Prazo para aderir ao Cadastro Pró-Ética termina no dia 27 de setembro

Publicado em quarta-feira, setembro 4, 2013 ·

As empresas interessadas em participar da quinta rodada de avaliação do Cadastro Pró-Ética devem submeter o seu pedido de adesão até o dia 27 de setembro, por meio de um formulário eletrônico. Após a validação do formulário, o representante da empresa receberá login e senha para acesso à área restrita da página em que ele deverá responder um questionário eletrônico. O Cadastro é uma iniciativa da Controladoria-Geral da União e do Instituto Ethos

Divulgação/INPIEmpresas devem submeter o pedido de adesão até o dia 27 de setembro, por meio de um formulário eletrônico

  • Empresas devem submeter o pedido de adesão até o dia 27 de setembro, por meio de um formulário eletrônico

Além de responder ao questionário, a empresa precisará encaminhar as informações e documentação que atestem os dados informados. Para ser aprovada pelo Cadastro, a organização precisa atender a 100% dos 29 artigos obrigatórios e a, pelo menos, 50% dos desejáveis (18 dos 36 que integram a lista) presentes no questionário.

A empresa só deve submeter o questionário, completamente preenchido, após a inserção dos documentos e informações que demonstrem atender os requisitos estabelecidos no regulamento. O questionário inclui perguntas sobre a adoção de regras formais de relacionamento com o setor público, códigos de conduta, canais internos e externos de denúncias, sistemas de controle e auditoria, programa de compliance e política de transparência que envolva, inclusive, as doações para campanhas políticas efetuadas pela empresa a partidos e candidatos.

O Cadastro dará visibilidade às empresas que compartilham a ideia de que a corrupção é um problema que deve ser prevenido e combatido não só pelo governo, mas também pelo setor privado e pela sociedade. Ao se cadastrar, a organização assume o compromisso público e voluntário, perante o governo e a sociedade, de que adota medidas para prevenir e combater a corrupção dentro de sua instituição, em favor da ética nos negócios.

 

O Cadastro

O Cadastro tem o objetivo de incentivar a adoção de políticas e ações que são reconhecidamente desejadas e necessárias para se criar um ambiente de integridade que reduza os riscos de ocorrência de fraude e corrupção e aumente a confiança nas relações entre o setor público e o setor privado.

Atualmente, o Cadastro Pró-Ética é composto por 15 empresas, entre as quais 3M do Brasil, Banco do Brasil, Banco Santander, Caixa Econômica Federal, Celesc, Dudalina e Duratex. Não é concedido à empresa incluída no Cadastro benefício público ou tratamento diferenciado nas suas relações com a Administração Pública, principalmente em licitações ou contratos.

 

Instituto Ethos

O Instituto Ethos de Empresas e Responsabilidade Social tem a missão de mobilizar, sensibilizar e ajudar as empresas a gerir seus negócios de forma socialmente responsável, tornando-as parceiras na construção de uma sociedade justa e sustentável.

O Instituto Ethos é um polo de organização de conhecimento, troca de experiências e desenvolvimento de ferramentas para auxiliar as empresas a analisar suas práticas de gestão e aprofundar seu compromisso com a responsabilidade social e o desenvolvimento sustentável

Fontes:

Controladoria-Geral da União

Empresa Pró-Ética

Comentários

Tags :

REDES SOCIAIS













ARTICULISTAS
Ramalho Leite
Karlos Thotta
Padre Bosco





INSTAGRAM @focandoanoticia


Focando a Notícia - CNPJ: 11.289.729/0001-46
Proibida reprodução total ou parcial deste site sem aviso prévio
jornalismo@focandoanoticia.com.br
(83) 99301.2627