Racionamento não, colapso!

Publicado em quarta-feira, Janeiro 29, 2014 ·

Racionamento de água? De onde foi que a Agência Nacional de Águas (ANA) tirou a ideia de que a Paraíba pode sofrer racionamento de água? O que o estado pode enfrentar é um colapso total, porque quem mora em várias cidades do interior já está tendo que suportar racionamento desde o ano passado.

E os jornais focam bastante o Sertão, mas essa não é a única região que tem sofrido com a seca que aterroriza a Paraíba. No Brejo, cidades como Arara, Bananeiras, Casserengue e Solânea enfrentam essa dura realidade há meses. Os prefeitos têm se desdobrado para conseguir manter o mínimo de armazenamento nos reservatórios e a população tem trabalhado duro para cumprir as tarefas diárias com o pouco de água que chega em suas casas.

Na verdade acho que dá para contar nos dedos os municípios que não têm vivido o racionamento. Os que compõem a Grande João Pessoa devem ser os poucos exemplos disso. Não sei como anda Campina Grande, mas pela situação do açude de Boqueirão imagino que as torneiras de lá também andam secas.

Lamentar a seca não é o mais apropriado, pois ela é um fenômeno da natureza que existe desde que o mundo é mundo e a tendência é piorar com a forma como nós, seres humanos, temos tratado o meio ambiente.

O que temos que lamentar mesmo é que as medidas para amenizar os efeitos da estiagem continuam apenas no papel e pouco tem sido feito para que elas passem para a prática. É muita conversa e pouca ação.

O povo do Agreste, Brejo e Curimataú, por exemplo, continua esperando pela Adutora de Jandaia. Será que ela um dia será uma realidade?

Não se enganem com esses políticos que lhe oferecem um balde de água em troca de um voto. Esses são aqueles típicos que nunca irão mover uma palha para promover projetos que mudem essa realidade.

Comentários

Tags :

REDES SOCIAIS













ARTICULISTAS
Ramalho Leite
Karlos Thotta
Padre Bosco





INSTAGRAM @focandoanoticia


Focando a Notícia - CNPJ: 11.289.729/0001-46
Proibida reprodução total ou parcial deste site sem aviso prévio
jornalismo@focandoanoticia.com.br
(83) 99301.2627