Santos se vê fora dos trilhos, mas rechaça temor com rebaixamento

Publicado em terça-feira, agosto 16, 2011 ·

dra1Com somente quatro pontos conquistados nas últimas seis partidas, o Santos começa a ligar o sinal de alerta no Campeonato Brasileiro. Ciente que a disputa neste momento é contra a zona de degola e não pelo título, a equipe padronizou o discurso de que tem de dar um jeito de afastar o momento ruim, depois de ter conquistado a Taça Libertadores. Mas nada de pensar que o Alvinegro pode ser rebaixado na competição agora.

– Hoje o Santos não pensa no título. Temos de ser realistas, pois estamos perto do rebaixamento. Nossa realidade é tirar a equipe desta situação. Se vai brigar pelo título isso é mais para frente. Mas não tememos rebaixamento. Tem de ficar preocupado porque ninguém gosta de estar nesta situação, pois é incômoda para todos os jogadores. Temos de fazer algo a mais para voltarmos a brigar por títulos – afirmou o capitão Edu Dracena.

Atualmente, o Santos ocupa a 16ª posição, com 15 pontos. O Alvinegro, que tem duas partidas a menos que os demais concorrentes, está a 19 pontos de Corinthians e Flamengo, principais ponteiros do Campeonato Brasileiro.

– Sabemos que o Brasileiro é difícil, tanto que o América-MG chegou a ganhar de 3 a 0 do Fluminense. Todos os jogos são complicados. Tem de ter autocrítica e saber que temos qualidade e por isso não podemos perder. Não está tudo errado no time, mas engrenando as vitórias nós vamos crescer – complementou o goleiro Rafael.

Os jogadores que conversaram com a imprensa na tarde desta segunda-feira, no CT Rei Pelé, também fizeram questão de frisar que o time não está tendo um mau desempenho no campeonato nacional por problemas com as premiações das conquistas do Paulista ou da Taça Libertadores. Segundo eles, todos os prêmios prometidos pela diretoria alvinegra foram quitados.

Edu Dracena também comentou que as aparições de atletas badalados como Neymar e Ganso em programas como a “Malhação”, da TV Globo, ou em outros compromissos com patrocinadores, não têm comprometido o desempenho em campo.

– Neste momento tudo vai ser falado e podem dizer que está atrapalhando. Mas os mesmos jogadores faziam isso quando o time estava ganhando e ninguém falava nada. Quando não se ganha vai sempre procurar alguma coisa. Cada jogador sabe o que pode melhorar, trabalhar mais para conquistar vitórias. É falar menos e trabalhar mais para colocar o trem nos trilhos – pregou o defensor.

O Santos volta a treinar na tarde desta terça-feira, no CT Rei Pelé. Na quarta, às 21h50, o Peixe enfrenta o Coritiba, na Vila Belmiro.

Globoesporte.com

Comentários

Tags :

REDES SOCIAIS













ARTICULISTAS
Ramalho Leite
Karlos Thotta
Padre Bosco







Focando a Notícia -
Proibida reprodução total ou parcial deste site sem aviso prévio
jornalismo@focandoanoticia.com.br
(83) 99301.2627