Arquivo da tag: brasileiro

Após goleadas sofridas no Brasileiro, Flamengo decide pela saída de Domènec Torrent

Depois das duas goleadas consecutivas sofridas no Campeonato Brasileiro – 4 a 1 para o São Paulo e 4 a 0 para o Atlético-MG -, o Flamengo tomou a decisão nesta segunda-feira de demitir o técnico Domènec Torrent. Mauricio Souza, da equipe sub-20, comanda a equipe interinamente.

A decisão foi tomada no dia seguinte à mais uma goleada sofrida no Brasileirão. No Mineirão, o Flamengo tinha a possibilidade de assumir a liderança isolada do campeonato, mas sofreu dois gols em sete minutos de jogo e perdeu por 4 a 0 para o Atlético-MG, gols de Gustavo Henrique (contra), Keno, Sasha e Zaracho.

Domènec Torrent não é mais técnico do Flamengo — Foto: Domenec Flamengo Atlético-MG Mineirão

Domènec Torrent não é mais técnico do Flamengo — Foto: Domenec Flamengo Atlético-MG Mineirão

Dome foi anunciado pelo Flamengo no fim de julho como substituto de Jorge Jesus, que deixou o clube rumo ao Benfica. De lá para cá, foram 24 jogos, com 14 vitórias, quatro empates e seis derrotas – aproveitamento de 63,8%. Sob comando do ex-auxiliar de Guardiola, os rubro-negros fizeram 42 gols e sofreram 36.

O Flamengo é o atual terceiro colocado do Brasileirão, com 35 pontos – tem a mesma pontuação do Atlético-MG e um a menos que o líder Internacional. A equipe está nas quartas de final da Copa do Brasil (vai enfrentar o São Paulo) e nas oitavas de final da Libertadores (onde pega o Racing).

GE

 

Campinense toma gol nos acréscimos do Floresta-CE pela Série D do Brasileiro

O Campinense perdeu pelo placar de 2 x 1 para o Floresta (CE) e se complicou na Série D do Brasileiro.

O rubro-negro estava empatando com o Floresta, mas acabou tomando o gol da virada aos 49 minutos do segundo tempo, resultado que pode complicar o time na tabela de classificação no Grupo 3.

Os gols saíram no segundo tempo. Matheus marcou para os raposeiros, cabendo a Eduardo e Alisson anotarem os tentos dos donos da casa.

Apesar do resultado negativo, o Rubro-negro ainda segue no G-4 com 13 pontos, mas pode perder o posto para o Afogados, que tem 11 e joga ainda hoje com o América de Natal.

Na próxima sexta-feira, o Campinense pega o Guarany de Sobral, às 16h, no Amigão. Já o Floresta encara o Atlético de Cajazeiras, no Perpetão, também na sexta.

pbagora

 

Paraíba é o estado brasileiro que apresentou maior crescimento no número de casamentos em cartórios no mês de setembro

A Paraíba foi o estado brasileiro que registrou o maior crescimento no número de casamentos em cartórios no mês de setembro. A informação é do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) e registra aumento no número de celebrações durante a pandemia do Coronavírus.

De acordo com os dados que o ClickPB teve acesso, foram 1.001 celebrações durante o mês de setembro. No mês de abril foram registradas 75 celebrações, sendo assim um aumento de 1.234,7%.

O cenário atual fez com que o mês de setembro se tornasse o período com mais registros de matrimônios desde março, superando, inclusive, o mês de maio, conhecido tradicionalmente como o mês das noivas, fato que não ocorria desde 2018

Além da Paraíba, no ranking estão os estados do Piauí (1.156,7%), Amazonas (1.115,2%), e Amapá (863,6%). Quando avaliados os números totais de casamentos realizados em 2019 e 2020, de janeiro a setembro, os estados do Tocantins e do Amazonas foram os únicos a registrar aumento nas celebrações neste ano, com crescimentos de 24,1% e 3,8%, respectivamente.

Os dados constam na Central Nacional de Informações do Registro Civil (CRC Nacional), base de dados dos atos praticados pelos Cartórios de Registro Civil do País, administrada pela Associação Nacional dos Registradores de Pessoas Naturais (Arpen-Brasil). Em abril deste ano, foram realizados 25.394 casamentos em território nacional, número 61,8% menor que o registrado no mesmo mês do ano passado, quando houve 66.561 celebrações. Já setembro foi o mês responsável pelo recorde do índice desde o início da pandemia, com 61.799 casamentos feitos pelos Cartórios – começando a se aproximar das 80.427 uniões realizadas no mesmo mês do ano passado.

Os Cartórios de Registro Civil tomaram diversas ações para proteger a população nesse período de pandemia do coronavírus. Foram determinadas medidas para espaçamento entre as cerimônias ao longo do dia; permissão de entrada apenas do casal e de duas testemunhas no Cartório para a realização do casamento, sem presença de convidados; uso obrigatório de máscaras por todos presentes no local; disponibilização de álcool em gel e pias para lavagem de mãos; uso de canetas próprias para a assinatura do registro de casamento, sem compartilhamento do objeto; e distância mínima de um metro entre os envolvidos na cerimônia.

Além disso, a criatividade também teve espaço importante neste momento excepcional. Iniciativas como a realização de casamentos em sistema conhecido como “drive-thru” emergiram por todo o País, proporcionando a realização do sonho do matrimônio, mas com a mínima interação física, sem que o casal saia de dentro do carro.

Em alguns estados também foram editadas normas que autorizaram o casamento por videoconferência, permitindo que a celebração aconteça sem a presença dos noivos no Cartório. São eles: Alagoas, Amapá, Amazonas, Bahia, Espírito Santo, Goiás, Maranhão, Minas Gerais, Pará, Paraíba, Pernambuco, Piauí, Rio de Janeiro, Rio Grande do Norte, Santa Catarina, Sergipe e Tocantins.

 

clickpb

 

 

Quatro times da Paraíba jogam neste fim de semana pelo Brasileiro

Reforçado com o zagueiro Rodrigo e o atacante David Batista, o Botafogo-PB entra em campo neste sábado (10), às 17h, contra o Ferroviário-CE, pela 10ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série C. O Belo tem duas missões neste encontro: a primeira é buscar a reabilitação e a segunda é tentar sair da faixa de rebaixamento.

Com oito pontos, em nove partidas, depois de encerrar os jogos de ida, o Botafogo perdeu para o Treze por 2 a 0, na rodada passada. Além disso, o time saiu da zona de conforto, caindo do oitavo para a nona colocação e agora ocupa a faixa de rebaixamento.
A única vitória do Botafogo na Série C aconteceu no dia 5 de setembro, quando derrotou o Imperatriz-MA, na casa do adversário. O time alvinegro acumula uma vitória, cinco empates e três derrotas.

Com base nesses números, o treinador botafoguense Rogério Zimmermann reconhece a responsabilidade que a equipe tem a partir de agora. Ele espera que, com a chegada desses novos jogadores, o Botafogo volte a ser competitivo, somando os pontos necessários, especialmente, jogando na condição de mandante.

Em Cajazeiras

Uma decisão antecipada. É assim que, Atlético de Cajazeiras e Campinense estão encarando o jogo entre os dois times, neste domingo (11), pela quinta rodada do Campeonato Brasileiro da Série D. O encontro de Trovão Azul e Raposa, no estádio Perpetão, é às 17h, em Cajazeiras.

Quem vencer aumenta as possibilidades de brigar pelas colocações do Grupo A3. Os dois times estão com campanhas parecidas, sendo que o Campinense soma cinco pontos, com uma vitória, depois de quatro rodadas. O Atlético tem três pontos e uma vitória, em quatro jogos.

O empate não serve para os dois times, especialmente o atleticano. Mas quem perder vai se complicar na classificação geral da competição. Por isso, o encontro deste domingo (11) ganhou uma grande importância para Atlético de Cajazeiras e Campinense.

O Campinense fracassou nas últimas duas rodadas, com uma derrota para o Guarany de Sobral por 1 a 0, no interior do Ceará. Depois, a Raposa só empatou com o Floresta-CE, em 1 a 1, no estádio Amigão, em Campina Grande.

O Atlético perdeu nas três primeiras rodadas: por 2 a 1 para o Globo-RN, em casa; depois foi derrotado pelo Sagueiro por 1 a 0, em Pernambuco, e perdeu ainda para o Floresta-CE por 1 a 0, no Ceará. Mas o Trovão conseguiu se reabilitar na competição ganhando do Guarany de Sobral-CE, por 1 a 0, no Perpetão.

No Maranhão

As duas últimas vitórias recolocaram o Treze entre os times da zona de conforto na classificação geral do Grupo A, do Campeonato Brasileiro da Série C. Ao vencer o Botafogo-PB por 2 a 0, na oitava colocação, e o Imperatriz-MA por 4 a 1, jogo atrasado da primeira rodada, o Galo da Borborema saiu do nono lugar para a sétima posição.

O time alvinegro agora soma dez pontos, com duas vitórias, quatro empates e três derrotas, sem saldo de gols. Com isso, o representante de Campina Grande ganhou uma nova motivação, por ter encerrado a fase de ida longe das últimas colocações do grupo.

A equipe do Galo da Borborema não tem descanso. Depois de vencer o Imperatriz-MA, por 4 a 1, na quinta-feira, em Campina Grande, já tem um novo encontro contra o mesmo Imperatriz-MA, neste domingo (11). O novo encontro acontece no estádio Frei Epifânio, às 18h, em Imperatriz, interior do Maranhão.

Para este compromisso, o treinador do Treze Márcio Fernandes, não vai contar com o volante Robson. O jogador recebeu o terceiro cartão amarelo. Para o setor, deverá ser escalado Bruno Menezes. O Galo tem o retorno do atacante Douglas Lima, que não atuou na rodada passada.

*Por: Franco Ferreira

 

 

Dia Nacional do Rádio: adequação ao meio digital e superação na pandemia, acompanhe as principais vitórias do rádio brasileiro

Considerado o veículo da emoção, por levar informação, utilidade pública e diversão aos lares de toda família, o rádio brasileiro comemora seu dia neste 25 de setembro. A data é festejada pelo jornalista Daniel Starck, CEO do portal Tudo Rádio, como de extrema importância, pois se trata do meio de comunicação de maior alcance do planeta, no qual, 90% da população ouve rádio semanalmente.

“Desde o início da popularização da internet, o rádio vem com essa tecnologia, sempre disponível com streaming de áudio e agora possibilitando outras integrações em formatos diferentes na entrega de conteúdo. Seja por meio de uma rede social, onde as pessoas estão, o rádio está. Também há outras plataformas de entregas de áudio, como os podcasts e até transmissões em vídeo de algumas de suas atrações, portais de internet e aplicativos”, destacou.

Ainda segundo Stark, além de ter conseguido se fortalecer com a chegada do meio digital e online, o rádio também mostrou sua capacidade e eficiência, mesmo diante dos problemas causados pela pandemia do novo coronavírus. Apesar de considerar que houve redução no faturamento, o veículo apresentou aumento em relação à audiência.

“Não só no Brasil, mas lá fora, o tempo médio em que os ouvintes ficam dedicados a uma emissora de rádio, aumentou. Já o alcance, ou foi mantido, ou aumentou em alguns locais, mesmo com uma menor circulação das pessoas no início da pandemia. Esse crescimento de audiência tem muito a ver com o papel que o rádio desempenha para a população. Ele é um grande companheiro, prestador de serviço e tem credibilidade”, avaliou Starck.

O radialista, Nilson Bittar, da Rede Mais FM comemora a data lembrando que, aos 7 anos de idade, quando morava na zona rural do estado de Goiás, ouvia grandes locutores e falava que queria ser do rádio. Ele conta que até dormia com o aparelho na cama. O problema eram as surras do pai por quebrar o rádio enquanto estava desacordado.

“Eu pegava o rádio do meu pai escondido, levava para a cama, colocava perto do travesseiro e ouvia as rádios de São Paulo. Acreditem, eu dormia, rolava e o rádio caia e quebrava. Eu tomei três surras, porque era um negócio louco quebrar um rádio dentro daquelas condições. Mas realmente era um sonho que eu tinha”, lembrou Bittar.

Rádios comunitárias

Neste dia Nacional do Rádio, a educadora da rede Mocoronga de Comunicação Popular, Elis Lucien, dá um destaque especial para as emissoras comunitárias. Ela acredita que, pela proximidade que essas rádios têm com a população, o apelo da sociedade é atendido com maior celeridade.

“Se não fossem as rádios comunitárias, várias questões sociais de dentro da própria comunidade não iam à tona para outras emissoras. O Brasil dá a notícia que ele gostaria de dar, mas a rádio comunitária dá a notícia que o próprio receptor nos envia para falar. Esse é o elo dessa grande transformação, da relevância da comunicação comunitária”, considerou Elis.

Dados do rádio no Brasil

Dados do Inside Rádio 2019 revelam que, de 13 regiões metropolitanas pesquisadas, 83% da população ouve rádio. Além disso, 3 a cada 5 pessoas sintonizam em alguma emissora diariamente. Cada ouvinte passa em média 4h30min por dia ouvindo rádio.

Quando a análise é feita em quatro regiões no país, a plataforma mostra ainda mais o seu potencial. No Nordeste brasileiro, por exemplo, 83% das pessoas são ouvintes de rádio. A média é a mesma percebida no Sudeste do país. Esse volume aumenta um pouco quando passamos para o Sul, onde 85% da população tem costume de ouvir rádio. Já no Centro-Oeste, o índice é de 81%.

Fonte: Brasil 61

 

 

Campinense monta novo time para as disputas da Série D do Campeonato Brasileiro

O Campinense praticamente montou um novo time para as disputas da Série D do Campeonato Brasileiro. Ao todo, a Raposa contratou após o término do Estadual, 11 jogadores. O último reforço anunciado pelo rubro-negro, foi o retorno do lateral-direito Alex Murici, jogador de 31 anos que foi vice-campeão estadual pelo Rubro-Negro na temporada 2018.

O jogador estava há duas temporadas defendendo as cores do Brasiliense e tem também na carreira passagens por equipes como CRB, Central de Caruaru, Portuguesa de São Paulo e Itabaiana.

Murici é a 11ª contratação anunciada pela Raposa visando a disputa da quarta divisão nacional. O rubro negro será comandado na competição nacional, por Givanildo Sales

Movida pelo sonho do acesso para a Série C, a diretoria da Raposa já contratou o goleiro Waldson, oo zagueiro Anderson Schmoeller, do lateral-esquerdo Fabinho, dos volantes Neto e Júnior Gaúcho, dos meias Téssio, Echeverría, Renato Cruz e Aleff Diego e do atacante Jobson. O zagueiro Anderson Schmoeller, de 30 anos estava recentemente defendendo as cores do Mamoré de Minas Gerais. Já o meia Aleff Diego, que chega por empréstimo do Doce Mel-BA até o fim das disputas da Série D do Brasileiro. O jogador foi um dos destaques da campanha do time baiano no estadual, marcando três gols em nove jogos disputados.

Depois de anunciar os novos reforços para a disputa da Série D, o Campinense renovou o contato do atacante Rafael Ibiapino, artilheiro do Campeonato Paraibano e eleito o craque da competição.

Em contrapartida, deixaram o Rubro-Negro até agora o lateral-esquerdo Matheus Camargo, do volante Robertinho e do meia Bismarck.

O Campinense tem dois amistosos contra o Central de Caruaru agendados para os dias 29 deste mês e para o dia 4 de setembro. A estreia na Série D está marcada para o dia 19 de setembro, jogando fora de casa, contra o América de Natal. O Campinense está no Grupo A3 da competição nacional junto com o próprio América-RN, o Atlético de Cajazeiras, Afogados de Pernambuco, Salgueiro, Guarany de Sobral, Globo FC e Floresta.

Severino Lopes
PB Agora

 

CBF e clubes projetam início de Brasileiro para 8 e 9 de agosto e jogos até fevereiro

A direção da CBF e os dirigentes de clubes das séries A e B projetaram, em reunião nesta quinta-feira, o início do Campeonato Brasileiro para o fim de semana de 8 e 9 de agosto. Com 38 rodadas mantidas, a edição do Brasileiro 2020 só vai terminar em fevereiro.

A informação da data estipulada para o início da competição foi publicada primeiramente pelo portal “Uol”. Os clubes decidiram ainda que a Copa do Brasil também retorna a partir do fim da segunda semana de agosto.

Às 20h53, a CBF soltou a seguinte nota:

“O campeonato Brasileiro da Série A poderá retornar no dia 9 de agosto, domingo. A Série B tem data prevista de recomeço para 8 de agosto.

A decisão foi tomada na noite desta quinta-feira, em reunião convocada pela CBF junto com a Comissão Nacional de Clubes (CNC) com a participação dos 40 clubes disputantes duas séries.

As datas básicas e o cronograma de retorno foram propostos pelo presidente da CBF, Rogério Caboclo, e apoiadas pelos clubes.

O retorno do futebol depende da autorização das autoridades de saúde. Mas, dezenove dos vinte clubes da Série A se dispuseram a jogar fora das suas cidades, em última instância, caso até lá seus municípios não estejam liberados pelas autoridades de saúde a realizar jogos. Foi um sinal de apoio à realização da competição pela CBF.”

Rogério Caboclo na reunião do Conselho Técnico, ainda em fevereiro. Novo encontro virtual projetou início do Brasileiro para agosto — Foto: Reprodução / CBF

Rogério Caboclo na reunião do Conselho Técnico, ainda em fevereiro. Novo encontro virtual projetou início do Brasileiro para agosto — Foto: Reprodução / CBF

A CBF vai marcar as 38 rodadas do Brasileiro e também as partidas da Copa do Brasil – serão dois jogos por semana, exceção ao espaço das datas Fifas, previstas para voltarem em setembro.

Os clubes deliberaram ainda sobre o mando de campo. Como nem todos clubes podem conseguir autorização de prefeitura para liberar partidas, foi discutida a transferência de jogos para outras cidades, que tenham liberação de realizarem eventos esportivos. Os jogos estão previstos sem público. Neste item, apenas o Athletico-PR votou contra. O clube paranaense está momentaneamente proibido de treinar na capital do estado.

Nova janela de transferências

Nessa quarta-feira, os clubes e a CBF já haviam definido o adiamento da janela de transferências. A primeira janela tinha previsão de abertura para o próximo dia 1º de julho (quarta-feira da outra semana), mas será adiada para o fim de julho e deve terminar no fim de agosto. A segunda janela deve ficar para meados de setembro e outubro. As datas exatas ainda serão definidas pela CBF.

A definição de início de Brasileiro provavelmente vai pegar ainda estaduais em curso. Além das competições regionais, ainda há Libertadores e Sul-Americana para encaixar neste calendário.

GE

 

O que é o serviço all-inclusive e como ele tem sido usado pelo turismo brasileiro?

Entenda as vantagens de viajar comprando um pacote como esse

Sol, calor, água, cenários paradisíacos e comida e bebida à vontade: essa é a descrição da viagem dos sonhos de muita gente. Sabendo disso, cada vez mais estabelecimentos estão oferecendo a opção all-inclusive que, como o próprio nome diz, tem tudo incluído no pacote.

Mas, você sabe como esse serviço funciona na prática? Será que realmente compensa financeiramente? É importante tirar essas e outras dúvidas antes de reservar um resort para a família e é isso o que vamos fazer aqui.

Como funciona?

O motivo pelo qual cada vez mais brasileiros estão optando por esse tipo de serviço é evitar surpresas desagradáveis com os custos adicionais na hora do check-out.

A explicação de quem oferece o serviço é que, diferentemente da maioria das hospedagens — que oferecem apenas café da manhã por conta —, no all-inclusive são oferecidos também almoço, jantar, lanches, bebidas e, em alguns casos, até petiscos.

Cada local tem o seu próprio sistema, mas, em geral, os hóspedes recebem uma pulseira ou cartão que dão a eles o direito de consumir à vontade nos restaurantes e bares que fazem parte do pacote, praticamente 24 horas por dia.

É tudo liberado?

Essa é uma pergunta muito importante e que pode evitar muitas surpresas desagradáveis durante a estadia. A resposta é: depende. Pode ser que sim, mas, nem sempre tudo o que é oferecido na hospedagem faz parte do pacote all-inclusive.

Em muitos estabelecimentos estão incluídas como bebidas ilimitadas apenas as não alcoólicas ou alguns drinks específicos. O mesmo pode acontecer com as comidas, e só algumas opções do cardápio estarem incluídas no pacote.

Muita gente se esquece de fazer isso, mas é essencial checar, com detalhes, tudo o que está comprando no pacote, para garantir que o que é oferecido atenda às suas necessidades.

Quem é vegetariano ou tem alguma restrição alimentar, por exemplo, precisa se certificar de que o local oferece opções adequadas à sua dieta.

E compensa?

Cada caso é um caso, mas costuma compensar sim. Em geral, mesmo que o all-inclusive custe mais caro que os pacotes tradicionais, fazer todas as refeições em outros estabelecimentos sairia mais caro, no final das contas, especialmente se estamos falando de famílias.

Também é importante entender que all-inclusive nem sempre significa luxo. Na maioria dos pacotes, há filas para se servir e você pode sim comer o quanto quiser, mas não o que quiser, apenas as opções e marcas disponíveis no cardápio.

Para saber se compensa, vale a pena analisar o quanto você e sua família vão realmente usufruir do que é oferecido no local — evitando correr o risco de pagar caro por serviços que não vão utilizar.

Se você pretende sair para fazer passeios fora por vários dias, por exemplo, essa pode não ser uma boa opção. Até porque esses programas costumam ter um custo à parte.

O all-inclusive é adequado para quem quer passar dias inteiros no resort, comendo e bebendo, sem ter que se preocupar com nada. Ou seja, para quem quer que a hospedagem seja o próprio destino.

Onde é melhor?

A resposta a essa pergunta também depende muito do perfil e das necessidades de cada grupo. Mas, no Brasil, existem ótimas opções de resorts, em locais com paisagens maravilhosas.

Há várias opções na Bahia, como o Complexo Costa do Sauípe, que está entre os melhores do estado. Aliás, há boas opções espalhadas por todo o Nordeste e também pelas regiões Sul e Sudeste.

É só escolher o destino que mais lhe agrada, pesquisar direitinho todos os detalhes e desfrutar de uma viagem inesquecível — e sem surpresas na hora de pagar a conta.

 

Conteúdo Gear Seo

 

 

Flamengo se sagra campeão brasileiro 24 horas após conquistar a Libertadores

Um dia após conquistar o bicampeonato da Libertadores, o Flamengo sagrou-se campeão brasileiro pela sétima vez, neste domingo (24), com o resultado do jogo entre Palmeiras e Grêmio, que terminou com a vitória do tricolor gaúcho por 2 a 1.

O detalhe é que o time rubro-negro não entrou em campo pela competição nacional neste fim de semana, já que a partida contra o Vasco foi antecipada.

Com a derrota, a equipe alviverde não conseguirá igualar o Flamengo em número de pontos até o final da competição.

Ao fim da 34ª rodada, o Flamengo possui 81 pontos, enquanto que o Palmeiras 68 pontos.

(Foto: reprodução/Flamengo)

http://paraiba.com.br/

 

 

Flamengo pode ser campeão brasileiro no próximo fim de semana

O torcedor do Flamengo gritou “é campeão” durante o segundo tempo da vitória contra o Bahia, por 3 a 1, neste domingo, no Maracanã. O time não conquistou ainda o Brasileiro, mas está bem próximo disso e a taça pode vir até mesmo no próximo fim de semana.

Para isso, a conta é simples:

  • O Flamengo precisa vencer o Vasco, quarta, 21h30, no Maracanã, em jogo da 34ª rodada
  • O Flamengo precisa vencer o Grêmio no domingo, 16h, em Porto Alegre
  • O Palmeiras não pode vencer o Bahia, domingo, 16h, em Salvador

O Flamengo, hoje, tem 10 pontos a mais que o Palmeiras. Faltam seis jogos, ou seja, 18 pontos em disputa. De acordo com o matemático Tristão Garcia, o time carioca tem 98% de chances de ser campeão. O Palmeiras 2%.

  • Flamengo tem 77 pontos
  • Palmeiras tem 67 pontos

O Rubro-Negro vencendo os dois próximos jogos e o Palmeiras pelo menos empatando, o Flamengo abriria 15 pontos. No máximo o time paulista poderia igualar, mas perderia em número de vitórias. No momento, é 24 a 19 para a equipe carioca.

GE