Secretária diz que 13% da receita hoje é para custear Estado; PB conquistou ajuste fiscal

Publicado em sexta-feira, Maio 11, 2012 ·

A secretária de Receita do Estado, Aracilba Rocha, afirmou nesta quinta-feira (10) que todos os 110 mil funcionários do Estado receberam aumento no mês de janeiro.

A secretário apresentou documentos (aos apresentadores do programa Rádio Verdade, no Sistema Arapuan) para deixar bem claro o que o Governo conquistou nos últimos meses. Segundo Aracilba, Ricardo Coutinho (PSB) assumiu a gestão com a situação financeira do Estado em más condições, 58% dos R$ 420 milhões da receita do Estado estavam destinados aos servidores públicos, sendo que o tesouro nacional exige que esse número não passe de 46,55%.

“Quando Ricardo assumiu, ele foi obrigado a ir até o Tesouro Nacional e dizer que durante o ano de 2011 ia batalhar pelo reajuste fiscal. E no dia 1º de janeiro de 2012, nós atingimos o ajuste fiscal, fomos o único Estado a batalhar por isso e recebemos os parabéns do Tesouro”, disse.

Aracilba disse que não pode culpar A ou B pela despesa do Estado. Ela fez uma comparação com as despesas dentro de uma casa de um cidadão qualquer. “Uma pessoa pode ter um salário de R$ 2 mil, mas as despesas da sua casa ultrapassam esse valor, chegado a R$ 3 mil. Acaba criando uma dívida. A Paraíba tem uma receita pequena para as despesas que tem, a nossa despesa é de R$ 450 milhões”, afirmou.

De acordo com a secretária, 13% da receita é destinada aos custos do Estado, ou seja, para pagamento de contas de luz, água, de escritórios, gasolina para Polícia, aluguel para instituições, etc. Já 7% é o serviço de dívidas, destinado a pagar todas as dívidas do Estado.

Pedro Callado

Comentários

Tags : , , , , , , , ,

REDES SOCIAIS




















Focando a Notícia -
Proibida reprodução total ou parcial deste site sem aviso prévio
jornalismo@focandoanoticia.com.br
(83) 99301.2627