Mortalidade infantil no primeiro ano de vida cai 80,44% na Paraíba e registra maior redução do Brasil de 1980 até 2010

Publicado em terça-feira, agosto 6, 2013 ·

bebeA taxa de mortalidade infantil no estado da Paraíba, no período de 1980 até 2010, teve a maior queda em todo o país, de 117,1 para 22,9 crianças mortas antes de completarem um ano de vida para cada mil nascidas vivas, o que representa queda de 80,44%. Com isso deixaram de morrer nesse período 94,2 crianças menores de 1 ano para cada 1000 nascidas vivas.

Os números são referentes ao levantamento “Tábuas de Mortalidade por Sexo e Idade” de 2010, realizado pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), divulgado sexta-feira (2). Segundo o levantamento, no Brasil em 1980 ocorriam 69,1 óbitos de crianças menores de um ano de idade para cada mil nascidos vivos; chegando a 16,7 óbitos 30 anos depois. Neste período deixaram de morrer 52 crianças menores de um ano de vida para mil nascidos vivos, representando um declínio nos níveis de mortalidade infantil de 75,8%.

CURTA o FOCANDO A NOTÍCIA no Facebook

Ainda segundo o levantamento, a esperança de vida dos paraibanos aumentou em mais de dez anos no mesmo período. Segundo o órgão, em 1980 os homens paraibanos tinha a esperança de vida de 54,05 anos, e as mulheres, 59,94, o que dava uma média de 56,99 anos. Já em 2010, a expectativa de vida dos homens é de 67,38 anos, e as mulheres é de 74,92, média de 71,17 anos. De acordo com esses números, em 30 anos, a expectativa dos paraibanos aumentou em 14,18 anos, sendo 13,33 anos os homens e 15,01 as mulheres.

Segundo o IBGE, entre os fatores que contribuíram para a queda da mortalidade infantil, destacam-se: o aumento da escolaridade feminina, a elevação do percentual de residências com saneamento básico adequado (esgotamento sanitário, água potável e coleta de lixo), a diminuição da desnutrição infanto-juvenil e um maior acesso da população aos serviços de saúde, o que proporciona uma melhoria na qualidade do atendimento pré-natal e durante os primeiros anos de vida das crianças. Também foram citadas ações diretamente realizadas no intuito de reduzir a mortalidade infantil, como campanhas de vacinação, atenção ao pré-natal, incentivo ao aleitamento materno, entre outras.


MaisPB com Secom PB

Comentários

Tags : , , , , , , , ,

REDES SOCIAIS




















Focando a Notícia -
Proibida reprodução total ou parcial deste site sem aviso prévio
jornalismo@focandoanoticia.com.br
(83) 99301.2627