Pesquisas do PT mostram que muitos associam Campos com ‘traição’

Publicado em sábado, Março 30, 2013 ·

eduardo-camposSe colar, colou Pesquisas qualitativas em mãos do PT mostram que, quando questionadas sobre a eventual candidatura à Presidência do governador Eduardo Campos (PSB), muitas pessoas associam a ele variações das palavras “traição” e “ingratidão”. Por isso, a ordem entre os petistas é bater na tecla de que Lula e Dilma Rousseff ajudaram o aliado com investimentos generosos em oito anos. Em tom light, a própria presidente citou essas realizações em sua visita a Pernambuco.

CURTA o FOCANDO A NOTÍCIA no Facebook

Leite… Em recente jantar com empresários, no Rio, José Dirceu disse que o PT deveria ter se empenhado para abater a candidatura de Campos antes que ela levantasse voo, e que agora seria tarde.

… derramado O ex-ministro, condenado no mensalão, também previu que nenhum partido, nem mesmo o PMDB, vá apoiar “100%” a reeleição de Dilma. Todos devem ir à urna rachados.

Dedicatória No encontro reservado que tiveram na terça-feira em Brasília, o senador Pedro Simon (RS) presenteou Campos com um livro. O pessebista ficou muito satisfeito com o teor da conversa com o dissidente do PMDB.

Pernoite Cid Gomes (CE) convocou os demais governadores do Nordeste para chegarem a Fortaleza na véspera do encontro com Dilma para discutir medidas antisseca. Em café da manhã na terça eles vão fechar as propostas que levarão à presidente.

Laranja 1 O Planalto incentiva a circulação de versão segundo a qual Dilma ficou irritada com a pré-candidatura de Clésio Andrade (PMDB) ao governo de Minas, logo após conceder o Ministério da Agricultura ao partido.

Laranja 2 Aliados da presidente, no entanto, dizem que a aliança PT-PMDB já está selada no Estado, e Andrade terá a função de ocupar espaço político e fustigar o PSDB para, mais adiante, apoiar o candidato petista, provavelmente o ministro Fernando Pimentel (Desenvolvimento).

Nem sinal O presidente do PTB, Benito Gama, diz que a ação da bancada do Senado para emplacar um ministro não passa pelo comando da sigla. Ele aguarda desde novembro resposta a um pedido de audiência com Dilma.

Dividida Após manifestar publicamente desconforto com a escolha de Marco Feliciano (PSC-SP) para o comando da Comissão de Direitos Humanos da Câmara, a ministra Maria do Rosário (Direitos Humanos) se recolheu. Pré-candidata ao Senado em 2014, quer evitar embate com o PT, que cedeu suas vagas no colegiado ao partido do pastor-deputado.

Até tu? O PSB indicou para a agora célebre comissão comandada por Feliciano o também pastor Eurico Silva (PE), líder da Assembleia de Deus e aliado de Eduardo Campos. O deputado é crítico severo da decisão do STF que permite união homoafetiva.

Bem… Renan Calheiros (PMDB-AL) aproveita a confusão na Câmara, que tira o sono de seu correligionário Henrique Alves (RN), para tentar refazer sua imagem no Senado. O presidente da Casa manda boletins diários para a imprensa, ressaltando a agenda positiva.

… na foto Depois de posar sorridente para fotos ao lado das relatoras da PEC das domésticas e capitalizar a medida, de grande alcance social, o peemedebista fará uma festa na terça-feira para a assinatura da nova lei.

Media training Geraldo Alckmin passou a cumprir roteiro de candidato durante visitas ao interior. Além de inspecionar obras, o tucano programou extensa agenda de entrevistas a TVs, rádios e jornais regionais.

*

TIROTEIO

Quando sai do script de João Santana, Dilma se perde. Disse que inflação é secundária e, após a reação, perdeu a ensaiada simpatia.

DO DEPUTADO MARCUS PESTANA (PSDB-MG), sobre a ação do governo e da presidente para negar que tenha dito que combate à inflação não é prioridade.

*

CONTRAPONTO

Vigilante do peso

O presidenciável tucano Aécio Neves e o líder do PSDB na Câmara, Carlos Sampaio (SP), conversavam no cafezinho do Senado quando chegou um grupo de governistas, cantando “Parabéns para você” para Ideli Salvatti.

A ministra cortou uma generosa fatia de bolo para Aécio, mas ofereceu uma pequena ao deputado.

–Para você, Carlão, um pedaço pequeno, porque você me deu muito trabalho nas CPIs.

–Estou de dieta. Aceito minha parte em emendas –respondeu o tucano, em tom de brincadeira.
–Nada de emenda no meu aniversário! –replicou ela.

Folha de S. Paulo

Comentários

Tags : , , , ,

REDES SOCIAIS











ARTICULISTAS
Ramalho Leite
Karlos Thotta
Padre Bosco





INSTAGRAM @focandoanoticia


Focando a Notícia - CNPJ: 11.289.729/0001-46
Proibida reprodução total ou parcial deste site sem aviso prévio
jornalismo@focandoanoticia.com.br
(83) 99301.2627