PT nega intervenção Nacional e ainda acredita em aproximação do PMDB; ‘partidos não querem volta do PSDB’

Publicado em quinta-feira, julho 3, 2014 ·

Jackson MacedoO secretário de Organização do Partido dos Trabalhadores na Paraíba, Jackson Macedo, desmentiu que a Executiva Nacional do partido esteja preparando uma intervenção no estado e garantiu que ‘tudo o que está sendo feito tem o aval da Nacional’.

Para Macedo, a questão sobre intervenção da Nacional do partido é um “boato de pressão nacional do PMDB. Desespero. O PT não pode entrar nesse jogo. Está focado, já decidiu em convenção e estamos cuidando da parte burocrática de registro da candidatura. Estamos tocando as coisas como tem que ser tocadas”, diz.

De acordo com o secretário não existe nenhuma verdade nestes boatos e o PT está sintonizado e em contato direto com a Direção Nacional. “Estamos construíndo dentro da chapa de Ricardo Coutinho, e de partidos aliados, um palanque forte para Dilma”, destaca.

CURTA o FOCANDO A NOTÍCIA no Facebook

Quanto a questão que também foi cogitada de ter a situação invertida o PMDB sofrer a intervenção nacional, Macedo apontou que isso é da ‘economia interna do PMDB’ e justificou novamente a decisão de seguir com o PSB. “eles anunciaram uma candidatura que não era a que estava combinada com o PT. Os partidos vinham construindo de forma honesta e sincera a candidatura de Veneziano. Com a retirada dessa candidatura e outro projeto do PMDB, o PT sentiu necessidade de construir campanha com outros aliados”, destaca.

“Se o PMDB vir a apoiar Ricardo Coutinho ou não, cabe ao PMDB, se vier será bem vindo”, conta.

Macedo comentou que o nome de Veneziano ou qualquer um vai ajudar muito na campanha. ‘O que é importante é que tanto o PSB, quanto o PT e o PMDB não querem a volta do PSDB. Do governo que foi cassado por questões éticas e temos em comum esse projeto de união desses três’.

Marília Domingues

‘Em respeito à Justiça Eleitoral, o portal paraiba.com.br suspende temporariamente a publicação de comentários neste espaço para evitar eventuais casos e interpretações de propaganda eleitoral antecipada e/ ou uso para denegrir pré-candidatos. Agradecemos aos leitores pela compreensão.

 

Comentários

Tags :

REDES SOCIAIS











ARTICULISTAS
Ramalho Leite
Karlos Thotta
Padre Bosco







Focando a Notícia -
Proibida reprodução total ou parcial deste site sem aviso prévio
jornalismo@focandoanoticia.com.br