Operação Pit Stop: Detran-PB prende mais 3; agora, já são 10 acusados de fraudes afastados em Campina

Publicado em quarta-feira, outubro 3, 2012 ·

Sobe para dez o número de pessoas presas durante a operação Pit Stop, em Campina Grande, deflagrada na manhã desta quarta-feira (3). Os acusados de fraudar o Departamento de Trânsito do Estado da Paraíba (Detran) foram encaminhados para o Presídio Serrotão, em Campina Grande.

 O corregedor do Detran, Walber Virgulino, revelou ao Portal Correio, que as três presas no inicío da tarde de hoje em bairros de Campina Grande são despachantes e proprietário de veículos. Mais carros foram apreendidos.

De acordo com a Secretaria de Comunicação do Estado ( Secom-PB), dos sete presos na manhã de hoje, Cinco são servidores da 1ª Ciretran de Campina Grande, e os outros presos são proprietários de veículos.

O corregedor  disse que a quadrilha estava sendo investigada desde 2011. “Identificamos dez pessoas no grupo. Nos últimos meses intensificamos as investigações. Ainda estamos em diligências em busca dos outros participantes”, adiantou o corregedor.

 Segundo Virgulino, os servidores, que trabalhavam no setor de Vistoria, atuavam mudando o sistema operacional do órgão. “Eles recebiam carros deteriorados, capotados, sem placas, mas cadastravam como regulares”, explicou o corregedor.

O grupo vai responder pelos crimes de formação de quadrilha, falsidade ideológica, inserção de dados falsos no sistema e adulteração de identificação de veículo automotor.

O superintendente do Detran, Rodrigo Carvalho, informou que será instaurado um processo administrativo disciplinar contra os servidores.

Por Hyldo Pereira, com Secom PB

Comentários

Tags : , , , , , , , ,

REDES SOCIAIS











ARTICULISTAS
Ramalho Leite
Karlos Thotta
Padre Bosco





INSTAGRAM @focandoanoticia


Focando a Notícia - CNPJ: 11.289.729/0001-46
Proibida reprodução total ou parcial deste site sem aviso prévio
jornalismo@focandoanoticia.com.br
(83) 99301.2627