Nice Almeida – Cortaram minhas asas

Publicado em domingo, junho 5, 2011 ·

niceEu era bem pequenina, mas ainda me lembro bem daquelas imagens exibidas na televisão. Eram milhares de jovens, homens e mulheres saindo às ruas com um único objetivo: a conquista pela democracia e, consequentemente, a liberdade de expressão.

Todas aquelas pessoas queriam uma coisa muito simples, o direito de falar e mostrar que uma mesma história poderia ter várias versões. O sonho era também de mostrar que nem sempre a pessoa que contava aquela história era o dono da verdade.

Ver, ouvir e poder falar, esse era o grande sonho. Ter a liberdade de discordar, de expor suas ideias, suas opiniões.

Após as Diretas Já, a sensação era de que o grito finalmente ia ser solto da garganta. Aparentemente ele foi.

Só que anos depois de tanto sangue derramado, de tanta tortura, de tanta luta por um ideal, o grito é abafado.

É abafado pelo dinheiro, pelo poder, pela pseudo democracia que rege o Brasil, pela falta de ideal e garra que dominavam os brasileiros nos tempos áureos em que nem mesmo a tão dura e hostil ditadura militar que comandava o país conseguia calar o povo.

As asas criadas naquela época e que me fizeram acreditar que o sonho de alçar novos vôos se tornaria uma realidade me foram cortadas. Meus ideais, minha força, minha garra, meu brado, tudo se esfacelou.

Hoje, até por obrigação, continuo assistindo imagens nos telejornais, mas já não encontro mais aquelas… aquelas imagens de milhares de cidadãos brigando, sem medo, por aquilo que, eles acreditavam, seria o melhor para o seu país.

Onde está a crença? Onde está a vontade de mudar? Onde estão os ideiais? Onde está a força?

Cadê as minhas asas? Como vou poder voar?

O texto é de inteira responsabilidade do assinante

Comentários

Tags :

REDES SOCIAIS













ARTICULISTAS
Ramalho Leite
Karlos Thotta
Padre Bosco





INSTAGRAM @focandoanoticia


Focando a Notícia - CNPJ: 11.289.729/0001-46
Proibida reprodução total ou parcial deste site sem aviso prévio
jornalismo@focandoanoticia.com.br
(83) 99301.2627