PMDB pode ter chantageado Dilma com relação a situação da aliança PT/PMDB na PB

Publicado em segunda-feira, julho 7, 2014 ·

vital e dilmaUma fonte do PT informou hoje ao site Parlamentopb que a determinação da executiva nacional do PT para forçar a aliança na Paraíba com o senador Vital Filho, candidato do PMDB ao Governo do Estado, teria sido feita depois de uma ameaça do peemedebista à presidente da República, Dilma Rousseff (PT). Relator da CPI da Petrobras, Vital teria sinalizado com a convocação de Dilma para prestar depoimento. Temendo desgaste em plena campanha, o PT nacional cedeu para que fosse celebrada a composição com os petistas paraibanos.
Acreditando que a determinação da comissão executiva nacional do PT traz uma brecha para a manutenção do acordo com o governador Ricardo Coutinho (PSB), candidato à reeleição, setores do PT da Paraíba apostam em uma declaração pública de neutralidade no primeiro turno do socialista. O governador, inclusive, já teria feito contato com Dilma Rousseff para transmitir a ela sua disponibilidade para atender ao trecho da resolução petista.
“Estamos tentando viabilizar essa declaração para manter a aliança com o PSB, que ofereceu ao PT a vaga de candidato ao Senado. Pode haver novidades neste cenário”, disse o petista que pediu para não ser identificado.
A resolução da executiva nacional do PT, aprovada no dia 26, diz o seguinte:
Paraíba
 
A CEN determinou o apoio ao PMDB ao governo, caso mantida a candidatura do senador Vital do Rego. Condiciona eventual apoio ao PSB ao compromisso de neutralidade do governador durante o primeiro turno e seu compromisso de apoio à presidenta Dilma na hipótese de segundo turno. Exige também a garantia de candidatura do PT ao Senado.
Outro lado – Procurada pela reportagem do Parlamentopb, a assessoria do senador Vital Filho considerou a informação como “risível” e “descabida” e garantiu que esse tipo de condição nunca foi colocada pelo peemedebista. “O que interessa ao PT nacional é um palanque forte para Dilma Rousseff nos estados. Para isso, a executiva nacional baixou resolução que atinge 15 estados. Em cada um deles existe um presidente de CPI? Essa é uma acusação leviana, risível e descabida”, comentou a assessoria de Vital.
Fonte – Parlamentopb

Comentários

Tags :

REDES SOCIAIS











ARTICULISTAS
Ramalho Leite
Karlos Thotta
Padre Bosco







Focando a Notícia -
Proibida reprodução total ou parcial deste site sem aviso prévio
jornalismo@focandoanoticia.com.br