Na PB, nova tecnologia viola caixas eletrônicos sem uso de explosivos

Publicado em terça-feira, junho 7, 2011 ·

caixa eletronicoEm apenas um dia, bandidos assaltaram cinco caixas eletrônicos em João Pessoa utilizando uma nova técnica que dispensa o uso de explosivos e induz a máquina a “cuspir” todas as cédulas. O alvo dessa nova prática são os terminais de autoatendimento do banco Santander. O Sindicato dos Bancários da Paraíba já registrou oito assaltos deste tipo no Estado só este ano. O último aconteceu neste fim de semana.

De acordo com Rogério Lucena, diretor do Sindicato, a nova modalidade consiste em apenas um buraco pequeno feito com a ajuda de um maçarico no caixa eletrônico. Com a abertura, os criminosos utilizam ferramentas para acionar um dispositivo que faz com que a máquina libere todo o dinheiro sem maiores estragos.

No último dia 29, o Sindicato registrou cinco casos desse tipo em terminais de autoatendimento do Santander no bairro Cruz das Armas e um em Mangabeira. No fim de semana mais três ocorrências foram registradas em uma agência do Centro de João Pessoa.

Segundo Rogério a nova modalidade faz com que o uso de tintas para manchar a cédula fique nulo. “O dispositivo para manchar as notas acontece só quando o caixa sofre uma explosão”. Sobre a prática acontecer sempre em caixas eletrônicos do Santander, Rogério acredita que apenas as máquinas dessa agência permitem que sejam violadas com a técnica.

O delegado Jean Francisco Nunes, do Grupo de Operações Especiais da Polícia Civil (GOE), informou que já tem conhecimentos sobre esse novo tipo de assalto, mas que até o momento nenhum dos casos está sob a responsabilidade do GOE. “Os boletins não estão sendo prestados. A gerência do banco Santander precisa registrar as ocorrências”, lamentou Jean Francisco. Jean disse ainda que os acusados da nova modalidade são,  possivelmente, de outros estados.

Assaltos na Paraíba

Até a manhã desta segunda-feira (6) foram sido contabilizadas 40 violações em terminais de atendimento e agências bancárias na Paraíba. Os dados são de um levantamento feito pelo próprio sindicato dos bancários.

ATAQUES A BANCOS NO ESTADO DA PARAÍBA 2011
Local Banco Tipo Dia/Mês
01 Riachão do Poço Bradesco Explosão

04/01

02 Mulungu Bradesco Explosão

05/01

03 Capim de Mamanguape Bradesco Explosão

08/01

04 Gado Bravo Bradesco Explosão

10/01

05 Cacimbas Bradesco Explosão

12/01

06 Juripiranga BB Explosão

14/01

07 Casserengue Bradesco Explosão

17/01

08 Remígio BB Assalto

24/01

09 Bessa Shopping – João Pessoa BB Explosão

28/01

10 Cabedelo Bradesco Tentativa

31/01

11 Campina Grande Bradesco Tentativa

31/01

12 São Sebastião de Lagoa de Roça Bradesco Explosão

03/02

13 Cubati Bradesco Explosão

04/02

14 Alto do Mateus – João Pessoa Banco 24 Horas Explosão

07/02

15 Juarez Távora Bradesco Explosão

08/02

16 Cabaceiras BB Explosão

15/02

17 Bananeiras BB Arrombamento

20/02

18 Olivedos Bradesco Explosão

26/02

19 Bessa – João Pessoa BB Arrombamento

08/03

20 Bairro dos Estados – João Pessoa Santander Arrombamento

14/03

21 Varadouro – João Pessoa Santander Arrombamento

20/03

22 Alto do Mateus – João Pessoa Banco 24 Horas Tentativa

22/03

23 Taperoá BB Assalto

29/03

24 Casa da Cidadania – João Pessoa Santander Arrombamento

31/03

25 Cruz das Armas – João Pessoa Santander Arrombamento

02/04

26 Cruz das Armas – João Pessoa BB Arrombamento

04/04

27 São Mamede BB Explosão

07/04

28 Duque de Caxias – João Pessoa Santander Assalto

25/04

29 Bairro dos Estados – João Pessoa Santander Explosão

30/04

30 UEPB – Campina Grande Santander Explosão

30/04

31 Beira Rio – João Pessoa BB Arrombamento

30/04

32 São José dos Ramos Bradesco Explosão

03/05

33 Cruz das Armas – João Pessoa Itaú Unibanco Tentativa

15/05

34 Secretaria de Saúde – João Pessoa BB Tentativa

27/05

35 Mangabeira – João Pessoa Santander Arrombamento

29/05

36 Cruz das Armas – João Pessoa Santander Arrombamento

29/05

37 São José dos Cordeiros Bradesco Explosão

31/05

38 São Sebastião de Lagoa de Roça Bradesco Explosão

02/06

39 Jaguaribe – João Pessoa Itaú Explosão

04/06

40 Centro – João Pessoa Santander Arrombamento

05/06

O maior alvo de explosões foram as agências do Bradesco, treze no total. No Banco do Brasil foram registradas quatro explosões, Santander duas e apenas uma no Banco 24Horas e Itaú. No total foram registradas 21 explosões, 11 arrombamentos, cinco tentativas e três assaltos.

O último caso de explosão aconteceu na madrugada do sábado (4) em um terminal do Itaú localizado em Cruz das Armas. Dois acusados foram detidos no domingo (5) quando tentavam roubar um carro no Geisel. Em 2010 foram registrados 26 assaltos com o uso de explosivos na Paraíba.

Veja abaixo a tabela das ocorrências registradas até esta segunda-feira

OCORRÊNCIAS NO ANO DE 2011

BANCO

Explosão

Assalto

Arrombamento

Tentativa

Total

BB

4

2

4

1

11

Santander

2

1

7

0

9

Bradesco

13

0

0

2

15

Banco 24Horas

1

0

0

1

2

Itaú

1

0

0

1

1

Totais

21

3

11

5

40

Comentários

Tags :

REDES SOCIAIS













ARTICULISTAS
Ramalho Leite
Karlos Thotta
Padre Bosco





INSTAGRAM @focandoanoticia


Focando a Notícia - CNPJ: 11.289.729/0001-46
Proibida reprodução total ou parcial deste site sem aviso prévio
jornalismo@focandoanoticia.com.br
(83) 99301.2627