PCC estaria aliciando traficantes para instalação de núcleo na Paraíba

Publicado em quarta-feira, setembro 19, 2012 ·

Reunião da Al Qaeda em João Pessoa

Durante as investigações que culminaram com a ‘Operação Esqueleto’ e a prisão de 42 pessoas em cidades da Paraíba, a Polícia Civil do Estado constatou que integrantes do Primeiro Comando da Capital (PCC), estariam aliciando traficantes da ‘Al Qaeda’ para instalação de um núcleo da facção paulistana na Paraíba.

De acordo com o delegado Cristiano Jacques, o grupo que foi preso nesta quarta-feira (19), tinha ligação criminosa com o PCC.  A organização criminosa estava fornecendo drogas e armamentos, como meio de utilizar os traficantes paraibanos para o início da conquista de território.

“Os traficantes do PCC estavam mantendo ligação com o pessoal da Al Qaeda para um possível domínio em João Pessoa e em algumas cidades da Paraíba”, revelou o delegado garantindo que há ramificações do PCC na Paraíba.

A autoridade policial informou que os líderes da Al Qaeda estão presos em Presídios Federais, com exceção do traficante conhecido como Fão – que está recolhido no Presídio PB1 em João Pessoa.

“Apesar dos líderes estarem presos, eles conseguem com que a máquina criminosa funcione e continue dando lucros e comercializando entorpecentes”, comentou o delegado.

Empresa do crime

Segundo a Polícia Civil, durante as investigações, foi constatado que a organização criminosa, conhecida por Al- Qaeda era administrada como se fosse uma empresa. A facção era comanda de dentro dos Presídios de João Pessoa.

Para a Polícia Civil, o grupo é bem organizado, existindo hierarquia e tarefas bem definidas: liderança, gerentes, distribuidores, soldados do tráfico e vendedores diretos aos dependentes químicos.

portalcorreio

Comentários

Tags : , , ,

REDES SOCIAIS











ARTICULISTAS
Ramalho Leite
Karlos Thotta
Padre Bosco





INSTAGRAM @focandoanoticia


Focando a Notícia - CNPJ: 11.289.729/0001-46
Proibida reprodução total ou parcial deste site sem aviso prévio
jornalismo@focandoanoticia.com.br
(83) 99301.2627