PF detém Dinaldo Wanderley com dinheiro e material de campanha em Patos

Publicado em quarta-feira, setembro 26, 2012 ·

Imagem: Lana Caprina

A Polícia Federal no município de Patos (no Sertão paraibano, a 295 quilômetros de João Pessoa) deteve na noite da terça-feira (25), o ex-deputado estadual Dinaldo Wanderley.  Ele foi conduzido a sede do órgão na entrada da cidade. O parlamentar estava com uma quantia especulada em R$ 30 mil, além de material que seria utilizado durante a campanha.

De acordo com o advogado do ex-prefeito, Felipe Palmeira, Dinaldo Wanderely ficou detido por duas horas na PF para prestar esclarecimento sobre o material e o dinheiro. Ele conseguiu comprovar regularidade do material, através da apresentação de nota fiscal. O dinheiro também estaria dentro da lei. “A denúncia foi comprovada que era vazia, por isso Dinaldo foi liberado pela PF”, disse o advogado.

A versão ainda do advogado relata que o material foi comprado em João Pessoa para fazer bandeiras e o dinheiro apreendido seria utilizado ao pagamento de funcionários.

O delegado Felipe Alcântara ainda está contabilizando o dinheiro, mas especula-se que a quantia apreendida esteja em torno de R$ 30 mil. Ele comunicou que em breve divulgará uma nota sobre o caso.

O ex-deputado é pai do candidato a prefeito Dinaldo Wanderley Filho, o Dinaldinho, da coligação  ‘Por uma Patos Melhor’, formada pelo PP/PDT/ PSL/PTN/PPS/DEM/PSDC/PRTB/PTC/PSB/PV/PRP/PSDB/PSD. Filiado ao Democratas, Dinaldinho, 35 anos, tem como adversária a deputada estadual peemedebista Francisca Motta, 71 anos. Ela concorre  pela coligação ‘O Melhor Pra Patos’, que em os partidos PRB/PT/PTB/PMDB/PSC/PR/PHS/PMN/PPL/PC do B/ PT do B.

Cícero Araújo do Jornal Correio

Comentários

Tags : , , , , ,

REDES SOCIAIS











ARTICULISTAS
Ramalho Leite
Karlos Thotta
Padre Bosco





INSTAGRAM @focandoanoticia


Focando a Notícia - CNPJ: 11.289.729/0001-46
Proibida reprodução total ou parcial deste site sem aviso prévio
jornalismo@focandoanoticia.com.br
(83) 99301.2627