Paraíba abre primeiro ambulatório para travestis e transexuais do Nordeste

Publicado em quarta-feira, julho 24, 2013 ·

clinicaUm ambulatório de saúde voltado para travestis e transexuais será inaugurado nesta quarta-feira (24) , às 15h, no Hospital Clementino Fraga, em João Pessoa. A unidade é pioneira no Nordeste e vai prestar atendimento em endocrinologia, ginecologia e cirurgia plástica, seja para quem quer fazer a transgenitalização (cirurgia de mudança de sexo) ou para quem deseja tomar hormônios para mudar o corpo. A fila para atendimento no novo ambulatório já conta com 25 pessoas.

CURTA o FOCANDO A NOTÍCIA no Facebook

De acordo com a diretora geral do Clementino Fraga, Adriana Teixeira, os pacientes são encaminhados pelo Espaço LGBT, da Secretaria de Estado da Mulher e Diversidade Humana. O acompanhamento dura em média dois anos, mas pode variar para mais ou para menos, de acordo com a evolução do tratamento. A diretora explica que, nesse período, é comum alguns travestis e transexuais desistirem da cirurgia. “Tomando exemplos de outros ambulatórios semelhantes em São Paulo e Minas Gerais, vi que muitos desistem, mesmo já estando com a cirurgia marcada. Por isso, que esse período de dois anos é necessário. Afinal, é uma cirurgia de grande porte e irreversível”, explicou.

Adriana Teixeira orienta que a triagem é feita pelo Espaço LGBT da Secretaria de Estado da Mulher e Diversidade Humana, e, portanto, os interessados devem procurar o setor para se cadastrar. Além dos transexuais que querem mudar de sexo, travestis podem fazer o tratamento de hormonoterapia para provocar mudanças na voz, mamas e pelos. O ambulatório também atenderá pacientes de estados vizinhos, como Pernambuco e Rio Grande do Norte.

A inauguração faz parte das comemorações pelos 54 anos de fundação do Complexo Hospitalar Clementino Fraga. Amanhã e na próxima sexta-feira, o hospital vai disponibilizar serviços de saúde, com testagem rápida de hepatite B e C e vacinação contra a hepatite B. Ainda vão ser realizadas palestras e mesas redondas. A programação termina no próximo domingo, dia 28, com atividades pelo Dia Mundial de Luta Contra as Hepatites Virais, na praia do Cabo Branco, na Capital.

 

Por Correio da Paraíba

Comentários

Tags : , , , , ,

REDES SOCIAIS


















Focando a Notícia -
Proibida reprodução total ou parcial deste site sem aviso prévio
jornalismo@focandoanoticia.com.br