Romero cobra do Governo Federal reinício das obras da Transposição

Publicado em sexta-feira, outubro 14, 2011 ·

Romero RodriguesO deputado federal Romero Rodrigues cobrou na Câmara dos Deputados, em Brasília, o reinício dos trabalhos da Transposição do Rio São Francisco na Paraíba e em outros Estados do Nordeste. Conforme o próprio Ministério da Integração Nacional estão paralisados os lotes 4, em Verdejante (PE); 7, em São José de Piranhas (PB), e o lote 9, em Floresta(PE).

Segundo Romero é preciso que o Governo Federal agilize as providências para o reinício dos trabalhos. Esses trechos aguardam a finalização das negociações dos contratos e dos levantamentos necessários à licitação de serviços que não serão executados pelos Consórcios atualmente contratados.

As obras do lote 8, referentes à construção das estações de bombeamento do Eixo Norte, localizadas no município de Cabrobó (PE), do Projeto de Integração do Rio São Francisco, deverão ser iniciadas até o final deste mês de outubro. O ministro da Integração Nacional, Fernando Bezerra Coelho, assinou na quarta-feira (5/10), o contrato de serviço com as empresas Mendes Jr. e GDK SA. O investimento deste trecho será de R$ 275,9 milhões.

O consórcio responsável pelo lote estima que o efetivo de mão de obra alcance até mil funcionários. Ao todo, serão construídas três grandes estruturas. A maior delas, a estação de bombeamento 3, terá 90 metros de altura. As estações são responsáveis por bombear a água quando há um desnível de terreno. No caso do Eixo Norte do Projeto São Francisco, o bombeamento ocorrerá logo após a captação do rio São Francisco, em Cabrobó (PE), e a água seguirá o seu curso por gravidade até o Rio Grande do Norte.

Ritmo das obras – Seis lotes já apresentam ritmo adequado de obra: os canais de aproximação; o lote 3, em Salgueiro (PE); o lote 14, em São José de Piranhas (PB); o lote 11, em Custódia (PE) e o lote 6, em Mauriti (CE). Sendo que, este último, já possui mais de mil funcionários contratados.

Os outros cinco lotes: o lote 1, em Cabrobó (PE); o lote 2, em Salgueiro (PE); o lote 10, em Custódia (PE); o lote 12, em Sertânia (PE) e o 13, em Floresta (PE) seguem em ritmo lento, mas deverão ter seus trabalhos normalizados nas próximas semanas. O lote 5, referente a construção das sete barragens, em Jati (CE), terá seu edital de licitação publicado neste mês de outubro.

Os lotes que, atualmente, estão paralisados são: o lote 4, em Verdejante (PE); 7, em São José de Piranhas (PB), e o lote 9, em Floresta(PE). Esses trechos aguardam a finalização das negociações dos contratos e dos levantamentos necessários à licitação de serviços que não serão executados pelos Consórcios atualmente contratados.

O Projeto de Integração do Rio São Francisco tem 700 km de extensão e vai beneficiar 12 milhões de pessoas no semiárido nordestino. É dividido em 14 lotes de obras, e mais dois canais de aproximação, executados pelo Exército. A meta do Governo Federal é que tudo esteja terminado em 2015. Atualmente, o Eixo Leste, de 287 km e que levará água a Pernambuco e Paraíba, está com 70% das obras concluídas. O Eixo Norte, com 426 km de comprimento, está com 45% executado e beneficiará Pernambuco, Paraíba, Ceará e Rio Grande do Norte.

Assessoria para o Focando a Notícia

Comentários

Tags :

REDES SOCIAIS


















INSTAGRAM @focandoanoticia


Focando a Notícia -
Proibida reprodução total ou parcial deste site sem aviso prévio
jornalismo@focandoanoticia.com.br
(83) 99301.2627