Nos pênaltis, Botafogo-PB passa pelo Central e vai as quartas da Série D do Campeonato Brasileiro

Publicado em domingo, setembro 8, 2013 ·

Voz da Torcida
Voz da Torcida

O Botafogo-PB tinha uma missão difícil neste domingo (08) no Almeidão, em João Pessoa, que era vencer o central por 2 a 0, ou por três gols de diferença para conseguir se classificar para as quartas de final da Série D do Campeonato Brasileiro.

A partida começou com o time paraibano tendo mais posse de bola. Aos 9 minutos Doda fez boa jogada pela esquerda e tocou para Fausto, mas a zaga do Central afastou o perigo. Seis minutos depois, outra jogada muito parecida. Dessa vez quem desceu pelo setor canhoto foi Celico. Ele cruzou para o camisa 9, mas a linha defensiva pernambucana mais uma vez afastou o perigo.

CURTA o FOCANDO A NOTÍCIA no Facebook

Apesar do Botafogo-PB ter mais posse de bola, o primeiro lance de perigo do jogo foi do Central. Erivelton cobrou falta com força, e obrigou Remerson a fazer grande defesa no canto direito de sua meta, aos 22 minutos. Aos 26 veio a resposta dos donos da casa. Lenílson cobrou escanteio do lado direito de ataque do Belo na cabeça de Pio. O volante apenas escorou para o gol. A bola ainda bateu no goleiro Juninho, mas morreu no fundo das redes. Belo 1 x 0.

E o gol animou o time botafoguense. Quatro minutos depois Pio cobrou falta da intermediária. Após bate-rebate, a bola sobrou para Lenílson, que de perna esquerda mandou para o gol, ampliando o placar, e naquele momento dando a vaga nas quartas de final ao Belo.

Mas no seu melhor momento da partida Lenílson acabou se contundindo após sofrer uma pancada, e acabou sendo substituído por Fábio Neves aos 35 minutos.

Com a vantagem embaixo do braço, o Bota se fechou no fim do primeiro tempo, e o Central foi para cima. Aos 41 minutos Luiz Fernando fez boa tabela com Erivelton, e saiu na cara de Remerson. Mas na hora de finalizar, o camisa 10 do time pernambucano acabou mandando a bola ao lado direito da meta botafoguense.

Segundo Tempo

A última parte dos 180 minutos do confronto começou com o Botafogo-PB tentando ampliar a vantagem. Aos 4 minutos Pio cobrou falta da intermediária, e a bola passou por cima do gol, levando perigo. Mas em seguida o jogo ficou morno, com o Bota administrando a vantagem, e o Central sem conseguir reagir.

Mas aos 19 minutos o Central cobrou falta do lado direito. Remerson falhou na saída e espalmou a bola na cabeça de Ítalo, e a bola morreu no fundo do gol do Belo. O time de Caruaru voltava a ter a vaga em suas mãos.

Com o gol sofrido, o Botafogo-PB ficou atordoado e foi para cima de qualquer maneira. Na base de chuveirinho na área, o time tentava pressionar para pelo menos fazer o terceiro gol e levar a partida para os pênaltis, mas não conseguia criar perigo. Fábio Neves e Pio ainda tentaram chutar de fora da área algumas vezes, mas sem assustar o goleiro Juninho.

E em mais uma bola parada, a pressão do Botafogo-PB surtiu efeito. Aos 37 minutos, Pio cobrou falta da direita. Mario, que havia entrado na vaga de Everton, desviou de cabeça e fez o terceiro gol do Belo na partida. E com o resultado, a partida foi para os pênaltis.

Pênaltis

Nas cobranças o Botafogo-PB ganhou mais um ídolo no gol. Após Genivaldo, Remerson assumiu o papel de herói do time ao defender a penalidade de Andrezinho. Pio, Mario, Ferreira, Fábio Neves e Fausto converteram suas cobranças, e o Botafogo-PB agora espera o vencedor do confronto entre Tiradentes-CE e Sergipe para enfrentar nas quartas de final da Série D.

Caso passe da próxima fase, o Belo já garante vaga na Série C de 2014.

 

 

Voz da Torcida

Comentários

Tags : , , , , , ,

REDES SOCIAIS













ARTICULISTAS
Ramalho Leite
Karlos Thotta
Padre Bosco





INSTAGRAM @focandoanoticia


Focando a Notícia - CNPJ: 11.289.729/0001-46
Proibida reprodução total ou parcial deste site sem aviso prévio
jornalismo@focandoanoticia.com.br
(83) 99301.2627