Portuguesa busca empate fora com Criciúma, mas “adia” título

Publicado em quarta-feira, novembro 2, 2011 ·

80962_W220Q60I2SASRFHFVRLRRCLCTCRCBCom o acesso já assegurado e precisando de apenas mais uma vitória para conquistar o título da Série B, a Portuguesa empatou por 1 a 1 com o Criciúma, fora de casa, pela 34ª rodada da competição, nesta terça-feira. Mesmo chegando a 17 jogos de invencibilidade, a equipe do técnico Jorginho ainda terá que esperar para comemorar.

Líder isolado com 71 pontos, o time paulista pode se sagrar campeão sem jogar, no fim de semana, caso Náutico e Ponte Preta não vençam seus jogos no complemento da rodada, respectivamente contra ASA e Americana.

Já a equipe catarinense, que, enquanto vencia a partida, conseguia entrar provisoriamente no G-4, termina a noite na sexta colocação, com 50 pontos.

Irreconhecível no primeiro tempo, a Portuguesa sofreu um gol de Anderson Conceição logo no primeiro minuto de jogo e foi dominada pelo Criciúma, que desperdiçou boas oportunidades até o intervalo. No segundo tempo, mais equilibrado, os paulistas buscaram o empate, com Cleiton, e a partida ficou aberta. Nos minutos finais, o time da casa pressionou e parou nas boas defesas de Weverton.

Na próxima rodada, toda agendada para a terça-feira, a Portuguesa enfrenta o Sport, às 20h30 (de Brasília), no Canindé. Às 21h50, o Criciúma joga fora de casa contra a Ponte Preta.

O jogo

Empurrado pelo Estádio Heriberto Hulse lotado, o Criciúma foi para cima do líder do campeonato e abriu o placar logo no primeiro minuto. O goleiro Weverton saiu mal para afastar escanteio cobrado por Doriva. Anderson Conceição aproveitou e, de cabeça, marcou para a equipe da casa.

Apesar de ser a única equipe da Série B que já assegurou acesso para a elite no próximo ano, a Portuguesa demonstrava nervosismo e pecava pelo excesso de erros de passe. Sem a dupla titular na defesa, a equipe rubro-verde deixava muitos espaços para os catarinenses, que pressionavam. Aos 11min, Jaime afastou errado de cabeça e entregou no meio. Doriva chegou batendo de longe e quase marcou o segundo.

Aos 15min, o Criciúma chegou bem novamente. Baraka se antecipou ao zagueiro Renato e desviou meio sem jeito. Weverton ficou parado e a bola passou perto do gol.

Apesar de ter dificuldade para manter a posse de bola, aos poucos a Portuguesa conseguiu acertar a marcação e neutralizar melhor as ações catarinenses. Já no fim do primeiro tempo, o time paulista conseguiu criar oportunidades para empatar.

Aos 34min, Jaime aproveitou cobrança de escanteio e a bola sobrou com Ananias, que dividiu com Andrey e foi travado pela zaga. No minuto seguinte, depois de nova cobrança de escanteio, Jaime subiu de cabeça e mandou perto do travessão.

Melhor postada na defesa, a Portuguesa conseguiu deixar o jogo truncado depois do intervalo. O primeiro lance agudo da etapa foi apenas aos 15min, em um chute de longe de Jackson, que ganhou espaço e tentou de longe, para boa defesa de Weverton.

A Portuguesa respondeu logo depois e chegou ao empate. Aos 19min, Cleiton aproveitou cruzamento de Ananias, dominou na área e tocou com tranquilidade, tirando Andrey.

O jogo ficou mais aberto após a igualdade do placar. Aos 32min, em uma defesa incrível, Weverton impediu que Adeilson empatasse, de cabeça.

Nos minutos finais, os paulistas recuaram e até o goleiro Andrey foi para a área. Apesar da pressão, o placar não se alterou.

Comentários

Tags :

REDES SOCIAIS


















INSTAGRAM @focandoanoticia


Focando a Notícia -
Proibida reprodução total ou parcial deste site sem aviso prévio
jornalismo@focandoanoticia.com.br
(83) 99301.2627