Pai pode ter trocado criança de três anos por crack e assistido estupro da própria filha

Publicado em segunda-feira, setembro 12, 2011 ·

estupro1As declarações foram prestadas por uma testemunha, que presenciou toda a negociação entre o pai e o estuprador. Ela disse que o pai desejava a filha.

Uma testemunha ocular, que não teve o nome revelado pela polícia, informou que o pai da menor das iniciais M.D.M, por nome de Nonato, de três anos de idade, estuprada no mês passado, na cidade de Cajazeiras vendeu a filha por quatro pedras de crack.

A testemunha declarou que presenciou a negociação entre o pai da menina e o estuprador, Francisco Gonçalves (Cabeção). Segundo ela, o próprio pai levou a menina de casa, enrolada em um lençol e a entregou ao estuprador.

“Foi Nonato que tirou a menina de dentro de casa só de short enrolada em lençol”. Declarou.

Segundo a mulher, o pai vendeu a filha que a desejava e como não teve coragem de praticar o ato, entregou a criança a “Cabeção” e assistiu a menina sendo estuprada.

“Ele tinha tesão pela menina”. Revelou a testemunha.

De acordo com o depoimento, a mãe da criança não sabia de nada.

Diario do Sertão

Comentários

Tags :

REDES SOCIAIS


















Focando a Notícia -
Proibida reprodução total ou parcial deste site sem aviso prévio
jornalismo@focandoanoticia.com.br