RU da UFPB promete providências após reclamação de estudantes

Publicado em segunda-feira, julho 22, 2013 ·

Foto publicada em grupo da UFPB mostra insetosna sopa (Foto: Reprodução/Facebook)
Foto publicada em grupo da UFPB mostra insetos
na sopa (Foto: Reprodução/Facebook)

Após estudantes da Universidade Federal da Paraíba denunciarem problemas em pelo menos duas das refeições servidas no Restaurante Universitário da instituição, o superintendente do RU, Antonio Luiz de Albuquerque Gomes, anunciou no domingo (21) as medidas que serão tomadas. Estudantes disseram ter encontrado larvas e insetos na sopa do jantar da quinta-feira (18). No sábado (20), uma estudante divulgou imagens de uma berinjela, que faz parte do cardápio vegetariano, com larvas. Os estudantes disseram ainda que são maltratados por funcionários do RU. Nesta segunda-feira (22), haverá uma reunião com a equipe do RU para discutir o problema apontado pelo estudantes.

Em nota, Antonio Luiz Gomes informa que tomou conhecimento do problema registrado durante o jantar da quinta-feira pelo chefe de cozinha e que adotou as medidas iniciais para a solução do problema. Na sexta-feira (19), a direção disse que identificou a origem das larvas e insetos na refeição servida na noite da quinta-feira.

De acordo com o superintendente, o problema foi causado por um macarrão do tipo parafuso, cujo fornecedor é de Contagem, cidade do estado de Minas Gerais.

Antônio Luiz Gomes afirmou que “restar saber” de que forma a comida foi feita sem que os funcionários vissem o inseto no macarrão.

O superintendente disse que os alimentos que foram servidos aos estudantes estavam dentro do prazo de validade e enfatizou ainda que nunca ocorreu problema semelhante.

Providências
A superintendência do RU informou que vai tomar providências no sentido de evitar que denúncias por conta de irregularidades na comida ocorram. Entre as medidas que serão adotadas, estão:

a solicitação de aumento no quadro de funcionários terceirizados que prestam serviços nas unidades de João Pessoa e Areia, no Brejo do estado;

Rever todos os processos de fabricação dos alimentos servidos aos estudantes com nutricionistas e servidores de cada setor;

Apressar a atualização dos encaminhamentos para atualizar os equipamentos do RU
Estimular um canal de diálogo entre estudantes e funcionários;

Promover um processo de conscientização entre alunos e funcionários do RU para um melhor relacionamento.

 

G1

Comentários

Tags :

REDES SOCIAIS


















Focando a Notícia -
Proibida reprodução total ou parcial deste site sem aviso prévio
jornalismo@focandoanoticia.com.br