Oposição questiona veracidade de lista; Tião Gomes propõe ‘CPI do Gasparzinho’

Publicado em quinta-feira, Maio 19, 2011 ·

caça-fantasmaOs deputados estaduais das bancadas de oposição e situação divergiram opiniões, na manhã desta quinta-feira, 19, sobre a lista de servidores fantasmas do ex-governo Maranhão publicada na última edição da Revista Politika. A veracidade da relação de nomes e indício de factóide político foram os principais pontos comentados pelo deputado Gervásio Maia (PMDB). Já Tião Gomes (PSL) defendeu a formação de uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) na ALPB para investigar a acusação.

Ex-líder do governo Maranhão, Gervázio Maia, questionou a veracidade da lista de funcionários fantasmas. Segundo ele, a relação contém nomes de servidores lotados em várias escolas inexistentes no Estado.

“Ao ter acesso à lista, não foi difícil perceber que nos municípios em que foram apontados os funcionários fantasmas, as escolas não existiam, ou seja, são escolas criadas, é factóide político”, questionou o deputado. “Como é que alguém recebia dinheiro de uma escolha que não existe. Mesmo sendo este da ativa, inativo, fantasma, falecido, tem que ter a escola”, argumentou.

Ministério Público

Gervázio Maia também questionou a forma de divulgação da listagem. Segundo ele, a divulgação ocorreu como sendo originária de uma fonte do Ministério Público (MP), no entanto, ainda na tarde de ontem, 18, o próprio procurador Geral do Estado, Oswaldo Trigueiro, negou que o MP tenha vazado a lista com os servidores acusados de serem fantasmas e que integravam os governos anteriores.

“O Ministério Público não fez nenhum encaminhamento neste sentido, o que já deixa a lista ou os autores da mesma em uma situação de desconforto”, argumentou. O acusou o Governo do Estado de montar uma farsa. “É um factóide que estão criando cuja origem é o Palácio da Redenção”, disparou.

Outros deputados de oposição se manifestaram publicamente contrários a publicação da lista de servidores. Entre eles, Vituriano Abreu (PSC) e Anísio Maia (PT).

Garpazinho

Já o ex-aliado de José Maranhão (PMDB), o deputado estadual Tião Gomes (PSL) defendeu a formação de uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) para investigar a relação de funcionários fantasmas da gestão anterior.

Irreverente, o deputado deu um toque de humor ao acirrado debate e chamou a possível comissão de ‘CPI do Gasparzinho’.

Ângelo Medeiros
WSCOM ONline

Comentários

Tags :

REDES SOCIAIS













ARTICULISTAS
Ramalho Leite
Karlos Thotta
Padre Bosco





INSTAGRAM @focandoanoticia


Focando a Notícia - CNPJ: 11.289.729/0001-46
Proibida reprodução total ou parcial deste site sem aviso prévio
jornalismo@focandoanoticia.com.br
(83) 99301.2627