PT Estadual orienta intervenção no Diretório Municipal de Sousa e anula apoio ao prefeito Tyrone

Publicado em quarta-feira, Abril 25, 2012 ·

O petista Lafayette Gadelha, com o apoio dos deputados Anísio Maia e Frei Anastácio, conseguiu uma vitória de gigante nessa terça (24) à noite no Partido dos Trabalhadores, ao conseguir a intervenção no diretório municipal de Sousa, derrubando, assim o presidente do partido Gervásio Bernardo. Na mencionada reunião da Executiva Estadual decidiu-se pela intervenção no Diretório Municipal sousense, que terá as suas ações coordenadas e seus destinos definidos por três membros da Executiva Estadual do PT, a argumentação usada pelos membros da Direção foram as práticas nefastas perpetradas por Gervásio Bernardo e suas atitudes autoritárias no comando do Partido em Sousa.

Também foi confirmado a anulação do encontro, considerado viciado, realizado pela instância municipal, no qual se definiu o apoio ao PTB, do Prefeito Fábio Tyrone. Sobre esse encontro, as alegações que embasaram a Direção Estadual para a anulação foi de que todo o encontro estava em desacordo com o regimento do PT. O desfecho da noite de terror para Bernardo, foi o seu encaminhamento ao Conselho de Ética, para apurar as denúncias que Gervásio verbalizou contra o Deputado Estadual Anísio Maia, dentre outros atos de indisciplina e ausência de decoro cometidos por Gervásio Bernardo durante esses anos de PT.

Em sua página pessoal no Twitter Lafayette Gadelha, que juntamente com Anísio Maia foram os principais articuladores desse resultado, vibrou com o resultado da reunião: “@LafaGadelha: Vencemos, Companheiros! Definitivamente vencemos.” Prosseguiu, Lafa: “A Executiva Estadual aprovou a anulação do encontro no dia 30 e orientou a intervenção no Diretório Municipal. Vitória da democracia! Vitória do PT”. Concluindo, Lafayette citou Caetano Veloso, com a frase “o velho esquema desmorona dessa vez pra valer…” e afirmou que o PT de Sousa saía de uma fase ditatorial e ganha agora ares democráticos.

Com essa decisão, Lafayette ganha força não apenas dentro do partido dos trabalhadores, mas em todos os contornos da política sousense. Assim, o jogo fica zerado, uma vez que o PT agora pode apoiar a oposição, aliando-se com o PMDB e o PSC, maiores partidos de força de coalisão com o grupo situacionista.

Fonte: Portal 950
Focando a Notícia

Comentários

Tags :

REDES SOCIAIS




















Focando a Notícia -
Proibida reprodução total ou parcial deste site sem aviso prévio
jornalismo@focandoanoticia.com.br
(83) 99301.2627