Professores de Guarabira realizam ato público e esclarecem motivos da paralisação

Publicado em quinta-feira, julho 21, 2011 ·

Professores de Guarabira 001Os profissionais da educação do município de Guarabira continuam com as atividades paralisadas.

Eles realizaram na quarta-feira (20) um ato público e uma caminhada pelo centro da cidade em protesto ao não cumprimento, por parte da prefeita Fátima Paulino (PMDB), da lei do piso nacional do magistério.

Também reclamaram da intrangicência da gestora em não querer receber o sindicato da categoria para dialogar. Nesta quinta-feira os professores participam de sessão extraordinária na Câmara.

Confira a carta na íntegra:

SINDICATO DOS TRABALHADORES EM EDUCAÇÃO DO MUNICÍPIO DE GUARABIRA/PB – SINTEMG

Rua João Gomes Maranhão, nº 20 – Sala 07 -2º andar, Centro – Guarabira/PB.

Fones: (83) 8726-7786/9644-5879

Fundado em 03 de setembro de 2003 – CNPJ: 06.051.891/0001-91

Carta Aberta

O Sindicato dos Trabalhadores em Educação do Município de Guarabira (SINTEMG) vem a público e em nome da verdade esclarecer que diante da intransigência da Prefeita de Guarabira, Fátima Paulino, em não cumprir a lei do piso salarial dos professores, não oferecer melhores condições de trabalho e nem sequer receber os representantes da categoria para possíveis negociações, mesmo tendo este Sindicato protocolado diversos pedidos de audiência desde o mês de dezembro do ano de 2010, não obtendo êxito. Diante da falta de compromisso com a nossa educação básica por parte da Sra. Fátima Paulino, não tivemos outra saída que não fosse deflagrarmos movimento de paralisação das atividades docentes.

Os representantes da Prefeitura Municipal tentam ludibriar a população guarabirense com diversas inverdades, alegando que já pagam o piso aos professores, uma vez que a atual remuneração, incluída gratificações, corresponde a R$ 1.009,50. A bem da verdade o Supremo Tribunal Federal decidiu que o piso é vencimento básico, não mais a remuneração anunciada pela liminar outrora concedida logo, toda vantagem e gratificação que tiverem sido utilizadas para completar o piso DEVEM SER COBRADAS DESDE JANEIRO DE 2009, COM JUROS E CORREÇÃO MONETÁRIA, uma vez que o atual vencimento básico pago aos professores de Guarabira é de R$ 673,00, enquanto que o piso Nacional é de R$ 1.187,97.

Conclamamos a todos os colegas professores, pais, alunos e a comunidade em geral para lutarmos em prol de uma escola pública gratuita, de qualidade e universal!

Lembramos que as aulas poderão ser totalmente repostas ao final da greve (negociação), diminuindo os prejuízos para todas as partes envolvidas!

Guarabira, 15 de julho de 2011.

André da Silva Santos

Presidente do SINTEMG

Professores de Guarabira 003

Professores de Guarabira 004

Professores de Guarabira 005

Professores de Guarabira 002

Redação/Focando a Notícia

Comentários

Tags :

REDES SOCIAIS













ARTICULISTAS
Ramalho Leite
Karlos Thotta
Padre Bosco







Focando a Notícia -
Proibida reprodução total ou parcial deste site sem aviso prévio
jornalismo@focandoanoticia.com.br
(83) 99301.2627