PSB deixa governo Alckmin e abre caminho para aliança com PT

Publicado em quarta-feira, junho 6, 2012 ·

O presidente estadual do PSB em São Paulo, deputado licenciado Márcio França, entregou nesta terça-feira (5) o cargo de Secretário de Turismo do governo Geraldo Alckmin (PSDB).

A saída, antecipada pelo “Painel”, abre caminho para o PSB declarar apoio ao pré-candidato do PT a prefeito de São Paulo, Fernando Haddad.

França defendia que o partido apoiasse José Serra (PSDB), aliado de Alckmin. O acordo foi vetado pelo presidente nacional do partido, o governador de Pernambuco Eduardo Campos.

Em nota divulgada nesta terça, o dirigente do PSB disse se afastar “em razão do processo eleitoral” e fez elogios a Alckmin, a quem chamou de “digno e estimado” governador. Ele reassumirá o mandato de deputado na Câmara.

Eduardo Campos deve se reunir com o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva após o feriado de Corpus Christi para formalizar a adesão do PSB a Haddad.

Assim, o partido deve ser o primeiro a declarar apoio ao pré-candidato do PT em São Paulo. Os petistas também tentam atrair o PC do B, que deve retirar nos próximos dias a pré-candidatura a prefeito do vereador Netinho de Paula.

Folha

Comentários

Tags : , , , , , ,

REDES SOCIAIS











ARTICULISTAS
Ramalho Leite
Karlos Thotta
Padre Bosco





INSTAGRAM @focandoanoticia


Focando a Notícia - CNPJ: 11.289.729/0001-46
Proibida reprodução total ou parcial deste site sem aviso prévio
jornalismo@focandoanoticia.com.br
(83) 99301.2627