eu não seria nem candidato, ou expulso do partido”, acusou o parlamentar

 

 

pbagora

 

 

Acidente entre dois carros deixa bebê morto e outros 4 feridos

Um bebê com 9 meses de vida morreu e outras quatro pessoas ficaram feridas em um acidente entre dois carros, na PB-041, entre os municípios de Sapé e Capim, na região da Mata Paraibana. Segundo a Polícia Civil, um dos carros estava com excesso de passageiros.

O acidente ocorreu em uma reta na noite deste domingo (30), por volta das 18h30. De acordo com a Polícia Civil, em Sapé, a suspeita é de que um veículo modelo Parati tenha invadido a pista contrária e batido de frente com outro carro modelo Zarifa, porém isso só vai ser confirmado após ser divulgado o resultado de uma perícia.

A Polícia Civil destacou que o carro Parati tem capacidade máxima para cinco pessoas, mas transportava sete. Já o carro Zarifa também estava com sete pessoas, mas tem capacidade para isso. O motorista da Zafira se apresentou na delegacia, prestou depoimento e foi liberado.

Já o motorista da Parati, também ficou ferido e foi socorrido. Ele ainda não foi ouvido. Segundo a Polícia Civil, o inquérito vai ser encaminhado para a justiça, que vai julgar a culpa de cada motorista no acidente. Os quatro feridos foram encaminhados para hospitais de João Pessoas.

G1

Justiça proíbe jingle eleitoral em carros particulares e dita regras para propaganda de rua

O juiz eleitoral Marcos Coelho de Salles, da 76ª Zona Eleitoral, falou sobre as regras discutidas em reunião nesta sexta-feira (10), em João Pessoa, para a propaganda de rua na cidade na campanha das eleições 2018. Um dos exemplos é a proibição da veiculação de jingle de candidato por cidadão comum. Hoje estiveram reunidos com o juiz Marcos Salles a Associação dos Profissionais de Propaganda Volante da Paraíba (ASSPROV-PB) e os órgãos ambientais e de fiscalização como a Sudema, Secretaria do Meio Ambiente municipal (Seman), Detran-PB e Semob-JP.

Perguntando pelo repórter da rádio Correio sobre o uso, por exemplo, de moto com caixa de som para divulgação de candidato por cidadão comum, o juiz alertou que áudio com propaganda eleitoral só é permitido em carros de som, trios, minitrios legalizados com os órgãos e trios elétricos apenas nos comícios.

Os horários das propagandas de ruas são das 8h às 22h e até meia-noite apenas nos comícios, com carro de som parado. Os carros de som só poderão ser usados em carreatas, passeatas e comícios.

“O paredão foi definitivamente abolido do processo político eleitoral. O cidadão não pode, sequer, abrir a mala do seu carro e divulgar jingle eleitoral porque a lei não permite que o cidadão, por si só, o faça. O que ele pode fazer é, se fechar os vidros e não provocar som exterior, ouvir a propaganda do candidato ou do partido ou coligação que ele tenha preferência. Mas, abriu a mala e divulgou, vai sofrer o constrangimento da autuação das autoridades não só da Justiça Eleitoral como também dos órgãos de Segurança como um todo”, disse o juiz eleitoral Marcos Salles.

O capitão Cunha, que é coordenador de fiscalização da Sudema, falou sobre a regulamentação dos veículos que serão usados na propaganda de rua. “O caminho a se percorrer seria a busca no Detran-PB da inspeção veicular, dizendo que o veículo está apto a circular. E com essa autorização, o interessado se dirige à Sudema para retirar a licença ambiental. Na Sudema é que vai ser feita a aferição do som, mediante o que o próprio TSE preconiza sobre os decibéis, a distância da medição do som e os critérios de circulação ou sobre o veículo permanecer parado. Antes dessas duas fases o veículo não está autorizado a fazer propaganda eleitoral.”

Não será permitida propaganda de rua com veículos de tração animal, como as carroças, lembrou o juiz Marcos Salles.

Na segunda-feira (13), às 14h, será feita a reunião com os órgãos de Segurança Pública. Na terça-feira (14), o juiz eleitoral se reúne com os partidos. Já na segunda-feira (20), serão recebidas as coligações e partidos que disputarão de forma isolada para a audiência com o magistrado.

clickpb

Carros são incendiados no pátio do Fórum em São Bento na PB

Carros pegaram fogo no pátio do Fórum de São Bento (Imagem compartilhada no WhatsApp)

Seis carros que estavam no pátio do Fórum de São Bento, Sertão paraibano, foram incendiados na madrugada desta terça-feira (14). Os veículos tinham sido apreendidos em operações policiais e estavam à disposição da Justiça. Esse é o segundo caso de incêndio de veículos na cidade no período de 24 horas.

De acordo com a Polícia Militar, o incêndio foi registrado por volta das 2h. Um vigilante do Fórum informou que estava cochilando no prédio e só percebeu o fogo quando ele já tinha atingido grandes proporções. Seis veículos foram destruídos pelo incêndio.

Carros-pipas da prefeitura e particulares foram usados no combate ao fogo, uma vez que São Bento não possui unidade do Corpo de Bombeiros e a ação precisava ser rápida para evitar maiores danos. Ainda assim, bombeiros de Catolé do Rocha foram enviados ao local para realizar perícia.

Ao Portal Correio, a Polícia Civil adiantou que os dois incêndios não estão relacionados. O primeiro caso teria sido acidental. Conforme a Polícia Civil, um motorista relatou que guardou um ônibus na garagem tarde da noite e sentiu cheiro de queimado vindo do motor veículo, mas decidiu só verificar o que estava acontecendo no dia seguinte.

A Polícia Civil acredita que o fogo tenha iniciado nesse ônibus e outros tenham sido atingidos por estarem muito próximos. Já no caso desta madrugada, a polícia não descarta a hipótese de incêndio criminoso. Câmeras de segurança no fórum podem ajudar nas investigações.

Portal Correio

Bandidos usam dois carros para arrombar loja em Campina Grande

Uma loja da Boticário foi arrombada na madrugada desta sexta-feira (09) no bairro Conceição, em Campina Grande. Os bandidos usaram dois carros para derrubar a porta do estabelecimento.

Segundo a gerência da loja, ainda não é possível saber o montante de produtos que foi roubado. Após a ação, para-choques dos veículos ficaram no local.

De acordo com a Polícia Militar, os carros usados na ação haviam sido roubados. Um deles foi recuperado logo em seguida. Nenhum suspeito foi preso.

MaisPB com informações da TV Cabo Branco

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

Acidente entre carros deixa criança morta na BR-230 próximo a entrada de Ingá, PB

Uma criança de 9 anos morreu e outras cinco pessoas ficaram feridas em um acidente ocorrido na noite deste domingo (14), entre dois carros, na BR-230. A colisão aconteceu em um retorno próximo a entrada do município de Ingá, no Agreste paraibano.

De acordo com as informações do Hospital de Emergência e Trauma de Campina Grande, a criança estava no carro com a mãe, o irmão de 14 anos e outra mulher que estaria dirigindo o veículo. O acidente ocorreu quando a motorista tentou fazer o retorno e bateu na lateral de outro carro, onde duas vítimas ficaram feridas.

A criança morreu no local do acidente e as outras três vítimas que estavam no mesmo carro que ela foram levadas para o Hospital de Emergência e Trauma de Campina Grande. A mãe da criança passou por cirurgia e está internada. O irmão de 14 anos sofreu uma fratura e está a Unidade de Terapia Intensiva (UTI) infantil. Já a mulher que estaria dirigindo o carro foi atendida e recebeu alta.

No outro carro, duas pessoas ficaram feridas e foram socorridas para Clínica Santa Clara, no bairro Prata, em Campina Grande. Até 7h30 (horário local) desta segunda-feira (15) a clínica informou que não tinha nenhum boletim atualizado sobre o estado de saúde das vítimas.

G1

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

Os 50 carros mais vendidos de 2017

(FOTO: FÁBIO ARO/AUTOESPORTE)

O ano de 2017 ficará marcado na história da Chevrolet do Brasil. Há muito um modelo não liderava as vendas de forma tão incontestável como fez o OnixO hatch da GM somou 188.654 unidades, quase o dobro do volume emplacado pelos rivais Hyundai HB20 e Ford Ka, segundo e terceiro colocados no ranking. O sucesso foi tamanho que o compacto da gravata dourada vendeu 2,5 vezes mais que o Volkswagen Gol, quarto colocado. Nem a reprovação no crash test do Latin NCAP foi suficiente para derrubá-lo.

Entre os dez primeiros colocados de 2017, foram poucas surpresas. A maior delas talvez seja o Fiat Mobi, muito criticado desde o lançamento. O subcompacto fez 54.270 unidades, ficando em nono. O Toyota Corolla foi o único médio a aparecer no pelotão da frente, e com números igualmente notórios aos do Onix. O sedã emplacou mais que o dobro do arquirrival Honda Civic, que acabou decepcionando, sem esboçar qualquer reação.

Jeep Compass (Foto: Divulgação)

Parte dessa apatia do Civic se deve à estratégia da Honda, que trabalha no limite de produção da fábrica de Sumaré. A japonesa priorizou a fabricação do HR-V, que liderou o segmento em 2015 e 2016, mas não esperava o sucesso tremendo do Jeep Compass, que fechou 2017 na ponta da categoria, com 49.187 unidades. Por sinal, o nicho de utilitários consolidou a ascensão no último ano — é a fatia que mais cresce.

Dos modelos lançados em 2017, o Hyundai Creta é outro que se destacou. No seu primeiro ano de vendas, o SUV conseguiu a terceira colocação entre os SUVs, ficando bem próximo de Compass e HR-V, com 41.625 unidades. O Creta só não vendeu mais porque a Hyundai, a exemplo da Honda, opera no limite da fábrica de Piracicaba — que também produz a linha HB20. Correndo por fora vem o Nissan Kicks, em quarto lugar.

Fiat Strada Adventure 2017 (Foto: Divulgação)

Entre as picapes, ainda não foi em 2017 que a Fiat Toro passou a veterana Strada. Os utilitários ficaram separados por apenas 4 mil unidades — a picapinha somou 54.870 emplacamentos contra 50.723 da Toro. Já entre as médias, a Toyota Hilux manteve a liderança frente à arquirrival Chevrolet S10, que tentou fortemente resgatar o primeiro lugar da categoria, com várias novidades e refinamentos recebidos ao longo do ano.

Entre as marcas, a Chevrolet também faturou o posto de líder de mercado em 2017. O sucesso do Onix garantiu o volume de 394.099 unidades entregues no período, com mais de 100 mil veículos à frente da vice-líder Fiat, que somou 291.324 modelos. A terceira colocada foi a Volkswagen, com 272.079 unidades vendidas, enquanto a quarta colocação volta para as mãos da Ford, que registrou 206.746 vendas com a decolada do Ka.

Confira os 50 modelos mais vendidos de 2017 e a disputa entre marcas

1º) Chevrolet Onix — 188.654 unidades
2º) Hyundai HB20 — 105.539 unidades
3º) Ford Ka — 94.893 unidades
4º) Volkswagen Gol — 73.919 unidades
5º) Chevrolet Prisma — 68.988 unidades
6º) Renault Sandero — 67.344 unidades
7º) Toyota Corolla — 66.188 unidades
8º) Fiat Strada — 54.870 unidades
9º) Fiat Mobi — 54.270 unidades
10º) Fiat Toro — 50.723 unidades
11º) Jeep Compass — 49.187 unidades
12º) Honda HR-V — 47.775 unidades
13º) Volkswagen Fox — 42.716 unidades
14º) Volkswagen Saveiro — 42.414 unidades
15º) Toyota Etios hatch — 41.986 unidades
16º) Hyundai Creta — 41.625 unidades
17º) Volkswagen Voyage — 40.822 unidades
18º) Jeep Renegade — 38.330 unidades
19º) Toyota Hilux — 34.368 unidades
20º) Fiat Uno — 34.165 unidades
21º) Volkswagen Up — 34.161 unidades
22º) Nissan Kicks — 33.464 unidades
23º) Hyundai HB20S — 32.232 unidades
24º) Toyota Etios sedã — 31.395 unidades
25º) Ford Ecosport — 31.195 unidades
26º) Chevrolet S10 — 30.438 unidades
27º) Fiat Argo — 27.925 unidades
28º) Ford Ka+ (sedã) — 27.647 unidades
29º) Renault Logan — 26.010 unidades
30º) Honda Civic — 25.871 unidades
31º) Honda Fit — 25.347 unidades
32º) Fiat Grand Siena — 24.955 unidades
33º) Chevrolet Spin — 24.713 unidades
34º) Nissan Versa — 23.370 unidades
35º) Chevrolet Cobalt — 22.949 unidades
36º) Renault Kwid — 22.576 unidades
37º) Fiat Palio — 20.138 unidades
38º) Chevrolet Cruze — 19.192 unidades
39º) Ford New Fiesta — 19.057 unidades
40º) Ford Ranger — 17.830 unidades
41º) Renault Duster — 17.638 unidades
42º) Honda City — 15.974 unidades
43º) Honda WR-V — 15.353 unidades
44º) Chevrolet Montana — 14.872 unidades
45º) Nissan March — 14.052 unidades
46º) Renault Captur — 13.742 unidades
47º) Toyota SW4 — 12.567 unidades
48º) Peugeot 208 — 12.157 unidades
49º) Chevrolet Tracker — 12.136 unidades
50º) Volkswagen Amarok — 11.964 unidades

Vendas por marcas

1º) General Motors — 394.099 unidades (18,14%)
2º) Fiat — 291.324 unidades (13,41%)
3º) Volkswagen — 272.079 unidades (12,53%)
4º) Ford — 206.746 unidades (9,52%)
5º) Hyundai — 201.955 unidades (9,30%)
6º) Toyota — 189.974 unidades (8,75%)
7º) Renault — 167.014 unidades (7,69%)
8º) Honda — 131.086 unidades (6,03%)
9º) Jeep — 88.185 unidades (4,06%)
10º) Nissan — 78.817 unidades (3,63%)
11º) Peugeot —26.855 unidades (1,24%)
12º) Citroën — 22.556 unidades (1,04%)
13º) Mitsubishi — 21.866 unidades (1,01%)
14º) Mercedes-Benz — 14.340 unidades (0,66%)
15º) BMW — 10.165 unidades (0,47%)
16º) Audi — 9.910 unidades (0,46%)
17º) Kia Motors — 8.433 unidades (0,39%)
18º) Land Rover — 6.476 unidades (0,30%)
19º) Suzuki — 4.545 (0,21%)
20º) JAC Motors — 3.823 unidades (0,18%)
21º) Chery — 3.734  unidades (0,17%)

revistaautoesporte

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

 

Operação de combate a ataques a bancos prende suspeitos e recolhe carros clonados na PB

(Foto: Reprodução/TV Cabo Branco)

Uma operação conjunta de combate a organizações criminosas de ataques a bancos foi deflagrada na madrugada desta terça-feira (31) em Campina Grande. Policiais federais, civis e militares cumprem 17 mandados de buscas e apreensão e 13 mandados de prisão expedidos pela 1ª Vara Criminal da Comarca de Campina Grande. Os mandados são cumpridos em Campina Grande, Alagoa Grande, Esperança e Remígio, todas no Agreste paraibano.

Até as 7h30 (horário local), nove suspeitos tinham sido presos e quatro carros clonados haviam sido apreendidos. De acordo com o delegado-geral de Polícia Civil da Paraíba, João Alves, além dos carros, foram recolhidas armas e roupas usadas pelos policiais. “Foi uma operação conjunta para trazer tranquilidade aos moradores da região da Borborema”, completou João Alves.

Os mandados foram motivados por um inquérito aberto pela Delegacia de Roubos e Furtos da Polícia Civil de Campina Grande. A investigação da Polícia Civil apura ataques com uso de explosivos contra estabelecimentos financeiros.

De acordo com a Polícia Civil, pelo menos 130 policiais das três instituições participam da Operação Carbono nesta terça-feira. A ação ainda conta com o apoio do helicóptero Acauã, da Secretaria da Segurança e da Defesa Social (Seds). Uma coletiva de imprensa foi anunciada para as 10h (horário local) em Campina Grande.

G1

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

Motoristas são flagrados em carros de luxo a quase 200 km/h e têm CNHs suspensas

Divulgação/PRF-PB

Dois motoristas foram multados e tiveram o direito de dirigir suspenso ao serem flagrados dirigindo carros de luxo em alta velocidade nesse domingo (25), em trechos da BR-230 no município de Patos, Sertão paraibano, a 316 km de João Pessoa.

No primeiro caso, um automóvel modelo Hyundai Azera foi flagrado a 192 km/h. Menos de uma hora depois, os radares fotográficos da Polícia Rodoviária Federal (PRF) registraram um Chevrolet Camaro a 175 km/h.

De acordo com a PRF, os motoristas receberam 7 pontos na Carteira de Habilitação Nacional (CNH) e ficarão impedidos de dirigir por 12 meses. Eles ainda terão que pagar, cada um, multa no valor de R$ 880,41.

A PRF destacou que, além da alta velocidade, o risco de acidente assumido pelos motoristas foi agravado pelo fato de a pista ser simples e sem sinalização. O limite permitido para a localidade seria 100 km/h.

portalcorreio

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br