Palmeiras vence Sport em “decisão”, encerra jejum e respira

Publicado em sexta-feira, setembro 7, 2012 ·

Foto: Ricardo Matsukawa/Terra

O Palmeiras ainda não saiu da zona do rebaixamento, mas conseguiu pelo menos respirar no Campeonato Brasileiro. Afinal, nesta quinta-feira o time paulista venceu a “decisão” contra o também ameaçado Sport por 3 a 1 e acabou com o jejum de quatro jogos sem vencer. É pouco para sair da degola, já que a equipe de Felipão está com 20 pontos, enquanto o 16º colocado Coritiba tem 22. Mas é muito para quem estava em tamanha má fase até agora.

Diante de um público com mais de 30.000 pessoas, o Palmeiras dominou o primeiro tempo, mas só conseguiu consolidar a vitória na etapa final. Contratados durante a temporada, Corrêa, Tiago Real e Obina marcaram para o time da casa. Rivaldo até descontou com um golaço contra seu ex-time, mas o Sport perdeu não apenas a partida, mas também uma posição exatamente para os palmeirenses, ficando com 19 pontos, em 18º lugar.

Com Obina no lugar de Barcos, que está com a seleção argentina, a escalação do Palmeiras teve o retorno de Valdivia, a manutenção de Tiago Real e também Correa como surpresa na lateral-dreita. Já do outro lado o técnico Waldemar Lemos apostou no 3-5-2 para tentar segurar o time alviverde. Mas os próprios atletas palmeirenses se complicaram no começo, já que cometeram muitos erros e desperdiçaram seguidos ataques.

Obina e Valdivia reclamaram de pênaltis aos 12min e aos 15min, mas o juiz Marcelo de Lima Henrique nada marcou. O Palmeiras até soube controlar a posse de bola, mas demorou para ter criatividade e ser incisivo. Isso só aconteceu aos 26min, quando Obina tabelou com Corrêa e saiu frente a frente com o goleiro. A finalização do centroavante fez a bola passar pelo goleiro, mas parou na trave, levando os palmeirenses ao desespero.

O domínio do time da casa continuou até que uma nova chance de gol foi criada, através de uma linha de passes, aos 33min. Já dentro da área, Obina arrumou para Tiago Real, que finalizou forte, mas Magrão fez difícil defesa. Até o final do primeiro tempo o Palmeiras ainda encontrou bastante espaço pelas pontas, já que o Sport atuava com alas avançados, mas não conseguiu cruzar com eficiência na área. Já o time pernambucano teve uma única chance de gol nos acréscimos, mas Bruno defendeu o cabeceio de Felipe Azevedo.

Os times foram para os vestiários com o placar de 0 a 0 e, disposto a mudar a equipe, Felipão trocou João Vitor por Artur, o que deslocou Corrêa para o meio-campo. E foi exatamente o volante ex-lateral que abriu o placar no Pacaembu: aos 8min, ele arriscou da intermediária e contou com falha de Magrão para fazer explodir a torcida do Palmeiras.

Mas a festa alviverde teve um minuto de interrupção, por causa de um lance incrível, aos 17min: o canhoto Rivaldo, ex-jogador do Palmeiras, acertou um chute forte de direita e superou o goleiro Bruno. A comemoração do volante, que saiu criticado da equipe paulista, foi de provocação, pedindo silência ao Pacaembu.

Mas foi o Sport que se calou na sequência: aos 18min, Luan fez um longo lançamento para Tiago Real, que chutou cruzado e desempatou a partida. A resposta rápida empolgou o Palmeiras, que voltou a marcar. Em nova boa participação, Tiago Real arrumou a bola para Obina marcar o terceiro gol palmeirense no jogo.

Apesar da festa da torcida ter aumentado, o jogo ficou mais frio após a consolidação da vitória do Palmeiras. Só aconteceu mais uma chance para cada lado: primeiro o Sport atacou com Gilberto, que ficou na cara do gol, mas chutou para fora, aos 38min; depois o Palmeiras quase transformou tudo em goleada, mas a cobrança de falta de Valdivia parou na trave. Pouco importava, pois o fim do jejum, e o fôlego na luta contra o rebaixamento já estavam conquistados.

Ficha técnica

PALMEIRAS 3 x 1 SPORT

Gols
PALMEIRAS:
Corrêa, aos 8min do 2º tempo; Tiago Real, aos 18min do 2º tempo; e Obina, aos 23min do 2º tempo

SPORT:
Rivaldo, aos 17min do 2º tempo

PALMEIRAS: Bruno; Correa, Maurício Ramos, Thiago Heleno, Juninho; Henrique, João Vitor (Artur), Tiago Real (Márcio Araújo) e Valdivia; Luan (Maikon Leite) e Obina
Treinador: Luiz Felipe Scolari

SPORT: Magrão; Welton, Bruno Aguiar e Diego Ivo; Moacir (Willians), Tobi, Rivaldo, Hugo e Willian Rocha; Gilsinho (Gilberto) e Felipe Azevedo (Henrique)
Treinador: Waldemar Lemos

Cartões amarelos
PALMEIRAS: Henrique, João Vitor e Thiago Heleno
SPORT: Diego Ivo, Willian Rocha, Rivaldo e Hugo

Árbitro
Marcelo de Lima Henrique

Local
Estádio do Pacaembu, em São Paulo (SP)

Terra

Comentários

Tags : , , , , , ,

REDES SOCIAIS











ARTICULISTAS
Ramalho Leite
Karlos Thotta
Padre Bosco





INSTAGRAM @focandoanoticia


Focando a Notícia - CNPJ: 11.289.729/0001-46
Proibida reprodução total ou parcial deste site sem aviso prévio
jornalismo@focandoanoticia.com.br
(83) 99301.2627