Suspeitos de matar Vivianny Crisley são presos em morro no Rio de Janeiro

Publicado em segunda-feira, novembro 21, 2016 ·

presosA Polícia Civil da Paraíba se infiltrou no Rio de Janeiro e conseguiu, nesta segunda-feira (21), a prisão dos outros dois suspeitos do assassinato da jovem Vivianny Crisley. Jobson Barbosa da Silva e Fagber Chagas da Silva estavam escondidos em uma favela.

Segundo informações da polícia, eles chegaram ao morro do Acarí há oito dias. A polícia paraibana fez um trabalho em conjunto com a polícia do Rio, e cumpriu os mandatos de prisão que estavam em aberto.

Os acusados devem ser encaminhados a Paraíba ainda nesta segunda-feira. Após a prisão dos últimos acusados, o caso deve ser encerrado pela Polícia.

Entenda o caso

O corpo de Vivianny foi encontrado na tarde da segunda-feira (7) em estado de decomposição em uma mata que fica na divisa dos municípios de Bayeux e Santa Rita. A informação foi fornecida por um suspeito de envolvimento no desaparecimento de Vivianny, Allex Aurélio Tomas dos Santos, que foi apresentado ontem na Central de Polícia.

De acordo com o acusado, os outros dois suspeitos do crime, identificados como Jobson Barbosa da Silva Júnior, o Juninho, e Fágner das Chagas Silva, o Bebé, teriam sido os responsáveis diretos pela morte da jovem, enquanto que ele pediu para ser deixado em casa antes do assassinato.

Segundo a versão contada por Allex à polícia, Vivianny saiu com o trio da casa de shows, no bairro dos Bancários, no dia 20 de outubro. Os quatro então seguiram para a casa de Allex, que foi deixado sozinho. Após a saída dele do carro, Bebé, Juninho e Vivianny seguiram para a cidade de Santa Rita.

Os dois retornaram para a casa de Allex horas depois, já sem a jovem, e com as roupas sujas de sangue. Bebé e Juninho ainda estavam com o celular de Vivianny e contaram como efetuaram o crime. Segundo eles, Vivianny gritou e por isso foi morta.

wscom

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

 

Comentários

Tags : , , , ,

REDES SOCIAIS




















Focando a Notícia -
Proibida reprodução total ou parcial deste site sem aviso prévio
jornalismo@focandoanoticia.com.br
(83) 99301.2627